sexta-feira, 12 de março de 2010

Crime sem castigo.


O Pequeno Terroristazinho viu a munição ("bala" de arma de fogo) no assoalho do carro, pegou e colocou no bolsinho do shortinho da escolinha. Quando a mãezinha imprudente chegou na escolinha o "brinquedinho" estava na mão da diretora que perguntou como aquilo podia ter acontecido. Refém do próprio filho, a mãezinha, que havia respondido na ficha do aluno que era "servidora pública" ficou sem cor de tanta vergonha e susto. Entregou logo que era policial e pediu desculpas. Alguns minutos de tortura, digo, de sermão e a mãezinha saiu pela tangente fazendo perguntas sobre a segurança da escolinha. Fazia todo o sentido. Acabaram ficando amigas, e até hoje, os três são cúmplices de um crime sem castigo.

201 comentários:

  1. Uia, mas é perigoso deixar arma de fogo em casa (ou no ambiente de casa), pois tem aparecido tanto jovens que acabam portando, ou fazendo o uso das mesma para ferir alguém...

    E as novidades menina, tudo bem contigo?

    Fique com Deus, menina Mulher na Polícia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Nossa com essa carinha na foto de criança fofa e sapeca não posso imaginar que uma criança faça isso huaaa
    C está bem MUIE???
    bjos

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que foi só o projétil né? Esse negócio de arma com crianças é um perigo.... graças a Deus não foi a arma que ela achou...

    Beijos do rapaz com insônia!

    ResponderExcluir
  4. Gente!!! Vcs não dormem não?

    É 1:30 da manhã... rs rs rs

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Tenho problemas com o sono
    kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Oi Tibi...

    Amiga... que bom te encontrar on-line!
    Acabei de chegar do trabalho...
    Soube que vc perdeu o emprego!
    Que coisa!!!

    Tá td bem?

    Eu te faço companhia... rs rs

    ResponderExcluir
  7. E eu tbm!!! Aproveita a insonia ai e entra no msn, pra papear com a gente!

    ResponderExcluir
  8. Vitão!!!

    Que legal!!!
    VC também tá on-line!!!
    Vou desmaiar!!!

    ;)

    ResponderExcluir
  9. Eu to bem sim
    Ja arrumei outro ja.
    Gente competente é assim sai de um pega outro
    kkkkkkkkkkk
    Que bom que tem alguem on para me fazer compania

    ResponderExcluir
  10. Pior que é mesmo Tibi...
    Da sua competência nunca duvidei!

    Menina!!! Aquele blog seu tá muito legal!!!
    Tenho muito prazer de ler você lá... e aqui também, claro!!!

    Achei que nunca mais te encontraria aqui, assimmmm on-line de novo linda!

    ResponderExcluir
  11. Hemos visto las tragedias que ocurren en las escuelas y en casa con las armas es lamentable...

    Amiga te mando besos

    ResponderExcluir
  12. To sim ue.. e conversando com a Tiburciana no msn....hahahhahaa.... somos seres da madrugada, está provado!

    ResponderExcluir
  13. Sim Ballesteros!!

    Viu só que vacilo...
    Vc tá online amiga!!! Direto da Espanha???
    Diz que sim vai... please!

    ResponderExcluir
  14. Tibi - Esse é o Victor!!!
    Um dos primeiros amigos que fiz aqui no blog!!!

    Victor - Essa é a Tiburciana... que escreve um dos blogs mais divertidos que conheço!!!

    ResponderExcluir
  15. Ih moça....tá atrasada... já nos conhecemos tem um tempinho.....hahhahaa.... se vc acha o blog divertido, conversa com essa moça no msn!!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Uahhahahahahaha

    Não acredito!!!
    Mas péra aí... vcs se conheceram aqui???

    hehehe

    ResponderExcluir
  17. sim atraves do seu blog kkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  18. Sim!!! Entra no msn ai pra papear com a gente, vai....

    ResponderExcluir
  19. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ai vitõr agora vai ter que casar comigo
    kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    huaaaaaaaaa
    desencalhei kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  20. Tibi!!!

    Ele é um partidão, amiga!
    rsrsrsrs

    Vitão... Tá me devendo essa hein??

    ResponderExcluir
  21. Ops... Acho que alguém aqui está segurando vela, né???

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  22. ta mesmo um partido bom igual eu sou é raro hj em dia
    moça de familia ...trabalhadora ...fiel
    cheirosa bonita e gostosa
    kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  23. Olha Tibi uma coisa importantíssima você já provou que tem: Capacidade pra fazer as pessoas sorrirem na sua companhia e isso é um dom muito especial...

    rs rs rs

    ResponderExcluir
  24. que vela que nada
    vamos todo mundo conversar
    kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  25. E ainda gosta de comer churros, ne Tiburciana? hahahhahaha

    Sou moço pra casar não, nem fiz 18 anos ainda...

    ResponderExcluir
  26. nunca mais vou comer churros por tua culpa
    Ai ta vendo ja está fugindo do casamento é sempre assim.
    So que desta vez eu chamo a policia viu
    jkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  27. Nossa Victor,
    Uma mulher comendo churros é tão sexy.

    (kkkkkkkkkkkk)

    ResponderExcluir
  28. MP eu to ate pensando em ganhar uma grana com esse meu dom
    virar comediante de stand up
    kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  29. Tibi...

    E o "imundo" vc conhece?
    (fzr ciúmes no Victor...)
    hehehe

    ResponderExcluir
  30. conheço ele é meu fofo
    combinamos ate de tomar cerveja juntos moramos perto
    nossa ele vai morrer de ciumes agora
    kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  31. hahahaha,

    Ô Vitão isso vai ficar assim???
    kkkkk

    ResponderExcluir
  32. parou! parou!!
    to gostando desse papo não!
    vou acabar voltando pro mundo das micaretas de novo...

    ResponderExcluir
  33. ele me dispensou já MP
    agora no meu blog so vou fazer post falando o quanto estou sofrendo por ele
    kkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  34. Tibi...

    Uai Tibi... aí na sua cidade tem Micareta não???

    rs rs rs

    ResponderExcluir
  35. Olha amiga...
    Eu acho que dá pra enquadrá-lo na lei Maria da Penha.

    Uahhahahahaha

    ResponderExcluir
  36. por maltrato a mulher ne ??
    kkkkkkkkkk
    Tem uma micareta aqui mas nem vou sou moça de familia
    kkkkkkk

    ResponderExcluir
  37. rs rs rs

    Tibi... vc acredita que comprei o livro "O diário de Bridget Jones mas achei o seu blog melhor que o livro???

    hehehehe

    ResponderExcluir
  38. kkkkkkkkkkkkkkkk
    meu eu tenho esse livro e os dois dvd´s
    e sabe o que é pior meu blog é baseado em fatos reais acontecidos comigo
    sempre digo que minha vida da um livro
    ja tenho o nome
    A DIFICIL VIDA DE UMA MULHER SOLTEIRA AOS 30
    kkkkkkk

    ResponderExcluir
  39. voltei... tava ali enxugando as lagrimas... homem sofre demais na mao dessa mulherada... fui ligar pra igreja, vou virar padre...

    ResponderExcluir
  40. Aí Vitão...

    Vc já pensou em virar um capítulo do livro da Tiburciana???

    Tá vendo? Vc pode se dar bem na parte que lhe toca.

    rs rs rs rs

    ResponderExcluir
  41. nossa se cada homem for dar um capitulo e eu tiver que pagar para eles ainda
    vou escrever uma biblia e ficar pobre
    kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  42. hahahahahahaha

    Gente do céu!!
    Eu tô aqui chorando de tanto rir!!!
    Vocês dois formam uma boa dupla... hahaha

    ResponderExcluir
  43. Ai vitor vamos fazer uma parceria nos palcos
    já que não rolou a do altar
    kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  44. Espera aí...

    Eu tenho uma idéia melhor.
    Tibi, vc entra pra polícia e isso vai virar Senhor e senhra SMITH!

    kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  45. atrpalhada como sou vou dar tiro no meu pé
    Bis

    ResponderExcluir
  46. to fora... nao entrega uma arma na mao dessa mulher nao, senao o povo esta enrolado... ela nao passa no psicotecnico nunca...hahahhaa

    ResponderExcluir
  47. Oi...

    Tava lendo o seu último post... o da Academia... Claro que ri o tempo todo, pra variar.

    E eu conheço policiais que deram tiro não no pé, mas no próprio bumbum...

    ResponderExcluir
  48. JÁ PENSOU SE UMA HORA DESSAS A MÃE ESQUECE A ARMA EM VEZ DA MUNIÇÃO? O CLIMA NA ESCOLA IA FICAR QUE NEM ESTÁ ACONTECENDO COM A MENINADA LEVANDO ARMAS PARA SE LIVRAREM DE DESAFETOS OU AMENDRONTAR A TODOS,. NÉ? ÓTIMA VOCÊ. ABRAÇÃO. PAZ E BEM

    ResponderExcluir
  49. Cacá!!

    Também acordado a essa hora, moço... ou você mora noutro país... hehehe

    ResponderExcluir
  50. Se acha aquele instrutor abusado
    Amanha arrebento ele
    depois que sai de la eu ria sozinha

    ResponderExcluir
  51. Esse instrutor só dá aula de musculação???
    Nossa, imagina se ele dessa aula de jiu jitsu...

    ResponderExcluir
  52. Agora por indicação do meu parceiro vitor estou pensando em fazer boxe.
    Se o instrutor der aula de boxe vou rolar com ele no chao

    ResponderExcluir
  53. uahahahahahahaha

    Vitão, meu querido... Se você não fosse tão grande eu até acharia que você corre perigo...

    Ô Vitor... vc disse que tinha chegado do trabalho naquela hora??? Vc tava "trabalhando" na Micarê???

    hehe

    ResponderExcluir
  54. MP minha querida vou mimi agora que tenho q acordar cedo amanha e malhar bjosss
    e valeu o papo
    Parceiro vitor para vc idem
    bjossss

    ResponderExcluir
  55. Tá bom amiga...
    Mas só me responde uma coisa.
    De zero a 10... como vc tem estado?

    Te achei no penúltimo post meio tristinha...

    ResponderExcluir
  56. Q grande q nada... sou fraquinho....
    pois é, cheguei do trampo as 23h....vai vendo como eu sofro nessa vida!
    bjos

    ResponderExcluir
  57. Gente, esse foi o bate-papo mais legal que eu já bisbilhotei, da forma mais inusitada também. Parece até combinado...rsrsrs. Quem diria? Os comentários de uma postagem viraram uma sala de bate-papo. Muito doido isso!

    ResponderExcluir
  58. Oi meu lindo!!!
    Bom dia, Tibi!!!

    Nossa!!! Foi muito bom bater papo com vocês aqui no blog essa madrugada!

    Acho que isso é inédito... Um blog que vira sala de bate-papo... Não sei como agradecer.

    Bom... mas agradeço assim mesmo a agradabilíssima companhia de vocês nessa madrugada. Eu tava precisando mesmo! Tava meio chateada ontem...

    Bom, valeu demais, meninos!
    Um abração bem gostoso pra vocês!

    ResponderExcluir
  59. Pois é Eric!

    Tem lógica um negócio desses?
    Eu tinha acabado de postar quando assustei com os comentários deles chegando. rs rs rs

    Foi muito legal... mas faltou você!
    Dessa vez você pode bisbilhotar à vontade... Da próxima participa com a gente!!!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  60. Crianças são curiosas por natureza! Se não sentar, ensinar e explicar, tá dando bobeira. E o mundo lá fora é assim, se não tem base em casa, também não vai saber se comportar de forma digna no mundo... Claro que não é isso que a gente espera de 'uma escola'... Bom, falo isso porque meu pai sentou e me explicou o que era cada tipo de droga, do cigarro ao craque, e me deu a escolha de ser livre. Resultado: só bebo de vez em quando em baladas, por livre e espontânea vontade minha! (É, redundante pra enfatizar meeesmo!) Nada nem ninguém me influência. E me orgulho muito disso!

    ResponderExcluir
  61. Oi Dani!

    Tenho a honra de receber aqui no meu blog alguns filhos de policiais. Até gostaria de saber que reflexos elas absorveram da profissão dos pais. Acho que cada criança é uma criança e não deve haver uma receita uniforme, mas conversar e orientar, mostrando quando possível as possíveis consequencias desta ou daquela atitude me parece inteligente.

    Esse Pequeno Terroristazinho aí é curioso mas morre de medo de arma.

    ; )

    Um beijo, querida!

    ResponderExcluir
  62. Adorei, adorei mesmo!

    "somos suspeitos de um crime perfeito, mas crime perfeito não deixam suspeitos"

    Abraços ;]

    ResponderExcluir
  63. Imundo!

    "Crimes sem castigo
    Apertos de mão
    Apenas bons amigos
    Nós dois temos os mesmos defeitos..."

    Não sei se você percebeu que foi citado no nosso bate-bapo da madrugada... kkkkk

    Tá fazendo sucesso, Imundo...

    Um grande beijo!

    ResponderExcluir
  64. Que risco!!!
    Crianças são crianças...
    Graças a Deus que tudo acabou bem!!!
    Mas...
    Cheguei aqui li a postagem e quando fui comentar me deparei com muitos comentários...
    Curiosa como sou, li e me diverti vendo que transformaram os comentários em um bate papo bem louco...
    Como isso é possível???

    Bjs

    ResponderExcluir
  65. Oi Rebeca!

    Bom... Primeiro tenho que explicar que o horário marcado pelo blog não corresponde à realidade. Tá cinco horas atrasado.

    Cheguei de madrugada em casa, vindo do trabalho e resolvi, passar aqui no blog e deixar essa postagem. Só que enquanto eu olhava outras coisas na net percebi que três comentários vieram quase que imediatamente à postagem...

    Como você deve ter percebido, eu sempre procuro responder o mais rápido possível aos comentários que vocês deixam aqui. Acho que a Tiburciana e o Vitão sabem disso. E eles leram a resposta que deixei pra eles... daí virou sala de bate papo... rs rs rs

    Isso nunca aconteceu contigo, de alguém te responder logo um comentário e virar bate-papo???

    Bom... sei que blog não é pra isso... e talvez alguns não gostem disso. Até porque sequer tocamos no assunto da postagem. rs rs rs Mas foi tão gostoso e eu realmente tava precisando de um momento relax... Foi uma grata surpresa.

    Quem sabe um dia eu tenha a sorte de te encontrar on-line por aqui? Seria um imenso prazer!

    Quanto ao tema do post! Graças a Deus que tudo acabou bem!

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  66. Mas sempre existirá um que não tem medo de armas e estará disposto a apontá-la na face de qualquer indivíduo, seja por intimidação ou preparado para matar. Em simples conto imagino vários finais, reviravoltas que a vida e a realidade nos mostra.

    Assim como a Becka, pergunto: como é possível transformarem isso aqui numa sala de bate papo? rs

    Beijos
    ;*

    ResponderExcluir
  67. Babi!!! Oi linda!

    Enquanto você postava o seu comentário!
    - E que comentário!!! - Eu respondia a pergunta da nossa amiga Rebeca... rs rs rs

    Então... é provável que estejamos as três on line... E se você voltar a gente vai começar outro bate papo... entendeu??? rs rs rs rs rs

    Obrigada por ter vindo.
    Beijinho!

    ResponderExcluir
  68. Adoro suas postagens.Poderia postar com mais frequência,né?Ou é pedir demais?
    hehehee
    Brincadeirinha :)

    Beijão!

    ResponderExcluir
  69. Oi meu lindo!

    Também adoro suas visitas e seus comentários aqui! Podia vir sempre... né? Ou é pedir demais? hehehe

    Brincadeirinha!

    Começou o bendito curso?

    ResponderExcluir
  70. Dá para imaginar a cara da mãezinha ao ver o projétil na mão da diretora. Eu pelo menos teria entrado em choque de tão vermelha haha.

    Sobre os motivos, sempre quis trabalhar na justiça. Quando era pequena, e eu fui toda feliz dizendo para eles que "sabia o que queria ser quando crescer", fui beem reprimida, e um pouco mais velha, optei por ser advogada e depois, área penal, promotoria, até pelos menos uns treze anos. (e mesmo assim meus pais reclamavam, por causa das ameaças de morte e todo o resto). Mas a história do "mãe, já sei o que quero ser quando crescer!" ficou na minha cabeça, até que comecei a pesquisar.

    E a pesquisa foi indo, foi indo, fui me aprofundando em assuntos, em concursos, pedia opinião para gente próxima ou da área, até que aos dezessete, quando meus pais estavam orgulhosos por eu ter decidido prestar Relações Internacionais e tentar algo na Diplomacia - a decisão mais estranha que já tomei em toda a minha vida, algo de questão de meses, bem diferente de toda a pesquisa que fiz -, simplesmente surtei, e disse que nada daquilo era o que queria. Sentei com eles, expus toda a argumentação na mesa, toda a pesquisa e decidi que se queria mostrar que aquele era o meu sonho, teria que batê-los com racionalidade e objetividade. E foi o que fiz.

    Gosto de ajudar pessoas. Não é o distintivo, ou a arma ou qualquer coisa do tipo que me atrai. É ajudar as pessoas. Claro que poderia fazer isso num hospital, ou em qualquer cargo, mas isso teria que acontecer caso fosse um sonho. Mas não é. Eu me apaixonei não pela sujeira de um crime ou pela corrupção de muitos, mas pelo bem que você pode causar a uma pessoa ou a um grupo em si, às vezes sequer salvando a vida dela diretamente, às vezes sequer a conhecendo, e ela a conhecendo. Você tenta fazer as coisas do jeito certo, mesmo quando tudo parece tão sujo e desarrumado.

    Sei que isso saiu tudo bem romantizado, hahaha mas juro que tentei explicar um pouco.

    ResponderExcluir
  71. Minha vida é marcada por viradas rsrsrs
    De onde vc é ??
    Adoraria te la como vizinha huaaa

    ResponderExcluir
  72. Oi Tamara,

    Achei que talvez você fosse ficar irritada com a pergunta... : )

    É verdade. É uma visão bastante idealista.

    Todo mundo sabe que quando você está apaixonada é obrigada a aguentar todos os terríveis efeitos colaterais desse sentimento avassalador, mas tenho certeza de que você já sabe que não basta citar a frase "eu só quero ajudar" para se safar de qualquer desses efeitos.

    Além disso, muitas vezes você simplesmente não vai poder ajudar. Porque não tem meios, porque não tem competência legal pra isso, porque poderá prejudicar o andamento das investigações, porque não há previsão legal, porque o preço é muito alto, porque você não vai dar conta.

    Acho que os policiais antigos às vezes se tornam insensíveis porque aprenderam a frustrar as expectativas das pessoas. Vc sabia, por exemplo, que a polícia do Rio consegue resolver apenas 2% dos casos de homicídio que acontecem no Estado?

    Se Deus realmente tiver um plano pra você na polícia ele certamente vai trabalhar o seu caráter e vai te preparar pra isso.

    E aí??? Futura novinha... você já aprendeu por exemplo a lidar bem com as frustrações? Se já, então me ensina, por favor. rs rs rs

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  73. Nossa!!!Que situação.
    E o carinha com a maior cara lavada ao seu lado?!!!rsrsrs
    Danado.

    ResponderExcluir
  74. Tiburciana,

    Acho que não deve ser muito bom ter pociaiis como vizinhos. Você já deve ter observado a vizinhança na casa nova. Imagina ter uma vizinha que chega em casa de madrugada, cada dia em um carro diferente ou com um motorista diferente dirigindo... boa coisa não é...
    kkkkkkkkk

    Depois me manda uma caixa postal ou endereço qualquer que vou te mandar um presente de chá de casa nova. rs rs rs

    Beijo!

    ResponderExcluir
  75. Pensando bem, Paloma, o projétil bem parece um foguetinho... e como brilha, né? Imagina se esse Terroristazinho encontra um míssil por aí. Vai querer subir em cima...

    Beijinho!

    ResponderExcluir
  76. Oi Joca!

    Não publiquei seu comentário como você pediu, mas não vi nada demais nele não. Não tem problema comentar a parte que não te "compromete", né?

    Olha, eu sempre desconfio de suicídios e balas perdidas. Mesmo se a vítima é policial.

    Agora, não entendi o que vc falou sobre o SI. Quero dizer... entendi, mas não vi relação com o post. Acho que você talvez esteja se referindo ao que eu disse pra Tamara, é isso?

    Agora, confesso pra você, antigão, que o SI pra mim é uma caixinha preta à qual nunca tive acesso, literalmente, até porque não permitem a entrada de pessoas estranhas ao setor. E na Academia, a aula referente a essa matéria foi a mais frustrante de todas. Uma pena, porque eu bem que gostaria de trabalhar lá, embora eu não saiba ainda se tenho perfil pra isso.

    Beijo, antigão.
    Adoro quando vc vem!

    ResponderExcluir
  77. O "pequeno terroristazinho" se safou de um grande incidente, caso ele estivesse encontrado a arma, ao invés da bala, simplesmente.

    A segurança de criança deve ser muito bem pensada, principalmente no caso de pais que possuem profissão de risco.

    Bj

    ResponderExcluir
  78. Engraçado, isto aconteceu comigo na infância... Meu primo servia ao exército na época e eu achei um 7.62 no cinzeiro da sala, pus no bolso e levei pra escola sem perceber. Fiquei o recreio inteiro imaginando coisas acerca do objeto. A velocidade em que aquilo atingia algo, o estrago que fazia, do que era feito... E principalmente, se explodiria se eu lançasse contra o chão, como acontecia nos desenhos animados. Por precaução, eu não fiz. Inspetores, funcionários e outras crianças passavam pra lá e pra cá. Ninguém viu o projétil na minha mão, que na época era maior do que o meu dedo indicador. Eu imaginava se um dia eu manusearia outros. Imagino, até hoje, nove anos depois.

    ResponderExcluir
  79. E a tal da irresponsabilidade impera... tenhamos mais prudência, assim esse mundo melhora!
    Boa reflexão querida...
    Bom fds! Beijos

    ResponderExcluir
  80. Nossa...que perigo!!!Armas não podem ficar em locais de fácil acesso e o problema maior é q assim como o acesso as variadas coisas ilegais,a impunidade tbm está se tornando cada vez mais uma forma de comodismo!!!

    O que será das futuras gerações,se é q daqui p/ lah ainda existirá um lugar p/ chamar de mundo O.o!!!

    = * Beijokas

    ResponderExcluir
  81. HAHAHA não digo que aprendi a lidar com a frustração, mas bem mais do que quando tomei a decisão, com certeza. Mas acho que isso foi inevitável do que vivi até agora e do amadurecimento que qualquer outra coisa.

    E nossa, eu não sabia dessa do RJ. Realmente não sabia. Ler isso chateia, às vezes até dá uma sensação semelhante à irritação, desapontamento. Sei bastante coisa que não vai para frente em tráfico de mulheres - e reler tais detalhes depois de dois anos ainda é revoltante. Mas sabe quando, mesmo nessa bagunça toda, a gente não se sente tentado a desistir? Sei que tem muita coisa que preciso deixar a fantasia de lado - ou o idealismo - e ter um pouco mais de racionalidade para lidar com as situações e a realidade, mas ainda sim, ainda corre nas veias. É estranho, bem estranho. Mas vou vivendo com isso.

    E magina, você conversa, não usa de condescendência! Você pode sempre tocar nos assuntos comigo, Novinha, é um prazer sempre conversar contigo! :)

    E Deus te ouça para eu ser futura Novinha, hahaha

    ResponderExcluir
  82. Tahiana,

    Concordo contigo.
    O que fazemos hoje com as crianças é o que elas farão com a sociedade no futuro.

    Beijo, linda!

    ResponderExcluir
  83. Oi Nathália!

    Olha como a memória nas crianças é uma coisa vigorosa e quanta imaginação. Que interessante a sua história. E parece que você tinha consciência de que andar com isso não era muito bom, não é? Que curioso isso!

    Olha, vou te apresentar a Tamara. Ela está convicta de que quer seguir essa carreira. Vocês podem ser boas amigas e futuramente ótimas colegas.

    Beijinho, querida, e obrigada por ter vindo!

    ResponderExcluir
  84. Oi Cris,

    Me diz uma coisa, você que é professora faria o quê numa situação dessas ocorrendo na sua salinha de aula???

    Obrigada professora!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  85. Apareço sempre,e acompanho diariamente.

    Então,eu ando com os nervos à flor da pele.

    Dizem que de março não passa,mas agra tem um bizu de que seremos empossados junto com os novos escrivães.O problema é que eles terminaram de entregar os docs. sexta-feira e no concurso deles existem portadores de necessidade especiais,que resulta em perícias e mais demora.
    Tô torcendo para sermos empossados logo.Ainda falta homologação,nomeação e posse.Para começarmos a Acadepol ainda em março,terá que sair a homologação até terça.

    Fique na torcida,porque depender do Pinto tá embassado =/

    Beijos

    ResponderExcluir
  86. hum... crianças são capazes de transformar tudo em brinquedo [para a realidade delas]... hum... o adulto também...

    o problema é quando se brinca com coisa séria...

    :/


    --
    a ianque que veio, veio só para ter certeza que esse país rico, não se comporta mais como miserável... apenas como um país pobre.

    devagar e sempre... hehehe

    :P

    ResponderExcluir
  87. Se isso tivesse acontecido na minha sala de aula teria desmaiado... e imagina só se a arma dispara em mim ou em algum estudante? Credo... nem é bom pensar nisso!
    Beijos

    ResponderExcluir
  88. IP!!!

    Nossa hein!
    Imagino o nervosismo... rs rs rs
    Mas fique tranquilo, vai dar tudo certo.

    Assim ganhas mais tempo pra preparar a parte física. Aproveite!

    Essa mamata vai acabar... kkkk

    Claro que estou torcendo!!! Vivo esperando me dares a grande notícia... hehehe.

    Obrigada por vir sempre aqui, querido. Fico muito feliz quando vc vem. Se eu pudesse, pode ter certeza que postava todo dia. Ocorre que ninguém sabe que tenho blog... Então fico limitada a momentos livres. Entende?

    E outra... se eu postar todo dia vc enjoa de mim e me abandona... isso seria muito triste... hehehe.

    Grande Beijo!

    ResponderExcluir
  89. Geane!

    Pois é minha linda, tens toda razão. Se a gente não cultivar as futuras gerações não poderemos exigir que elas deem bons frutos no futuro.

    Grande beijo e um bom finzinho de domingo pra vc!

    ResponderExcluir
  90. Tamara,

    Acredito sinceramente que vc seria uma ótima aquisição para qualquer polícia. Espero que quando vc chegue aqui as pessoas possam valorizar suas habilidades e saibam aproveitar bem toda essa sua energia e disposição.

    MAS, se me permite um desabafo... me sinto subutilizada. Poderia estar fazendo muito mais pela e através da polícia. Mas é muito difícil ganhar a confiança da galera. Sabe?

    Olha... deixa explicar-te uma coisa... Isso de "futura novinha" parece que soou meio arrogante. Desculpe, eu devia ter explicado antes que "Novinha" ou "Novinho" é como os antigões chamam os recém chegados. Também chamam de "mais modernos", "zerinho"... coisas do tipo.

    Bom... eu não me esqueci daquela monografia que te prometi, mas como vc não me mandou o e-mail... não sei como poderia te repassar... Mas a monografia fica ao seu dispor.

    Também gosto demais de conversar com vc!

    Beijinho!

    ResponderExcluir
  91. Nossa menina q coisa ñ.
    Eu sou professora e sinceramente ñ sei como eu reagiria.
    Bela postagem.
    um beijo grande.

    ResponderExcluir
  92. Oi Novinha...nao achei aquele livro que me indicou. Nao procurei ainda com o titulo em ingles... se tiver algum link pra comprar, me fala...me interessei pelo livro...

    ah! acho q to descobrindo de onde vc é..ou ao menos de onde vive atualmente....

    Beijos!

    ResponderExcluir
  93. Vitão,

    O nome do autor é Dave Grossman e o livro em inglês é On killing.

    http://www.killology.com/books.htm

    Como te disse o EB traduziu esse livro para o português. O título é "Matar!" e a editora é Biblioteca do Exército.

    http://br.gojaba.com/book/5087823/Matar-Dave-Grossman

    Bom... não me importo que vc descubra a minha polícia ou onde moro etc... só peço que seja discreto se for capaz de descobrir mesmo... rs rs rs... Mas no fundo acho que vc está blefando... kkkk

    Beijo!

    ResponderExcluir
  94. Professora Pérola!

    Eu acho que na qualidade de professora no mínimo eu levaria um baita susto.

    Mas acredito que as professoras têm um sentido superior para saber quando as crianças estão em risco em casa. Se for o caso o correto é comunicar ao Conselho Tutelar, para que este tome as medidas cabíveis.

    Um beijo, querida!

    ResponderExcluir
  95. valeu... vou dar um olhada e ver se compro esse livro sim...

    ah! to blefando nao... e pode deixar q aqui impera a lei do silêncio.....hehehe

    bjos

    ResponderExcluir
  96. Oi Vitão!

    Não duvido da sua capacidade não...
    Por isso acho que vc tá blefando.
    hahahahah

    Beijo!

    ResponderExcluir
  97. Oi Natália!!!

    Puxa menina!!!
    E então me conte tudo!!!
    Tá tudo bem?
    O que houve???

    Acho que isso pode acontecer com qualquer policial. Hehe.

    ; )

    Bjo!

    ResponderExcluir
  98. Ai, esse é outro texto que adoro!
    E penso que a carinha dele seria exatamente essa, sapeca total!

    Vê a munição ali dentro do carro perdida. Olhas pros lados, ninguém viu nada. Mete ela dentro do bolsinho... e virou héroi!

    É uma coisa um tanto quanto bonitinha de se imaginar - tirando o lado sério de tudo isso.

    Conheço bons e ótimos filhos de policiais. E outros que não valem muita coisa. Daqueles que falam - "meu pai é polícia, vc sabia?! Se eu quiser peço pra ele te bater..."

    Ai, mas esse texto é fofo demais!!
    (:

    Bjo

    ResponderExcluir
  99. Menina...

    Bom, era pra passar a idéia de um terrorista perigoso e você acha o garoto uma gracinha, um bonitinho, um fofo?!
    kkkkkkkkkkkkkkkkk

    Eu sou um fracasso, mesmo.
    Beijo, linda!
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  100. "É parece que vc já me conhece um pouco, né?"


    O suficiente pra sentir que você prefere continuar amanhã.


    :)


    Spartanski

    ResponderExcluir
  101. Boa noite, linda. Tenha bons sonhos também.

    Até às 8h!
    Bjs!

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  102. Bom dia!
    : )

    Estou bem, maninha. Obrigada por perguntar. É que ontem eu já tava extremamente cansada e quando eu disse que precisava tomar um banho pra acordar, era porque o sono já tava me derrubando. E por termos demorado tanto pra decidir se iríamos continuar ou não, o sono foi ganhando espaço. Uma pena, porque gostaria de ter conversado mais com você.

    : )

    Você dormiu bem?




    ResponderExcluir
  103. Estava falando de antes. Dava pra notar que estavas exausta. Me preocupo com você. :)


    Dormi sim! E você? Dormiu bem? :)

    Spartanski


    ResponderExcluir
  104. Quero saber como foi sua corrida ontem. Tudo certinho? :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  105. Você estava falando de quando entrei?

    De qualquer forma, obrigada pela preocupação, maninha e desculpa se passei essa impressão.

    Às vezes essa sua percepção me surpreende, sabia? Ontem até que eu não tava tão preocupada, mas hoje de manhã esse foi o sentimento que me acordou. Mas tenho fé que amanhã tudo (ou quase tudo) irá se resolver.

    É bom, saber que estamos na mesma sintonia.
    : )


    ResponderExcluir
  106. Ah, não pude correr.

    Ontem foi um dia muito corrido, almocei cedo demais e fiquei até as 19h sem comer nada, onde eu tava não dava pra comprar nada. Achei melhor não correr desse jeito. Tava muito cansada mental e fisicamente. Achei melhor descansar e fazer uma boa refeição.

    ResponderExcluir
  107. Estou falando de quando você me perguntou "se eu estava triste". Não estava triste, mas pensativa, talvez.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  108. Tenha fé sim, linda. Amanhã tudo (ou a maior parte de tudo) irá se resolver.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  109. Seus pensamentos daquele exato momento. Depois, imaginei que podia estar distraída.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  110. Não me chateia, nem um pouco, porque é você. Eu confio em você.
    : )

    ResponderExcluir
  111. Que coisa mais linda de se ler assim, logo pela manhã. Que honra a minha.


    :)


    E a mãozinha?

    Spartanski

    ResponderExcluir
  112. Tá melhor... mas esqueci do gelo ontem.
    : D

    Mas já tá bem melhor e isso já tinha acontecido antes.

    Vamos começar os trabalhos de hoje?

    : )

    Você pode vir às 10h?

    ResponderExcluir
  113. Esqueceu?! Ha!
    Que bom que está melhor.


    :)



    Claro que sim. Às 10h!


    Spartanski

    ResponderExcluir
  114. Você vai de revisão?
    : )

    Eu vou de fixação o dia todo.
    : )

    Vamos lá, hein...

    ResponderExcluir
  115. Quero fixar um conteúdo e retomar as revisões. Equilibrar isso.

    :)



    "Eu vou de fixação o dia todo."
    Não é mais aquele livro?

    Spartanski

    ResponderExcluir
  116. Ah, entendi. "Fixação" Ok!

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  117. Dá um desconto de ontem também, porque eu tava conversando com quatro pessoas ao mesmo tempo, aqui. Talvez eu estivesse um pouco distraída.

    : )

    ResponderExcluir
  118. Contanto que estejas bem, distraída por si só não é problema nenhum. Não se desculpe, linda.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  119. "Você está bem?"

    É, eu gosto sempre de saber. Por isso sempre exponho as minhas "percepções". Entende? :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  120. Aliás, também sinto essa percepção de [você pra mim]. E é muito bom. :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  121. Eu sei, bravinha... (que vc se preocupa e quer saber)
    rs rs rs

    Tá andando bem, por aqui...
    Nada como uma boa noite de descanso pra zerar a disposição cerebral, né?

    Notou que eu tô super animada hoje?
    : D

    Como é que tá aí?

    ResponderExcluir
  122. Onw! Não estou brava¹. Longe disso. :)

    Obs.:¹ soou assim?!



    Ótimo. É verdade.


    Então vamos manter a animação!
    Estou caminhando, preciso de um tempo mais pra "respirar bem" o conteúdo.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  123. Aos poucos o material vai ficando colorido!
    (risos)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  124. rs rs rs

    Tô só "pegando no seu pé". Sabia que você daria esse pulinho... kkkkk

    Tô de bom humor hoje, maninha.

    ResponderExcluir
  125. Ótimo!!!

    Pra primeira etapa de estudos, tá muito bom.

    Espero avançar bem nesta agora.

    12h?
    : )

    Quero fazer uma pergunta pessoal.
    : D

    ResponderExcluir
  126. "Comentário enviado"

    Lembrei: "Não entra na pilha..."


    Tarde demais! risos!



    É? Adoro isso.

    Spatanski

    ResponderExcluir
  127. Não precisa responder agora, pra não atrapalhar os estudos.

    Você me parece ser bem dedicada nos relacionamentos pessoais, mas talvez seja mera impressão. Fico pensando se você é do tipo exigente na reciprocidade. Enfim, tendo em mente essa sua decicação. Enfim, tenho dificuldades em saber se você é dedicada porém exigente nos relacionamentos pessoais ou se é dedicada e normalmente muito compreensiva.

    : )

    Parece teste psicológico, né?

    ResponderExcluir
  128. Antes da resposta me veio uma pergunta à mente.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  129. O que você tá chamando de "reciprocidade" eu chamo de "afinidade".

    O sentido usual do termo reciprocidade, pra mim, é uma via de mão dupla. Uns são mais exigentes outros são mais compreensivos.

    Não diria que você me pareceu exigente. No pouco que te conheço, não deu pra notar nada nesse sentido. Logo, eu penso que você tá mais para o tipo compreensiva.

    Mas a minha pergunta tá mais relacionada aos relacionamentos pessoais. É muito difícil perceber pela Internet se alguém é exigente ou não nos relacionamentos reais.



    ResponderExcluir
  130. Sim, afinidade. Essa é a melhor palavra.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  131. Certo. Estou conseguindo entender melhor.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  132. Mas essa pergunta também não tem lá tanta importância. Deixa pra lá.

    : )

    Nos vemos às 14h?

    ResponderExcluir
  133. Sim!

    Ei, não está com fome?

    Spartanski

    ResponderExcluir
  134. Ah, sim... Entendi.

    Tenho muito o que aprender com você, então.

    : )

    ResponderExcluir
  135. Gosto sobre quando você quer saber. Que fofa.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  136. Não. Não tá confundindo nada.

    Cada pecinha que você me permite conhecer de sua personalidade é sempre de altíssimo valor. Pode crer!

    : )

    ResponderExcluir
  137. Você quer fazer aquela pausa maior para o almoço?

    Eu "almocei" enquanto estava ao telefone. Era a minha mãe.
    : )

    ResponderExcluir
  138. A mamãe?! Que lindo! :)



    Quer? Então, na volta, a gente tira direto (?).

    Spartanski

    ResponderExcluir
  139. Tem que comer direitinho...

    Olha lá...


    Spartanski

    ResponderExcluir
  140. Voltando lá atrás...

    Essa seletividade de amigos íntimos (contados nos dedos), essa classificação binária de sentimentos ("sentimentos e sentimentos extremos") não é pra você uma faceta de um alto padrão de exigência?

    ResponderExcluir
  141. Não é tão metódico quanto parece.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  142. Também acho muito natural isso. Mas não se expor é outra coisa. O padrão é que as pessoas se exponham quando se sentem seguras.

    A minha pergunta, eu acho, não passa por aí.

    ResponderExcluir
  143. Estou tomando o seu tempo de almoço...
    : D

    Quando você retorna?

    ResponderExcluir
  144. "Indício de Exigência"

    (...)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  145. Sem problemas, maninha.
    : )

    Deve ser por isso que temos tanta afinidade.

    ResponderExcluir
  146. Não está tomando meu tempo. Gosto quando você pergunta. :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  147. Ops. Desculpa, saí correndo, mas voltei correndo também. :D

    Spartanski

    ResponderExcluir
  148. Foi?

    :)


    Quer parar um pouquinho?

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  149. A-ha!

    Mas não vou deixar você parar por minha causa!
    Portanto.
    Let's go every body!
    Stand up now!
    : D

    ResponderExcluir
  150. Essa sua carinha sorridente é uma coisinha fofa.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  151. ´Você tá indo bem? Tá rendendo legal?

    ResponderExcluir
  152. Não esperava render o que estou rendendo. Estou feliz com isso.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  153. : D

    Obrigada!

    Qual era seu objetivo e quantos ciclos já conseguiu fazer hoje?

    ResponderExcluir
  154. Meu objetivo:

    Ciclo Revisão-Fixar/Ciclo 01/Ciclo02

    Vou entrar no Ciclo 01.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  155. O menino achou um projétil ou uma munição?
    :P
    hehehehehe

    Lendo agora depois do curso de formação, faz muito mais sentido tudo!!

    ResponderExcluir

Confissões