terça-feira, 13 de novembro de 2012

Estado de carência.


Ando cheia de uma tal espécie de carência que até o cãozinho fofo que pulou nas minhas pernas hoje de manhã sentiu pena de me deixar correr sozinha os 6 km e me acompanhou ida e volta. Cachorro pega essas coisas no faro. E eu tentando vender o contrário.

Pra ser sincera, não tem sido nada fácil ver meus vínculos afetivos se perdendo na distância de morar longe da minha família e dos meus amigos antigos. Me sinto como uma foto guardada, da qual só se lembram quando alguém a encontra fortuitamente. Já fiz terapia pra entender essa minha dor de ausências. No início a psicóloga elogiou minhas respostas honestas (honestamente? Com a grana que eu tava gastando eu mentiria pra ela pra que, né?!). A psicóloga queria ser minha amiga. Devo despertar sentimentos maternais nas pessoas, porque ela achava que deveria cuidar de mim e me dar broncas. Um dia, na terapia ela me deu uma bronca terrível, até aí tudo bem porque eu mereci, mas ficou visivelmente sensibilizada quando desatei a chorar. Sentiu pena de me deixar chorar sozinha. Cobri o rosto com as mãos quando ela puxou sua cadeira pra perto da minha, tentou me abraçar, mas eu não queria abraço. Psicóloga é psicóloga; amiga é amiga; mãe é mãe. Mesmo assim, me dobrei como quem se contorce de dor e vergonha da mãe e chorei no colo dela como se fosse minha amiga. Resultado: não pude mais. Achei maldade não cooperar e acabei dando as respostas que a psicóloga queria ouvir pra ela ficar feliz e eu receber alta logo.
 
No estado de carência, a aproximação de alguém desperta sentimentos confusos e variados. Já passou por isso de querer um colo pra escapar de uma dor intensa, mas sua família e seus amigos estão longe e você se deixa chorar no primeiro colo que aparece? "Ora, Novinha, isso é normal". Pois então tome cuidado, porque muitas vezes só vai aparecer cachorro pra te dar colo, eles pegam essas coisas no faro. Aí você vai levar bronca, vai chorar muito e ainda vai pagar caro por isso.

164 comentários:

  1. Senhores e senhoras...

    Perdão.

    Houve mais de 200 comentários no post anterior e por isso os últimos não aparacerem.

    Vou repostá-los aqui. E respondê-los em breve.



    ResponderExcluir
  2. Comentário do Café (13 de novembro de 2012 13:15

    Realmente, impressionante o hype desse blog! Fiquei um dia sem entrar, e aumentou em 50+ os comentários nessa página. Essa mulher tem mel! Ou seria feromônio?

    ResponderExcluir
  3. Comentário do Café (13 de novembro de 2012 13:26)

    Acho que vc nem irá ver a resposta, eu quase não achei a sua, no meio desse mar de comentários, tantas threads em paralelo... Na minha época, não sou tão velho assim, tá? o Enem valia no máximo 30% da nota do vestibular. Eu gostava de fazer as diferentes provas. Hj, algumas estaduais ainda funcionam assim, com o enem como parte da nota. Não prestou estaduais não? Sei que é carioca, mas em SP tem umas boas na sua área! Sucesso! em Briefing.
    em resposta a Paloma... Confirma a regra, quem pergunta o que quer... : ),

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hei, café..

      A UERJ tem seu próprio vestibular do mal, vou fazer a segunda fase em dezembro.

      (:

      Excluir
    2. Boa prova menina!!! Não vou desejar sorte pq vc está se preparando, não precisa de sorte ;)

      Excluir
  4. Eu, dando pitaco no que a Tamara disse para a Paloma no post anterior:

    Tamara, minha flor... não sabia que tava assim, não... quando você falava em algo nesse sentido, nos posts anteriores eu imaginava coisinhas de namorado ou amigas...

    Espero sinceramente que tudo esteja melhor agora.
    : )

    ResponderExcluir
  5. Oi Novinha,
    Nossa, não imaginava essa solidão em vc! Cães sentem mesmo o nosso sentimento, verdade pura!
    A corrida, foi só exercício de rotina? 6k!? ual.
    Se a psicologa se envolveu com vc, nem tente psicologo! Vai ser perigoso... e se se envolveu, é hora de sair da terapia mesmo...
    Beijao e fica bem!

    ResponderExcluir
  6. Paloma, quanto ao que a Tamara disse a você...

    Tudo depende do objetivo final, né?

    Quando a Tamara queria ser Delegada Federal. Não tiinha como escolher outro curso alternativo pra isso. Tinha que ser Direito, pronto e acabou.

    Já quanto à Perícia Federal na área médica que ela citou. Aí você já terá que analisar outras coisas... abre-se uma vaga a cada 5, 10 anos! Daí você vai estudar 11 anos (graduação + teste para residência + residência) pra poder começar a estudar mais quanto tempo pra um concurso acirrado desses???

    Se o meu objeitovo fosse ser Perito Federal eu faria Contabilidade pois é o que mais tem oferecido vagas, demora 4 ou 5 anos apenas para se formar e o perito da área de contábeis ganha o mesmo da área médica... Veja que só estou analisando apenas os meios para atingir os fins.

    Enfim... o que quero dizer é que só estabelecendo bem os fins para escolher os meios. Estratégia. No inglês estrategy. Do espanhol, estrategia. Do francês estrategie... alguma coisa assim.
    kkkkkkkkk

    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, eu penso em Direito não só pela polícia, mas pelos vários caminhos que eu, teoricamente, posso seguir depois.

      É óbvio que sonho com a polícia e que vou me dedicar ao concurso, mas como eu já disse, sou muito pessimista e fico pensando no tempo que pode levar até eu passar.

      E pelo menos até agora, o único curso o qual todas as aéreas, superficialmente, me interessam.

      Eu não costumo ser uma pessoa fechada e até entendi o que a Tamara falou, mas é que quando eu penso na polícia, tudo bem, (tirando qualquer coisa da área de saúde) acho os outros cursos interessantes, mas e se eu sei lá porquê riscar a polícia da minha lista ? Vou fazer algo que não gosto ? É nisso que eu fico pensando...

      Excluir
    2. Ah não, nunca disse para escolher a área de saúde ou riscar a polícia da sua lista hahahaha. Essa parte da saúde é algo que me surgiu agora no fim do ano hahaha nada a ver, foi só um comentário.

      Comentei uma coisa que tem acontecido comigo agora no fim desse ano. Na sua idade, meus pais eram extremamente CONTRA eu querer polícia... Na sua idade, eu montei minha defesa, conversei com pessoas que eram da área ou estavam perto e expus para os meus pais quase como um seminário. Hoje eles me apoiam, mas no final das contas, eles são pais, não é? Isso eu nunca posso reclamar deles, se eu achar que vai me fazer feliz, meus pais vão até o fim comigo.

      E sobre fazer algo que você não gosta... Você vai ver que legal, conforme avançar no tempo e no curso, o número de oportunidades que surgem, inclusive de coisas que você nunca imaginava, ou seus outros mil interesses :)Enfim, te conto mais por e-mail sobre essa parte, se você tiver paciência haha.

      Excluir
    3. É, o comentário ficou meio com cara de "já sei o que eu quero, e ponto", né. :/

      Não foi a intenção, sério.

      Mas eu saquei o que você disse quando citou o interesse por Medicina, e quando disse pra eu não me restringir, e nem me apressar na escolha do curso.

      Acho que ficou meio confuso o último parágrafo. Eu quis dizer que o único curso (que eu saiba) que me interessa dentro ou fora da carreira policial é Direito, mas se surgir outro, quem sabe...

      Excluir
    4. Olha, Direito é bem diferente do que a gente imagina antes de entrar no curso. Eu sempre achei que soubesse o que me esperava, até entrar de verdade e começar a cursar... E perceber que eu ainda não sabia um monte de coisa. Mas isso é normal, você vai encontrar em qualquer profissão. E é como o Café disse, cedo ou tarde, na metade ou no fim do curso, você vai se perguntar "Que diabos to fazendo aqui?", principalmente se você é dessas bem orientadas e que se planeja direitinho, o que parece ser o caso. Pessoas "de boa" com os cursos que escolheram, só encontrei as que entraram "às cegas" hahaha

      E eu entendi o seu ponto, fica tranquila, não precisa pedir desculpas :). Na verdade, você me lembra bastante eu mesma, a Novinha tem razão hahahaha eu tinha uma conversa e um jeito beeem parecido, incluindo ser pessimista e tudo o mais.

      Mas também, acontecem aquelas coisas, né? Mesmo que você entre e não goste, você sempre pode fazer outra coisa depois. O legal da vida é isso, a gente não tá limitado a ser uma única coisa da vida, nem nosso temperamento é assim (quem dirá mulher, com tanta variação hormonal...). Então, vá tranquila.

      Mas não quero desiludi-la do curso, eu sou apaixonada por Direito. Muito, ainda mais porque a matéria me vem fácil. Meu único problema atual é que eu torço um pouco o nariz quando penso em mercado de trabalho, achei que saberia no que trabalharia caso não fosse polícia e... Bom, a prática me prova o contrário haha. Mas essa sou eu e meus problemas de idealismo.

      Excluir
  7. Oi Café!!!

    Com relação aos 205 comentários... perto do campo onde você escreve o comentário pra mandar, tem um link "carregar outros comentários" (uma coisa assim) clica lá que aparecem os outros 5.

    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, não sabia disso. Valeu pela dica! Aliás, nunca fui de ser assíduo comentador de nenhum blog...

      Excluir
  8. Sobre o Hype.... eu me faço a mesma pergunta que você fez todos os dias e até hj ainda não sei responder.

    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho a minha teoria. O seu blog reúne 3 elementos que juntos têm esse poder...
      Os elementos são: ...., .... e ....
      Lembra da minha primeira mensagem não publicada? Pois é. lá eu falo um pouco desses elementos, mas não ordenadamente, e só falei de 2 deles. ;)

      Excluir
  9. Comentário do Café (13 de novembro de 2012 13:22)

    (^_^) 。◕‿◕。 ◕‿◕ (^▼^) Sabia que vc iria me entender. Irei usar e me atentar mais a essas "carinhas" (^_~)

    ResponderExcluir
  10. Nossa!

    Você até tem carinhas novas aí, que eu não conhecia.
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb não conhecia, mas pesquisei só para ficar legal! rsrsrs

      Excluir
  11. Café... sobre este post...

    Como diria a minha então psicóloga... "ambígua não?"

    ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é... bastante! Se ela, que te conhecia 1000x mais do que te conheço, te considerava ambígua, imagine seus leitores que não sei quase nada de vc...

      Excluir
  12. Regina...

    Como é que é???

    Eu acho que você não quis dizer exatamente o que disse, ou você realmente disse exatamente o que eu acho que entendi?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca interagi com a Regina, mas conta aí o que ela falou, vai! Eu dou a minha interpretação! rsrsrs

      Excluir
  13. Futura Delta_

    Oi, Novinha!!!
    Boa noite?!

    Nossaaaa... qnt solidão?!
    Não consigo imaginar vc sentindo toda essa ausência...


    ResponderExcluir
  14. Novinha,

    Então, eu disse que as situações foram além da minha idade hahaha. Só recentemente admiti isso e percebi que encarei tudo com uma espinha de aço, porque olha. Se um dia nos encontrarmos, faço questão de te contar pessoalmente, aos detalhes, o negócio todo. Foi pesado, mas agora as coisas parecem que melhorarão, ou pelo menos começarão a entrar nos eixos.
    O problema é que agora estou com olheiras do tamanho de um crânio, cansada e o pessoal ainda fica naquelas de "Ai, não, mas você não pode se deixar abater assim!". Depois de quatro anos eu mereço uma fossa, obrigada.

    (E se tem algo que eu posso me orgulhar é a falta de intrigas com o respectivo. Éramos aqueles camaradas um do outro por anos, então na hora do perrengue um ergue o outro sempre, não importa o quê. Mais do que o relacionamento, a amizade que temos foi essencial para encarar esse ano, sério. Qualquer comentário além desse e eu vou virar brega e contar uma história de amor, então eu paro por aqui :P).

    Ah sim, acho que se eu tivesse escolhido Medicina, na idade da Paloma, eu consideraria o concurso mas em uma intensidade absurdamente menor do que foi à época da escolha de Direito. Seria algo como: "vou prestar, mas se não vier, tudo bem, serei médica". O pensamento tem cruzado bastante a minha cabeça atualmente, mas isso entra em toda aquela questão de arrumar minha casa.

    O que quis dizer, no final das contas, era para a Paloma abrir mais a cabeça em relação ao curso. A gente tem uma ideia do que quer com 17 anos, mas a vida muda e muito. Vou além, não é a vida exclusivamente que muda, mas a nossa cabeça. As experiências são outras, os aprendizados são outros e antes que você perceba, você já está nos 20 e pensando em como você mudou. Os tempos e os caminhos também.

    Você me falava isso e eu era toda teimosa sobre o assunto... Mas hoje, um pouquinho mais velha, vejo que é verdade. Sem contar os espinhos das arcadas que nos recusamos a ver até entrarmos na faculdade e sentirmos um pouquinho mais o clima.

    Paloma, aliás, se quiser meu e-mail, me dá um toque, ou passe o seu, e vamos conversando.

    ResponderExcluir
  15. Dor intensa da ausência.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  16. Regina,

    Amiga linda... não vou publicar pra te proteger. Entendi o significado do que você disse, perfeitamente, e é isso mesmo.

    Mas tem gente MUITO maliciosa lendo isso daqui, portanto, se na minha cabeça houve uma conotação sexual pejorativa ERRÔNEA no que você disse, imagina o que eles vão comentar.

    ; )

    Beijo amiga linda... sobre o que você me pediu... tô aguandando informações do MEU "informante"
    rs rs rs

    Mas acho que vai dar certo.

    Beijo, amiga linda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "mas bah tchê" Ainda prego um desses por ae

      Excluir
  17. Gente!

    Obrigada pelos comentários (TODOS)...
    Tô atrasada!!!

    Mas volto pra responder um por um.

    : )

    ResponderExcluir
  18. Oi, Novinha !

    Nossa, mas eu não sirvo pra ser terapeuta, só de ler meu deu vontade de te abraçar também, rsrs.
    Se uma pessoa chora na minha frente, eu choro junto, cara.. dá não. rsrs


    ResponderExcluir
  19. Ainn novinha, sei bem o que isso...moro longe de casa faz 6 anos, a gente fica muito frágil mesmo ou muito forte, mas a verdade é que realmente há dias que queremos somente um colo para desabafar, alguém q pegue no nosso pé, que puxe a orelha, a sensação de está perto de quem nos ama...não tem preço!! É unica, o chato é q só se descobre isso quando estamos distantes, eu tbém me sinto uma fotografia as vzs até 3x4, preto e branco...infelizmente faz parte da vida. E quanto a se apegar a qualquer um, é um perigo! Um risco! Cuidado novinha confiar, se apegar, esse afeto relâmpago é o primeiro passo para a decepção, na maioria das vzs. Se cuida moça, isso logo passa. Bjokas

    ResponderExcluir
  20. É...penso que superar nossos limites até pode não ser tão difícil. Difícil é aguentar as consequências...

    ResponderExcluir
  21. Eu tô pagando caro.
    Cada sessão é isso...
    =(

    ResponderExcluir
  22. Ahh, a gente é sozinha mesmo!!!
    Acho q são lições q devemos aprender e essa é uma das mais duras.

    ResponderExcluir
  23. Tive uma amiga essa semana que reclamava justamente o contrário, que a psicóloga dela só a fazia falar, falar, falar, falar e as soluções expostas eram mínimas. Acho que ela pedia por uma bronca.
    Vou procurar por um(a) assim que meu semestre terminar... E o medo? Tenho uma amiga que faz Psicologia e fica me avaliando com aquele ar, tenho medo que eles façam o mesmo hahaha

    Minha saudade é o contrário. Sinto uma falta descomunal de quem vai pra longe, acabo me sentindo meio sozinha :/

    Espero que esteja tudo bem por aí Novinha :)

    ResponderExcluir
  24. Oi Café!

    Bom, 6 Km é pra uma segunda-feira light. Meu treinamento é mais complexo. Tem treinamento que é só pique de 100 ou 400 metros (bom para o teste de 12 minutos). Tem dia que vou trabalhar de bike. Tem dia que é pra soltar a musculatura no corridão (10 KM)... Às vezes vou de patins...

    E você?
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que inveja! Eu sempre fui ruim para corrida. Atualmente aguento 3km correndo a 10/11 Km/h que é a velocidade necessária para passar no TAF, mas termino morrendo...
      Essa corrida de 3k é na rua / parque, 1 vez por semana.
      Fora isso, na academia corro dia sim dia não 1.1km em velocidade constante de 11 km/h. Irei aumentando a distancia com o tempo.
      Faço natação 2 vezes por semana (+/- 3km de nado por semana).
      Musculação 4 vezes por semana...
      Qual a distância do seu trabalho até sua residência? Imagino que a maior parte do caminho é plana!
      Na época da faculdade eu ia todo dia de Bike.
      Ir de patins, nossa SHOW!
      posso inferir que vc está mesmo em forma.
      Treino de pique de 100 / 400 é bom para o teste de 12 min? Valeu pela dica, farei!

      Excluir
  25. Café...

    Você não sabe nada sobre mim, mesmo. Isso é notório. Mas não subestime os outros.

    Por exemplo: A Tamara foi uma das primeiras leitoras a chegar aqui. A conheço desde que ela era concurseira. A Tamara me conhece muito bem, eu diria, e conhece melhor ainda esses detalhes de concursos para cargos da Federal. Isso que eu disse dos Peritos e Delegados são fatos do domínio público... Nada demais.
    : )

    Já sobre os "elementos" (...). Se sua teoria estivesse certa, todos os blogs que contém tais "elementos" teriam a mesma repercussão que o meu tem, né. Vai conferir, pra ver se é igual.kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    : )

    ResponderExcluir
  26. Futura Delta...

    Acho que não é solidão não. Amigos novos eu tenho às pencas. A falta que sinto é dos amigos antigos. Das minhas raízes.

    : )

    Sinto muita falta deles.
    : (

    ResponderExcluir
  27. Entendi Tamara, é, pelo visto essas experiências estão fazendo você amadurecer rápido, né?

    Essas crises familiares são terríveis amiga. Passei já por algumas na vida... É muito dífícil. Entendo essas suas olheiras.
    : )

    Nossa, mas esse teu namorado então, parece ser um achado, né? Vocês já estão juntos há um tempão, né??? Ele tá na faculdade também? E o que ele pensa sobre sua vontade de ser policial?
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho... Às vezes ainda bate a sensação de insegurança e me sinto 30 anos mais velha, mas com o tempo tenho aprendido devagarzinho a pegar só a parte boa de tudo isso e crescido.


      E ele é um achado, sim. A gente está um do lado do outro há um tempão, mas não como namorados. Namoro é bem recente, coisa de um ano e pouco. Éramos melhores amigos antes disso... Na verdade, ainda somos, então às vezes tenho puxões de orelha e ombro do melhor amigo, não do namorado. Mas é bom, é o tipo de camaradagem que realmente ajuda. Ele tá na faculdade também, não na minha, é um moço exatoide.

      E o que ele acha? Ele acha que isso é a resposta exteriorizada da minha vontade de "arrumar" as coisas kkkkkk sério. Ele me apoia incondicionalmente no que eu decidir, mas não gosta de me imaginar com uma arma na mão ou pensar que posso sair pela porta de casa e não voltar mais.

      Reli seu texto e me deu vontade de te abraçar. Podíamos morar todas no mesmo lugar, né? Ia ser tão mais reconfortante...

      Excluir
  28. Spartanski,

    Eu disse que ainda faria um post sobre isso, lembra?

    : )

    ResponderExcluir
  29. Bom dia Djordain!!!

    : )

    Foi cansativo, corrido, mas foi um dia excelente!

    ResponderExcluir
  30. DoceAcida!!!

    Que bom que você resumiu em outras e melhores palavras o que tentei dizer. É exatamente isso aí.

    E o que vc faz pra driblar essa saudade???
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainn Novinha essa saudade, na verdade não passa nunca, ameniza apenas, minha mãe sempre vem me ver, mas dá uma dor fico olhos cheios d'água na hora dela ir embora... é muito ruim. Vi vc comentando sobre os amigos antigos...xii isso é tenso, pior q essa saudade é quando aquelas pessoas q a gente imaginava ser amigos nos esqcem, qdo acontece de encontrar aquela amiga q vc adorava, ir falar toda empolgada e receber um frio, oi! É de ficar com a cara no chão... mas uma coisa é verdade, a distância não esfria as verdadeiras amizades.
      Mudando de assunto.... eu acho muito massa o jeito que vc e Spartanski conversam, passa um sintonia... uma coisa boa!! Bjokas p vcs!! :)

      Excluir
  31. Mamede!

    Seu comentário me surpreendeu.
    De fato. A distância foi uma opção, uma consequência de uma conquista.

    Obrigada por ter vindo!
    : )

    ResponderExcluir
  32. Lê!!!!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Eu fico feliz por saber que você me entende tão bem! Você é fantástica.

    : )

    Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  33. Roberta!!!

    Que triste isso, amiga.
    Vem cá.
    Me dá sua mão.

    Vamos juntas!!!
    : )

    Um abraço gigante porque você também tá precisando.

    ResponderExcluir
  34. Tamara,

    Tá tudo bem...

    Entre ficar e ir, eu prefiro ir!
    : )

    Apesar de que quando eu saí, meus amigos ficaram juntos e eu fui sozinha. Se eu ficar e só um for eu tenho muitos outros, né?

    Mesmo assim, quando você sai, como foi no meu caso, tem um mundo enorme lá fora pra explorar. É como o Mamede disse: vencer os desafios é até fácil difícil é aguentar as consequências.

    : )

    É punk!

    ResponderExcluir
  35. Respostas
    1. "Spartanski,

      Fala sério...

      kkkkkkkkkkkk"



      risos!

      ;)

      Spartanski

      Excluir
  36. Paloma...

    Cuidado com as suas palavras.
    Se alguma estranha aparecer na sua vida pedindo um abraço é bem provável que seja eu.

    Tô até pensando em virar ativista da Free Hugs.

    http://www.youtube.com/watch?v=hN8CKwdosjE&feature=endscreen&NR=1

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Own, vem cá. Adoro abraços. Eu era aquelas criancinhas que abraçavam os macotes nos jogos, kkkkk. Mentira, ainda sou.(:

      Eu acho esse pessoal com essas plaquinhas super fofos. Tem uma galera na UFRJ que faz o trote assim. *-*

      Apesar de "capitar" o humor do texto, achei um pouco tenso. Fica bem, tá ? '-'

      Excluir
  37. Queria te dar um abraço...

    (Pena que as vezes o instinto fala mais alto, e algumas vezes também já fui cachorro.)

    (sinceridade maxima on)

    Bjs

    ResponderExcluir
  38. Tá recebido e retribuído, seu Guarda.

    : )

    Obrigada!

    ResponderExcluir
  39. Café...

    Corrigindo, porque me expressei mal...
    Eu não vou PARA O TRABALHO de patins, é só mais uma das modalidades que pratico pra estar em forma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E a distância? E sobre ser plano ou acidentado?

      Excluir
  40. Café...

    Divide seu comentário em pedaços menores por favor... não consigo ler tudo antes de aprová-lo.
    ; )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh não, aquele comentário sobre os ingredientes do seu blog!? O que estava mais inspirado!!!! E vc perdeu? Eu não tenho cópia... e não sairá igual... foi de momento.
      Mas como assim? nem foi tão grande, tem comentários meus, e da Tamara e da Pamela maiores...

      Ou foi aquele que não era para publicar? Aquele vc leu inteiro?

      Excluir
    2. o_O -> :@ -> :'(
      Vc nao ficou com nada? nenhuma parte?

      Excluir
  41. Paloma!

    Se eu soubesse que iria ganhar tantos abraços gostosos assim eu teria escrito esse texto antes!

    Obrigada pelo carinho!

    Vc tá chegando e eu terei que sair lindinha. Dar atenção para o meu gatinho.

    : )

    ResponderExcluir
  42. Âi Ai Guerreira parece aquelas coisas de "Feito para você" ou melhor para a Isis rsrsrs, carência sua feia vai embora vc me deixa tão vuneravel.

    Amiga tenho tanta coisa para te contar!!! Fiz o TAF e não passei(ooou melhor não me passarão), bem fiz o TAF da PM do meu estado a questão era que durante os exercícios eles prometerão nos corrigir caso estivessemos erando o movimento. Lá vai eu linda, bela e determinada, tinha treinado 2 meses no veneno sem descanço academia, clube, alimentação e oração. Quando estava fazendo a 8° flexão de braço com o joelho no banco certinha minha irmã olhando e torcendo lá do outro lado da quadra o instrutor ordena: mais a frente candidata, pensei: meu joelho vai sair do banco. Dito e feito meus joelhos sairam do banco mas consegui fazer conforme o edital, no entanto quando me levanto já morta da Silva ele me diz: VOCÊ SÓ FEZ 8!(cara tive que lembrar que ele era policial e eu não pq a minha vontade era de...deixa pra lá). Fui para o repeteco(detalhe sem intervalo, o que no edital nos dava esse direito), mas não conseguia meus braços tremiam meu rosto ia ao chão toda hora e até o último segundo tentei obviamente com outro fiscal que contou todas as flexões, certinha exatamente como havia feito com aquelas 8 primeiras.
    Guerreira todos me disseram para entrar com mandado de segurança e sei lá mais o que pq tudo ali era na base do QI, mas decidi não fazer isso e nem usar QI que tinha, eu estou tão convicta de que fiz tudo que podia e um dia eu vou entrar para a polícia na raça que isso é apenas uma das provas que testa a nossa paciencia, coragem e determinação. Sim foi muito chato ver a expectativa da minha família e dos meus amigos que me acompanharam(mamãe até chorou) não pela Policia, por ela nem em sonho eu entrava mas ela chorou pq viu a filha que sonhou, trabalhou, acreditou e não desanimou, ter seu sonho adiado e é isso dói,mas disse a ela: Não aguenta mãe eu continuar te enchendo o saco com essa historia - pede pra sair! kkkk ria muito para esconder o choro. Assim eu continuo treinando e estudando para a proxima prova agora da Civil(o que me interessa mucho mas).
    Bem Guerreira em miúdos o sentimento foi escrito lá na terra de Facebook assim:
    "Como poderia eu não acreditar na vida? Como poderia abaixar a cabeça e pensar em desistir? se foi tão duro, tão difícil chegar até aqui? Lutei até o ultimo minuto mas não foi o suficiente. A vida é dura e não admite falhas. Todo o treinamento, toda dor, cada abnegação não foi em vão. Mas a vida quer mais então eu darei mais, treinarei mais, estudarei mais, me sacrificarei mais e sonharei mais alto....Não adianta chorar e nunca vou pedir pra sair. Eu nasci assim ou me tornei assim? DETERMINADA!
    Tô mais forte, mais guerreira mais valente. Porque quando eu caio é para cima.
    Só tenho a agradecer aos amigos e a família que tanto me apoiaram - vocês são tudo para mim.
    Agora de cabeça erguida retorno ao ringue e acredite eu posso não bater tão forte mas posso apanhar o dia inteiro até você cansar e ai nessa hora você vai abaixar a guarda e eu não falharei."

    Um desses agradecimentos é a você Mulher na Polícia que tem me acompanhado desde 2010 quando eu timidamente cochichava o sonho de ser policial. Vamos a luta que um dia vamos chorar é de alegria. Desculpa ser tão prolixa mas sabe com é né! ^^ um bj fica com o nosso Deus que esta no controle de tudo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Força guerreira, sua hora vai chegar!!! :)

      Excluir
  43. Novinha, se dê por contente, pois ainda tem um cachorro, dos animais (incluindo o homem), ele é o mais humano. Bjos.

    ResponderExcluir
  44. Oi Eder!!!

    Boa noite!

    Os cães ladram e a caravana passa.

    : )

    ResponderExcluir
  45. Isis...
    Isis!

    Não chora por isso não...

    Eu sei que na hora dói. Mas eu também já fui reprovada em vários. Somente hoje eu posso dizer... ainda bem que foi assim.

    Porque este aqui é muito melhor.

    Se você deu o seu máximo e não deu certo, confie em Deus, que ele sabe o que faz.

    Abra seus olhos para outras oportunidades que Deus vai te mostrar.

    Beijo grande com muito carinho pra vc!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando vc diz ter sido reprovada em vários. Quantos foram os TAFs da polícia para a qual trabalha que vc fez?
      Fiquei curioso se vc prestou concursos para outras Polícias ou só para a que está trabalhando, que sabemos qual é, mas essa pergunta pode ser respondida de forma sem explicitar esse fato.

      Excluir
  46. Oi Tamara...

    Sabe que todos os meus ex-namorados hoje são meus amigos? Bons amigos inclusive.

    Mas curiosamente eu nunca fui "amiga" do meu amor. Eu praticamente já o conheci namorando. Às vezes é estranho porque eu não sei como seria ser "amiga" dele.
    : )

    Porém quero deixar como está. Não se mexe em time que está ganhando, né?
    : )

    Obrigada pelo carinho nas palavras e pelo abraço também.

    Um beijo pra você.

    ResponderExcluir
  47. Oi Novinha, bom dia.
    Eu fiquei um pouco confuso sobre vc nao ter publicado a minha resposta devido ao tamanho, e minutos depois, ter publicado o comentário-livro da isis.
    Então, conclui que vc não consegue ler o comentário inteiro se for grande, mas alguns, vc aprova por considerar serem risk-free. Mas o meu, mesmo lendo parte, vc achou arriscado, é isso?
    Se sim, imagino que alguns comentário que enviei para não serem publicados vc tb não consegui ler inteiro? (esse comentário é para vc, pode ou não publicar, tanto faz, apenas gostaria de entender o que realmente aconteceu. quero saber qual é a regra para mim.)
    Eu nem sei mais o quanto escrever por comentário....

    ResponderExcluir
  48. @Paloma, @Tamara
    Acho interessante algumas coisas em comum entre nós à época da faculdade. Me chama a atenção o seguinte: "sou pessimista" ou "as pessoas dizem que sou pessimista". Na minha época, eu me dizia ser REALISTA enquanto uns achavam que eu era pessimista. E é engraçado, pq no fundo temos um certo orgulho pois vemos o mundo com olhos diferentes dos que nos cercam...
    Mas o que gostaria de ter ouvido é o que vou dizer a vcs:
    "Ser otimista, faz bem! Te faz mais feliz e te abre mais portas..."
    Cultivar o pessimismo é perigoso, pode te levar a distimia! Que é uma doença psíquica.
    Lembrem-se é feliz aquele que ri! E não o oposto: Ri quem é feliz.

    ResponderExcluir
  49. @Pamela
    Sobre a escolha do curso de graduação, eu acredito que aos 17, 18 anos não temos bagagem suficiente para tal decisão, como disse no blog da @Tamara. Contudo temos de escolher.
    Um ponto que percebo que quase ninguém se atenta ou é alertado à época do vestibular é que, alguns cursos de graduação irão praticamente selar sua vida profissional dentro do Brasil.
    Cursos como Medicina, Odontologia e Direito, praticamente não tem seus diplomas reconhecidos em país nenhum do mundo!
    Ou seja, formando nesses cursos, se um dia quiser trabalhar e morar fora do Brasil, terá de abrir mão de sua profissão. Será mais difícil.
    Outro cursos como Administração e quase todos de Exatas tem boa receptividade no exterior.
    Não estou dizendo que com Direito é 100% impossível, mas é muito difícil.
    Já morei e trabalhei fora e conheço muitos que fazem ou fizeram. É uma ótima experiência de vida.
    []s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aceito seu ponto de vista, aceito de todos na verdade, rsrs.

      Só discordo de uma parte, como a Novinha falou depois, não acho que o curso tem esse poder de libertar/prender a pessoa no país. Não necessariamente o curso.

      (;

      Excluir
    2. Oi Paloma, tudo bem?
      Talvez eu tenha mesmo me expressado errado. Com certeza vcs estão certas, não prende não. As pessoas são livres independente do curso. O que quis dizer foi estritamente com relação ao reconhecimento do diploma por outro país. Conheço casais, onde um dos dois pôde exercer sua profissão em outro país, e a outra pessoas se frustrou por ser proibida devido seu diploma. Conheço pessoas que estão fazendo uma segunda faculdade, com o único intuito de imigrar no canadá, pois a primeira formação o proibia disso. A informação que dei era apenas com enfoque de imigração em outros países via reconhecimento de diploma.
      Claro que qualquer um pode uma infinidade de coisas independente da formação, a exemplo:
      Ser presidente do Brasil: Não exige formação.
      Ser CEO da empresa mais poderosa do mundo: Bil Gates e Steve Jobs
      Ser o H mais rico do Munod: Bil Gates por anos
      Bil Gates e Steve Jobs, nem diploma superior eles têm.
      Vc é do tamanho dos seus sonhos. Não será um diploma que vai te segurar.
      Não quero desencorajar ninguém a fazer Direto. Só quis add informações que eu só tive acesso anos depois de formado.
      No mais, irei parar de dar pitacos na sua vida. ;)
      Desejo sucesso! Qquer coisa estou a disposição via meu email que se encontra no meu perfil do Blogger.

      Excluir
  50. Para todos os futuros PFs desse blog:
    Vcs tem certeza de que querem isso?
    Eu recomendo a leitura dos artigos do site da federação dos PF: http://www.fenapef.org.br/
    Entendam as suas lutas e reivindicações para ter uma noção mais realista da vida dentro do DPF.
    Saibam do número de suicídios cometidos dentro dos corredores, salas, banheiros do DPF... por agentes, papis, escribas e deltas em suas casas.
    Para entrar no DPF o cara tem que ser fera! Estudar muito, ser inteligente, culto. Malhar, estar em forma. Boa forma física, psíquica e mental. Mesmo assim, depois de entrar, alguns se matam? Se drogam? Se acabam em remédios e comida? Qual será o motivo?
    Futuros DELTAS: estão cientes da guerra entre DELTAS vs TODOS OS OUTROS da PF? Pois bem, espero que os futuros estejam dispostos a entrar sem tanto ego, com mais humildade e afim de acabar com essa guerra e unificar o DPF.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Café!!
      Então... já soube de vários comentários sobre essa tal ''crise interna'' que acontece na DPF. Conhece esse blog http://sandro-anjodanoite.blogspot.com.br/? Ele é APF e fala quase o mesmo q vc no comentário anterior. Estuda p PF?? Abraços!! :) Boa semana!!

      Excluir
    2. Olá DoceAcida, boa noite!
      Sim, conheço o blog dele, já assisti a vídeos dele, já troquei emails com ele. Admiro ele.
      Meu comentário é mais como um alerta mesmo. eu comecei a ler o site da fenapef sem ninguém me falar dele. Assim como o site da fenapol e adpf. Outro dia li no da fenapol sobre o projeto de lei de atribuir a PF investigação de assalto a bancos! Gostei :)
      Positivo, estudo para PF. E vc?

      Excluir
  51. Estão sabendo que a Dilma cortou Verba, VERBA grande, destinada ao DPF e mandou esse dinheiro para as forças armadas? Com a desculpa que o motivo foi a greve da PF?
    Mas seria mesmo por isso ou pelo fato de haver gravações, legais, da PF que incriminam ou levantam suspeitas contra a alta cúpula do PT? Inclusive o nome Dela citado em gravações no caso Cachoeira.
    Como será a vida no DPF cuja atribuição inclui combater a corrupção do governo federal, que parece entender ser melhor, por isso, sucateá-lo?
    Não quero fazer ninguém desistir da PF, pelo contrário, quero que entrem os bons, éticos e corajosos dispostos a unificar a PF, melhora-la e combater com afinco os crimes cometidos em nosso País!

    ResponderExcluir
  52. Boa tarde, Café!

    Como foi de feriado?

    A regra é ler todos os comentários antes de aprovar. Eu só não publico quando alguém pede pra não publicar. Essa é a regra para todos os comentários, indistintamente.

    Vc tá meio paranóico, não sei por que.

    : )

    ResponderExcluir
  53. Café...

    Sobre ser pessimista, realista, otimista...

    Cada um vê as coisas de um jeito.

    Tem gente que acorda sorrindo porque tá chovendo, outros acordam mal humorados pelo mesmo motivo. A chuva não tem culpa de nada!

    Ainda bem que somos diferentes!
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida, acho que é um pouco mais complexo do que colocou. Não é apenas sobre a ótica com a qual vemos o mundo, mas é muito mais sobre o animus interno para encarar as situações. Na psicologia, é muito bem definido esses dois estados internos, que influenciam nosso comportamento. É associado com auto-estima, e na medicina, já há estudos mostrando que influencia inclusive no sistema imunológico.
      Imagine uma competição olímpica. Natação, se o Phelps pular na piscina pensando "Não vai dar para mim, não estou preparado" as chances dele chegar em primeiro diminuem.
      Mas ainda bem que somos diferentes, claro. O que seria do azul se todos gostassem do amarelo?
      Um bom dia para vc tb.

      Excluir
  54. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  55. Complementando o que o Café falou sobre cursos superiores...

    Eu tenho uma bronca de quem pensa nas carreiras de forma estigmatizada.

    Tem médico trabalhando em empresa, tem advogado trabalhando na polícia, tem professor de educação física dirigindo empresas (academias), tem contador dando aulas, tem fisioterapêuta com escritório de consultoria, posso ser jornalista e trabalhar no serviço público...

    Ah, e eu posso fazer Direito e escolher a carreira diplomática, trabalhar na ONU, dar consultoria para empresas estrangeira no exterior no que concerne às suas filiais no Brasil...

    Ser médico, ou odontólogo das forças armadas e viajar o mundo inteiro...

    As possibilidades não se limitam ao que se vende naqueles testes vocacionais...




    ResponderExcluir
  56. " 'Cause there's a side to you that I never knew, never knew.
    All the things you'd say, they were never true, never true.
    And the games you'd play, you would always win, always win.
    ....
    But I set fire to the rain, watched it pour as I touched your face ....
    And I threw us into the flames.
    Well, it burned while I cried. "

    http://www.youtube.com/watch?v=Ri7-vnrJD3k

    ;)

    ResponderExcluir
  57. [Carreiras de forma estigmatizada]

    Restringir possibilidades em pensamento único e imutável é tão "perigoso" (ou mais) quanto arriscar o novo e o "improvável" - penso.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  58. Oi Spartanski!!

    É um pensamento limitado e limitante.

    : )

    ResponderExcluir
  59. Vixe...

    Existe essa palavra limitante ou devo dizer limitador???
    : )

    ResponderExcluir
  60. Olá, Novinha!

    Resp.: Fato.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  61. : )

    E aí???

    Para o final de semana, tá firme?
    Amanhã, já, né?

    ResponderExcluir
  62. Esperando só o sinal.


    Status: Firme.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  63. Vamos fazer o mesmo planejamento do feriado???

    Se você me ajudar eu acho que fecho aquele livro nesse fds!

    hehehe

    ResponderExcluir
  64. Café...

    Sempre tive muita facilidade e sempre pratiquei esportes.

    : )

    ResponderExcluir
  65. Achei eficaz o planejamento. Podemos permanecer nele.


    É? Vamos fechar, então?! Estou pronta pra largada.

    ;)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  66. Ok...

    Me dá seus objetivos que me adapto.
    Vamos juntas!

    : )

    ResponderExcluir
  67. Pois é Café...

    Infelizmente não tive acesso ao teu comentário, mas isso acontece mais do que você imagina.

    É que você não lê o que nós conversamos nos comentários, né? O pessoal reclama mesmo dessas falhas, mas isso não é culpa minha.
    : )

    Ou, sei lá... talvez eu não esteja sabendo usar corretamente.

    Mas take it easy.

    Don't worry.
    Be happy!
    Because everything is gonna be all right!!!
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nao tinha notado. Aos poucos vou lendo as conversas sim.
      Nem todas ainda...
      Recebeu a música que mandei? era esse o recado dado? Faz sentido aquele trecho, né? Não a música toda, mas o trecho .. rs

      I am happy :)

      Excluir
  68. Fiz um reajuste hoje. Já está organizado.

    :)


    Obj.: Finalizar aquele trecho faltante, iniciar outro ciclo e fechar mais duas. O que achas?

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  69. Excelente!

    Vou tentar organizar aqui.

    Então serão 3 ciclos por dia, né?

    Começamos no mesmo horário???

    : )

    ResponderExcluir
  70. Positivo.


    Por mim, mesmo horário. A não ser que queiras sugerir outro.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  71. Spartanski,

    Em time que está ganhando não se mexe... vamos fazer igual.

    ResponderExcluir
  72. Opa!!!

    Seja bem vindo, Café!

    Vc tem algum plano de estudos para o fds?

    ResponderExcluir
  73. " Em time que está ganhando não se mexe... vamos fazer igual." [2]

    Spartanski

    ResponderExcluir
  74. Sim sim! D. ADM e Const e Penal. Corrida de 3+km no parque em um dia, e musculação no outro.
    Obs. Tenho q tomar cuidado com as matérias, para não denunciar a prova que vou fazer, né?

    ResponderExcluir
  75. Oi Paloma!!!

    kkkkkkkkkkkk

    Vai estudar, menina...

    Some daqui!
    : )

    Tava até pensando que vc tinha se mudado para o blog da Tamara e me abandonado... (rs rs rs)

    Aquele blog é viciante, né???

    Pena que ela escreve pouco...

    Beijo Paloma,
    Beijo Tamara!

    Bons estudos!
    Podexá, que eu tô ligada...
    : )

    ResponderExcluir
  76. Rosários Bentos...

    Agora bagunçou tudo...

    Calma gente, eu vou respondendo aos poucos...

    ResponderExcluir
  77. Spartanski é Mulher!? Eu achava que era homem. Não tinha motivos para achar isso, apenas achava.. .kkk pensava que tinha a ver com Spartacus, ainda pode ter a ver, né? Só para constar!
    Spartanski, vc vai prestar para Delta?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Polícia é polícia, independe de sexo.



      Resp.: Não, cafec0ded.

      Spartanski

      Excluir
  78. Café...

    Spartanski significa Espartana, cidadã de Esparta.

    : )



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante! Eu pensando em Spartacus, gladiadores ... rs
      Pode querer dizer, cruel, rígida.
      Ou simples, sem muito luxo ...
      E aí Spartanski? sem muito luxo, humilde e cruel? :)

      Mas sério, gostei da idéia dos ciclos? Que horas começa? A cada fim de ciclo vcs mandam uma mens para dizer que terminaram? incentivar uma a outra?
      Como se vcs fossem deixar um bolinha entrar nesse clube da luluzinha, né?

      T

      Excluir
    2. O seu conceito de grupo é muito "separatista", cafec0ded.


      Ademais, bons estudos!

      Spartanski

      Excluir
    3. Olha, a culpa é do T, era para ter sido risada, "rs", e não T. Saiu errado. Se puder re-ler, imaginando o tom de piadinha ...
      Eu estava, claro, brincando! Pq eu percebi que vcs estavam trocando mensagens quase que em código. Então eu me senti o peixe fora d'água, mas era brincadeira! Fico feliz de ver mulheres entrando na polícia. Um time misto será sempre mais eficiente! E já li relatos comparando m vs h em várias situações policiais onde as m ganham.
      Outro dia eu vi um video do grupo de elite só de mulheres do CORE, já viu? Achei muito massa!
      http://www.youtube.com/watch?v=Djltc_N5jXg
      :)

      Excluir
  79. Eu acho que você tá meio longe do foco, Café...

    É legal quando o grupo tá na pilha, todos com um mesmo objetivo, um mesmo propósito, uns torcendo e motivando os outros.

    Quando você "pegar" esse espírito de grupo, vai passar a entender um monte de coisas que ainda não entende.

    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engraçado, eu achei q estava com esse espírito.
      Sinceras desculpas se desmotivei alguém. Eu estava só me motivando aqui. Cambio final.

      Excluir
  80. Café,

    Tudo bem. Mas no verdadeiro espírito de grupo não tem isso de clube da Luluzinha.

    ...

    ResponderExcluir
  81. Bom dia, Djordain.

    Me conte as novidades.
    Cadê a Isabella?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Novidades? só dia 26 ( proximo domingo), aí virei aqui para te falar da prova. Isabella também está nessa expectativa, Nervosa que só ... kkk
      e você, tudo certo?
      abraços

      Excluir
  82. Nossa...

    Tá perto, né???

    É assim, mesmo... o nervosismo é normal.

    Eu estou bem... concentrada em coisas mais agradáveis que essa ausência dolorosa.

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  83. Bom dia Café...

    Senta aí, toma um café comigo.
    : )

    ResponderExcluir
  84. Bom dia Capitã Nascimento,
    Hoje está um dia ensolarado, que tal um Starbucks Java Chip Frappuccino mais a tarde? Já tomou?

    ResponderExcluir
  85. Café...

    Fiquei feliz por você ter voltado. Só por isso, vou te dar um presentinho. Não é nada demais. É só uma frase de efeito pra você analisar e quem sabe, ela possa te dar um "gás" para os estudos.

    Você conhece alguma coisa de balística?
    : )

    ResponderExcluir
  86. Distância trás essas carências mesmo Novinha, além de outras coisas mais. Sei bem como é isso. Melhoras a você. Bom Domingo!

    ResponderExcluir
  87. Capitã,
    Balística! Nossa, o que sei é o que é de domínio popular! Tiro em tanque d'água para obter um projeto sem deformações, e compará-lo com outro, da cena do crime, analisando-se as ranhuras provocadas pelo cano, pelaas raias ...
    Ou a comparação da marca impressa pelo cão no fundo do cartucho ...
    Ou então, a presença / quantidade de pólvora na mão do suspeito, ou no corpo do ferido se à queima roupa. Nem me diga que vc trabalha com isso! Acho muito interessante! Contudo, penso que na PF não há tanto disso, sendo que homicídios e suas tentativas, são, normalmente, atribuições da PC.
    Obrigado pelo "presentinho" Como adivinhou que eu gostaria!? É um assunto que realmente gosto muito!
    :)

    ResponderExcluir
  88. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  89. Se foi para mim a pergunta: Eu fecho a tampa do notebook, justamente evitando as distrações, e abro o livro, ligo o cronômetro, e encaro a matéria... :)

    ResponderExcluir
  90. Oi Tipão...

    Sabe como é isso?

    Puxa... me dá umas dicas de sobrevivência, então...

    : )

    Um beijo, Tipão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No meu caso, procuro ocupar minha mente: estudando, escrevendo, fazendo exercícios físicos para relaxar um pouco, essas coisas. Na hora de deitar na cama e em alguns outros momentos não tem jeito - sempre vem essa malvada na mente. Quando ligo para falar com alguém que está distante fico bem às vezes, já outras mal por está distante. Tem que pedir ajuda divina nessas horas Novinha. Beijo.

      Excluir
  91. Café,

    Você sabe a diferença entre uma arma de alma raiada e uma arma de alma lisa?

    ResponderExcluir
  92. Essa é fácil chefe! Raiada tem raias internas: fissuras em espiral, que fazem o projétil girar, e sair girando, para garantir uma maior precisão, menos desvios no percurso.
    Já as lisas não possuem tal recurso.
    Raiadas: pistolas, revólveres, todas quase de cano curto, modernas.
    Lisas: cano longo, bem longo. 12, carabina de caça. Mas muitas cano longo tb têm. Fuzis geralmente têm, precisão é importante.
    :)

    ResponderExcluir
  93. *projétil , falei projeto acima .. tsc tsc

    ResponderExcluir
  94. : )

    Se você fosse um "projétil" cujo "alvo" é ser aprovado num concurso público (não quero saber qual concurso você vai prestar) que tipo de "alma" do cano da arma você escolheria?

    ResponderExcluir
  95. Cano longo, alma raiada, arma pesada, com pouco recuo... se puder ser com apoio e deitado e com atirador deitado no chão...
    Seriam minhas escolhas.
    Sua avaliação?
    Saindo, corrida me espera, uma tarde linda hj.
    bj

    ResponderExcluir
  96. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    É bem o seu "perfil" mesmo.

    Fica tranquilo. Isso não é um teste psicológico não.
    rs rs rs

    Para o "projétil" independe a posição do atirador, né? Mas já que você tocou no assunto "se puder ser com apoio e deitado e com atirador deitado no chão..."... você sabe quais são as vantagens e desvantages de se atirar deitado?

    ResponderExcluir
  97. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  98. DoceAcida,

    Nossa! É bem isso mesmo que vc falou! Antes eu colocava toda a culpa na distância. Até que duas grandes amigas minhas vieram aqui na minha cidade "a negócios" e sequer me deram um telefonema...

    Doeu, viu... Mas eu não posso "cobrar" amizade das pessoas, né?

    Quem saiu fui eu, né??? Eles continuam lá frequentando os mesmos locais e se vendo sempre... e eu estou virando lembrança pra eles...

    Bom... pelo menos entendo que não sou a única do mundo a sentir isso.

    De certa forma me serve de consolo.
    : (

    ResponderExcluir
  99. Café,

    Vc só falou as vantagens da posição deitado e também não disse os MOTIVOS de ter escolhido a alma raiada.
    : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desvantagem: tempo de reação se algo sair fora do plano. Levantar e correr... já era.

      Raiada, pela precisão. Estamos falando de um alvo, cujo centro é a aprovação, certo? Tudo que escolhi acima foi pensando ma máxima precisão. Eu quero passar! Tem que ser certeiro ;)
      Mas me corrija nos pontos falhos :)

      Excluir
  100. Oi Tipão...

    Acho que além de entrar para o Hugs Free, acho que vou fundar uma ONG igual ao AA, só que DA, os "Distantes Anônimos". Sério, só de saber que vocês também passam por isso, já me é confortador.

    : )

    Obrigada!

    Mas sabe que um dia eu cobrei? Sério... eu fiz isso... Pra deixar claro que eu tava sentindo falta de uma amiga sabe?

    Eu achei que pelo fato de ela ter morado fora do país e eu ter sido a única da turma a tê-la visitado, seria gentil que ela me retribuísse a visita, né? Daí, soube que ela veio ao Brasil (ela é lá da minha cidade) e foi embora sem nem um e-mailzinho dando um "oi"... Daí questionei meio em tom de brincadeira meio falando sério, por e-mail... tipo "Obrigada por retribuir a visita"...

    Pra quê... ela veio com cinco pedras na mão. E num e-mail gigantesco me pediu pra "não forçar a amizade"...

    Já tem anos que eu espero ela entrar em contato...

    O sistema é bruto, parceiro.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  101. Finalmente comentarei, brevemente, sobre o tema do post.
    (Desviei tanto do assunto, talvez pq eu não queira entrar em assuntos sentimentais)
    Mas, Novinha, olha só, isso que vc relatou da amiga q foi na sua cidade e nem deu alô... mostra algo que venho reparando há algum tempo.
    Não é a distância, é o tempo! E mesmo que o tempo todo morassem na mesa cidade... O tempo separa as pessoas, na verdade, o tempo revela os verdadeiros amigos.
    Já morei longe de casa, fiquei longe dos "amigos", e ao voltar para casa, percebi que não eram mais amigos ...
    As vezes, o seu sucesso irá afastar alguns "amigos" mais até do que sua derrota. Outros "Amigos" só aparecem no seu sucesso e se afastam no seu fracasso. Pense nisso, de repente encontrará, aí, algumas explicações...

    Amigos verdadeiros, verdadeiros mesmo, são muito poucos.
    Forte abraço,
    Boa noite

    ResponderExcluir
  102. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  103. Ok, café...

    Posso ser sincera?
    : )

    Com base no que você me falou nos bastidores sobre a sua vida... (fica frio que eu não vou entrar em detalhes) a dica motivacional que eu tenho pra dar tanto a você, como a qualquer outro leitor concurseiro que quiser saber é...
    Desculpe dizer, mas você precisa se concentrar mais no seu objetivo. Eu diria que você é um projétil legal, você é inteligente, tem uma "aerodinâmica interessante" mas é como se você estivesse sendo arremessado por uma arma de alma lisa. Você é totalmente instável!!!

    A alma raiada no cano de uma arma serve para proporcionar um movimento (rotativo) mais estável durante o "vôo". Consequentemente, maior velocidade e precisão. PRECISÃO!!!

    No entanto, tudo começa quando alguém dispara o gatilho (um desejo, um sonho, um propósito). A energia que você precisa pra atingir o alvo está na câmara de explosão da arma. Aí não pode haver dispersão dos gazes senão o tiro sairá fraco. Vai cair a dois metros na frente do atirador (nunca será!!!).

    Quer mesmo uma dica de estudos pra passar em concurso público? Mesmo que você esteja numa arma com cano de alma raiada... isso não significará nada, se você não tiver a energia necessária pra ser arremessado com força até atingir o alvo. Depois que o projétil sai do cano, ainda tem o vento, a pressão atmosférica, a umidade do ar e vários outros obstáculos que poderão desviar a sua rota, tais como vidros, galhos, chapa de carro etc.

    O projétil (você) tem que vedar toas as brechas possíveis para aproveitar a energia (liberada pela explosão dos gases) que o fará finalmente atingir o alvo. Você tá cheio de buracos por onde está se esvaindo a sua energia, sua motivação, seu gás, criatura!!!

    Na boa, desculpe a sinceridade, Café, mas é assim que eu te vejo... disperso, perdido, batendo cabeça, preocupado com coisas menos importantes. Cheio de pré-concepções... A sua câmara de explosão tá cheia de brechas... Você tá completamente distante do foco. Você tem que se concentrar no que interessa. Qualquer coisa te distrai, te irrita, te atrai... Foca no que realmente importa e deixa o que é secundário pra depois. E faça isso já! Senão será tarde demais!

    Faça o concurso que você quiser, para a polícia que você quiser. Mas pelo menos acredite na missão (policial ou não) que você vai abraçar, acredite que Deus tem um propósito pra você lá... Deixa o povo falar o que quiser! Pára de andar com gente pessimista! Joga fora esse peso todo que você tá carregando... isso só tá tornando mais pesada a sua caminhada! Olha para o teu alvo e vai embooooooooooooora, moço!!!

    Pensa comigo... todos os gases da câmara de explosão (todos os estímulos) devem empurrar você pra frente, e nunca pra trás!

    Do contrário, meu amigo... nem perca o seu tempo volta e vai tentar ganhar dinheiro no exterior. Lá, sim, você vai ter mais conforto (atirar deitado e escorado
    = sem muito esforço).

    Quanto aos "comentários" que você lê ou pensa que lê... é só um indício de contra-inteligência.

    Boa noite!

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Obrigado! Às vezes é muito melhor um chacoalhão desses do que um afago. Obrigado pelo seu tempo e energia.
      E por me mostrar que ainda sou mais ingênuo do que eu pensava. Vc me testando e eu na inocência te alertando da possível falha no blog.
      Levarei essa aula comigo.
      Cordialmente.

      Excluir
  104. Café, entenda como uma "injeção" de ânimo.

    Na hora dói um pouquinho, mas garanto que os efeitos são muito proveitosos.

    ...

    ResponderExcluir
  105. Café...

    Recebi seu comentário in off.

    Quando você faz um comentário assim, in off, significa sigilo total ou você quer que eu dê algum tipo de feed back, retorno, tal?

    : )

    Bom te ver.

    ResponderExcluir
  106. Então, tá...
    : )

    Mas eu disse que só doia na hora.
    : D

    Viu? Já passou...

    Obrigada!

    ResponderExcluir
  107. Nova, calma...; 'pagar caro por isso' é muito forte.
    Somos humanos, e nenhum preço é caro para exercitarmos esta humanidade.

    Este post é de novembro, mas meu comentário é atual.

    Nestas sutuações eu penso o seguinte: não tenho que me 'entregar', nem tenho que me 'não me entregar'. Tenho que ser o que sou, e se num determinado momento me encontro fragilizado, que assim seja; este momento faz parte do que estou sendo naquela etapa de minha vida.

    Besos.

    ResponderExcluir

Confissões