terça-feira, 16 de maio de 2017

Pra eu me lembrar de ser humilde.

Imagem relacionada


Estou conseguindo colher umas dicas legais de sobrevivência com os mais antigos aqui. É que eu ainda tenho essa coragem de acreditar que algumas pessoas sabem que sou nova no pedaço e têm uma certa boa vontade pra "me preparar" para o que pode vir a acontecer. Difícil é separar as fofocas e as histórias de terror daquilo que pode realmente ser útil.

Vejam o caso de Beatrix Kiddo, vamos chamá-la assim. Kiddo era uma policial que trabalhava neste setor antes de mim, legitimamente loira, alta, magra e linda. Por sua competência, ela era o arquétipo de mulher policial de sucesso em que todas nós mulheres policiais, nos espelhamos; uma lenda; uma verdadeira policial do Brasil que dá certo. Segundo a Constituição, Kiddo é o ícone absoluto para aquelas que querem atingir o sucesso e o respeito profissional de forma fina, elegante e sincera. 

Lembro-me de que, quando eu estava ainda dando meus primeiros passos na polícia, precisei do apoio dela em uma missão que vim cumprir aqui e ela agiu com a educação e nobreza de uma rainha. Impecavelmente profissional, porque ela era encantadora assim com todo mundo, mesmo. Nessa época ela já era chefe aqui e eu sequer imaginava ser possível para mim, um dia, trabalhar neste lugar. Não obstante, esta mulher já me mostrava que eu poderia chegar bem mais além do que eu achava ser possível. 

Adoraria aprender diretamente com ela, no dia a dia, mas como ela não está mais aqui, me contento com os spin-offs de testemunhas. Todos concordam que ela tinha o timing perfeito, o tom de voz preciso, a capacidade de intervir cirurgicamente e que ela sabia calcular de cabeça o delta espaço sobre o delta tempo da chegada ou retirada  na hora certa. Ela é talentosa em lidar com bom senso e oportunidade. Não me constranjo em dizer que ela sabe ser na prática o que eu só sei na teoria. Me debato com isso de saber chegar e saber sair o tempo todo. É uma habilidade, ainda pouco dominada por policiais, infelizmente, uma ciência que não se aprende na Academia.

- Certo. E por que então que ela "caiu"?

Boa pergunta. Fontes de confiança me disseram que ela foi dispensada dessa missão porque era "preparada demais, sabida demais, segura demais", dando a entender que foi sua própria vaidade que puxou o tapete dela.

- Sério mesmo? - Pergunto desconfiada. - Daí que eu nem sei por onde começar, amados. O que é isso, afinal, o "Dia Internacional do Mistério"? 

Assim, como policial mirim que sou, venho informar que não tenho como processar essa teoria esquizofrênica, ok? Porque não estou admitindo ninguém colocar "preparo", "sabedoria", "segurança" e "vaidade" na mesma frase. Se é uma pessoa vaidosa, logo, não tem preparo! Não tem sabedoria! E não tem segurança nenhuma!

144 comentários:

  1. Olá novinha!
    Aqui é a Fernandinha (ainda lembra de mim?) ...
    “Beatrix Kiddo”, então você gosta de Tarantino, eu gosto muito, fico encantada com a criatividade louca dele.
    Por mais que você especule sobre os motivos dessa dispensa, difícil separar o que é inveja e fofoca do que é real.
    Realmente sabedoria não combina absolutamente em nada com vaidade.
    Obrigada por nos presentear com textos que nos fazem refletir e sonhar. E parabéns pela sororidade, é uma das características que mais gosto em você:)

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. (então...)

      Zero Ummmmmmmm, Fernandinha!!!!

      É claro que me lembro, né, bonita?

      Põe criatividade louca neste nome, né?kkk

      Mas é impressionante a semelhança entre a atriz e a personagem da minha história.

      Você vai ver, Fernandinha, que muita gente vai "se apresentar" querendo te mostrar o caminho das pedras... e vai ver que há muita informação contraditória. À época em que entrei aqui eu não sabia filtrar muito bem esses conselhos e me dei mal uma porção de vezes. Agora eu não sou mai tããããooo novinha, né? Já consigo sim, fazer uma compreensiva separação do que é e do que não é aproveitável.

      E, no meu caso, ainda tem um agravante. Sempre que alguém me diz "pode confiar nesse cara", eu me decepciono. Acredita? E quando dizem "cuidado com esse cara" aí eu posso ir de olhos fechados... kkkkk

      É impressionante.

      Sobre a postagem, especificamente falando, concordo com você... não dá pra saber os motivos dela, por enquanto, mas aos poucos as pedras desse quebra-cabeça vão se encaixando e a gente vai tendo uma imagem real do cenário.

      A "sonoridade"? Interessante... não me lembro de alguém ter falado isso dos meus textos.

      Obrigada.

      Foi bom você ter aparecido porque estava me lembrando de ti essa semana.

      A gente se vê por aí.

      Beijão!

      Excluir
  2. Resposta...
    pra quem pediu pra não publicar o comentário:

    "Hey!!!

    Muito obrigada por suas palavras de carinho. Fico muito contente com sua consideração e preocupação.

    Olha só... você tem que me prometer que vai cuidar direitinho dessa depressão, hein, eu quero ver você bem no grande dia.

    Por mais que esteja doendo, você é muito forte! Sim, eu sei que é. Mas as pessoas fortes também choram, também sofrem e também são vítimas de injustiças dessa vida Madrasta, né?

    Olha, diante do que aconteceu, você tem duas opções:

    1 - deixar que esse fato ocorrido derrote você.
    2 - usar isso como aprendizado, como oportunidade de crescimento como pessoa mesmo, usar isso como experiência própria afim de abençoar outras pessoas.

    Você sabe que tem outras pessoas na mesma situação que você. Pode não ser exatamente com os mesmos requintes de crueldade mas muita gente vai ver na sua história um motivo a mais pra permanecer e lutar.

    Não se esqueça que muitas pessoas que já estão onde você quer estar têm um grave histórico psiquiátrico.

    Deus sabe o que faz... Nunca se esqueça disso, e se ele permitiu que as coisas acontecessem dessa forma, ele tem um propósito maior.

    Vamos lá, porque eu quero ver você bem logo.

    E por último, acho importante frisar que, esse blog deixou de ser meu no dia em que fiz a primeira postagem. O blog agora é nosso, de quem vem aqui e lê e interpreta à sua maneira. E se este blog só puder ser usado como entretenimento tanto eu como você estamos perdendo o nosso tempo.

    Se eu que escrevo as postagens já cansei de utilizar esse espaço como desabafo, como expressão de dúvidas, de revoltas, de alegrias e tristezas... você também tem toda liberdade de "me usar", como uma amiga não tão distante assim.

    Certinho?

    Muito obrigada pela confiança.

    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu prometo que estarei totalmente bem quando chegar o dia D. Na verdade, já estou bem melhor, optei pela opção número dois.

      Conheço muitas histórias de pessoas com sérios problemas psiquiátricos na Instituição, alguns casos que o desfecho, infelizmente, foi homicídio ou suicídio.

      Não fique preocupada, tá bom?! Estou te fazendo uma promessa e costumo cumpri-las.

      Acredito que a maioria dos seus leitores (e me incluo nesta) não use seu blog apenas como entretenimento, eu só não queria te encher o saco, por isso disse aquilo sobre te poupar dos pormenores.

      Tenha a certeza que esse blog é importante demais pra mim, sempre foi, desde o início da minha caminhada, que é longa, você sabe.

      Um grande beijo! (esse acho que não tem problema publicar)

      Excluir
    2. É isso aí. É assim que se fala!

      Só pedi pra que você tome cuidado, porque algumas pessoas têm a tendência de querer segurar a onda sozinha. Não duvido da sua capacidade de superação, não duvido da sua resiliência, nem da sua garra. Você é nota 10, mesmo. Eu sei disso. Mas você pode pedir ajuda quando precisar. Isso não é nenhum demérito. Pedir ajuda é legal, cara...
      : )

      Não vou ficar preocupada. Confio na sua promessa. E fique à vontade para compartilhar comigo o que quiser.

      VOCÊ NÃO ME ENCHE O SACO!

      (mas que saco! kkkk)

      Obrigada por sua nobre visita.

      Beijo!





      Excluir
    3. Obrigada você por estender a mão. Você me transmite muita energia positiva.

      Beijão!

      Excluir
    4. Que Deus te abençoe muito e esteja sempre com você. É o meu desejo!

      : *

      Excluir
    5. Não precisa pedir desculpas, anjo. E muito obrigada por me contar algo sobre você. Ganhei o diaaa!

      : )

      Excluir
    6. A propósito...

      Você disse que utiliza esse recurso para estudo... tá estudando o que?

      Beijinho!

      Excluir
    7. Boa noite!

      Eu usei para o concurso, no momento só para ler notícias e seu blog.

      Você já sabe muitas coisas sobre mim, meu RG, CPF, endereço... kkkkkk se bem que são apenas dados frios.

      É maravilhoso vir aqui depois de uma semana difícil (nada de novo aconteceu, só a cabeça lutando contra os pensamentos negativos) e ler o que você escreveu pra mim, sério, me fez um grande bem. Obrigada! :)

      Que Deus te abençoe também, Novinha!
      Você é muito especial.

      Beijos!

      Excluir
    8. Boa noite!

      Ah, tá... achei que tava estudando pra outra coisa aí.
      : )

      Vish... kkkk

      Não sei seu RG, não sei seu CPF, não sei seu endereço (nem o atual nem o anterior). kkkk

      Valorizo essa alegria de conquistar a confiança de vocês. Então se eu fosse atrás de informações perderia a graça...

      E eu concordo com você. São dados frios... são só números. Aqui no blog eu não analiso esse tipo de dados. Prefiro a análise da escolha das palavras, me detenho pausadamente no suspiro entre os silêncios das entrelinhas. Já disseram que "Tudo o que cala fala mais alto ao coração"... Eu concordo.

      Te cuida, hein, (por falar nisso, tá malhando?) e até breve.
      ; )

      Beijox!

      Excluir
    9. Ontem eu me empolguei, fui escrevendo, escrevendo... Acabei divagando. Eu estava com muito sono, acho que foi isso.
      Fica a lição para mim: se estiver com sono, não escreva! :)

      Beijos!

      Excluir
    10. Hey... não mesmo!

      Eu gostei tanto daquele comentário e você me diz que era porque estava com sono???

      Assim, você me obriga a dizer que gosto mais de você quando você está com sono...
      kkkkkk

      É brincandeira! (agora, o problema é se você disser que gosta mais de mim quando VOCÊ está com sono... aí eu ficaria preocupada!)
      : )

      Excluir
    11. Mas se prepara que lá vem testamento kkkkk

      Excluir
    12. Pode mandar!

      Estou preparada! kkkkkk

      : )

      Excluir
    13. Ãin que coisa mais bonitinha, xente!

      Tranquilo, eu não publicaria mesmo.
      : )

      E eu sei que não mereço tanto da sua atenção e todo esse carinho especial, mas hoje não foi um dia fácil... e receber sua mensagem com certeza foi o ponto alto da jornada. Muito obrigada!

      Então... eu acho que se há um propósito nessa fase, talvez a gente devesse tentar vivê-la plenamente, em vez de achar que a vida começa depois que o sol voltar a brilhar.

      Não se assuste com as minhas perguntas, às vezes eu pergunto o que eu queria responder pra mim mesma, mas que não consegui responder...

      Acho que a bateria aqui vai acabar. Vou publicar esse pra vc, que não deve estar acordada, mais. E vou atrás de uma fonte de energia para o computador e outra pra mim.

      Uma boa noite pra vocês!













      Excluir
    14. Bom dia!

      De ontem pra hoje me ocorreram tantas perguntas... mas eu vou conter meu ímpeto, "coldrear" e fazê-las numa hora mais oportuna.

      Eu fico feliz por saber que você faz essa diferença entre a instituição e as pessoas. Quem paga o meu salário é a instituição, né, mas ela é fria e desumana. Como qualquer outra. E eu não dou a mínima para instituições.

      Mas as pessoas, sim, são essas que fazem a diferença. Embora uma ou outra também seja fria e desumana...

      Você promete, viu! Quero muito ler aqui em breve que "já tá tudo resolvido!".

      : )

      Beijo!

      Excluir
    15. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    16. Oi, Novinha!

      Deve ser o vício da profissão que te faz perguntar tanto kkkkkk

      Não tem problema nenhum, viu?! Pode perguntar à vontade. No máximo eu peço para você não publicar as respostas e dependendo até apagar as perguntas.
      ;)

      Espero em breve vir aqui te dar boas notícias, tudo no tempo de Deus...
      Enquanto isso, vou vivendo antes mesmo que o sol volte a brilhar (adorei essa sua frase, me fez refletir bastante).

      "E eu sei que não mereço tanto da sua atenção e todo esse carinho especial, mas hoje não foi um dia fácil... e receber sua mensagem com certeza foi o ponto alto da jornada." Sorriso de orelha a orelha ao ler isso, você merece sim, merece demais.

      Beijão!

      Excluir
    17. Olá, como vai?

      Sabe em que eu tava pensando? Por que você não aproveita esse "período noturno" pra treinar uma arte marcial, pra estudar um idioma, pra fazer uma pós. Sabe? Fazer alguma coisa que você queria ter feito mas que não tinha tido tempo... ou oportunidade. Entende?

      Sei lá, é só uma ideia... e eu sei que talvez a questão da grana pode não permitir isso da forma mais confortável, agora, mas sempre tem um lugar que cobra baratinho ou que não cobra.

      A não ser que você já tenha algum outro projeto em andamento. Aí, beleza.

      Na minha modesta opinião, seria uma chance de aproveitar bem esse período. Conhecer pessoas. Se envolver com coisas paralelas à profissão futura. Até pra ajudar você a respirar outros ares.

      Carpe diem!
      ; )



      Excluir
    18. Já estou com projetos em andamento, e você acertou um deles... depois diz que não tem muita intuição kkkkk

      ;)

      Eu sempre tive consciência de tudo isso, colocar em prática é que demorou bastante.

      Beijos!!

      Excluir
    19. "Projetos em andamento"
      Isso soa como música aos meus ouvidos!

      Excelente! Espero que isso te traga o retorno desejado.

      Acertei? Eu acertei... Acertei!!!
      kkkk

      Mas isso não é intuição, é só um chute.
      : )

      (qual deles será o que acertei, mesmo?)
      kkkk

      Fica com Deus!

      Excluir
    20. Pode ter sido só chute, mas foi um chute certeiro, natural para quem tem uma mira tão boa quanto a sua.
      ;)


      "qual deles será o que acertei, mesmo?" Eita que essa veia investigativa não te deixa em paz nem na hora de responder os comentários kkkkkk
      Estou brincando, sei que trata-se de uma curiosidade saudável, além da torcida para que eu fique bem.

      Beijão!!!
      Fique com Ele!

      Excluir
  3. Zero um, uhuuuu, pelo menos aqui ser a zero um vale a pena, porque você responde bem rápido. Porém, ainda estou aguardando a utilidade das minhas primeiras colocações em certos casos.
    Semelhança física com a Uma Thurman? Uau, além de tudo ainda é gata essa policial.
    Pra mim você já é antigona kkkk, certamente você sabe filtrar as coisas, já está "vacinada" né.
    Essa questão de confiança requer um pouco de intuição também, não devemos confiar ou não em alguém só pela opinião alheia.
    Eu disse "soroRIdade", parece erro de digitação, mas não é kkkk (Relação de irmandade, união, afeto ou amizade entre mulheres, assemelhando-se àquela estabelecida entre irmãs.
    União de mulheres que compartilham os mesmos ideias e propósitos, normalmente de teor feminista.)
    Eu acho marcante essa tal de sororidade em alguns de seus textos e nos seus comentários.
    Sério que você lembrou de mim essa semana? Nossa, ganhei meu dia, foi transmissão de pensamento então :D
    Não vejo a hora da gente literalmente se ver por aí.
    Beijão!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antigona, não, hein... "semi novinha"... kkkk

      Intuição? Hummm... o que é isso? Apesar do tempinho de serviço, continuo muito sonsa, querida. Impressionante. Tenho certeza de que você aqui já tinha entendido muita coisa das relações humanas que eu demoro séculos pra "pescar".

      O que eu aprendi foi de tanto levar na cabeça mesmo...
      : D

      Ahhh, kkkkk sororidade... desculpe! Li como sonoridade. Meu cérebro me trai, às vezes.
      : )

      Então você fica lendo as entrelinhas dos meus textos, né? Que bom que alguma coisa neste blog te agrada...
      mesmo que esteja escrito nas entrelinhas.
      ; )

      Você é muito gentil.

      Ahhh... e quem te garante que a gente nunca tenha se visto por aí?
      kkkkkk

      ; )



      Excluir
    2. Semi-novinha parece discurso de vendedor de carro usado, bom, uma novinha com bastante experiência então, melhorou? kkkkk

      De uma forma ou de outra a gente aprende, muitas vezes é na dor mesmo.

      Olha, não é apenas "alguma coisa" neste blog que me agrada, TUDO me agrada, com exceção do anonimato, embora eu entenda completamente os seus motivos.

      Como diz o poeta "gentileza gera gentileza", apenas retribuo a forma como você me trata.
      ;)

      Verdade, quem sabe você não tenha sido professora no curso que eu fiz kkkkk É bem possível.

      Beijos!

      Excluir
    3. Fernandinha! kkkkkkk

      Melhorou um pouco, mas não é tanta experiência assim não, tá? Falta muito pra uma pessoa sensata dizer de mim "Oh, como ela é uma policial experiente".

      A-hannn! Acredito que a dor ensina, trabalha o caráter, gera energia, força, sabedoria...

      "Só a dor gera compreensão" Isso te soa familiar??? kkkkkkk

      É brincadeira, Fernandinha!

      Que fofinha, você! Obrigada por entender meu anonimato. Infelizmente tem que ser assim.

      kkkkkk
      Já pensou, eu dando aula pra sua turma, você levanta a mão pra fazer uma pergunta e eu solto essa: "Fala Fernandinha"... kkkkkk

      - "Professora, como você sabe o meu codinome no blog da Novinha???"

      (Isso seria bem a minha cara).

      Fernandinha... para o seu "desespero" eu posso estar muito mais perto do que você pensa... ou não.

      Mas é isso que é legal, você me ver em todas as mulheres policiais do seu caminho.

      ; )

      E quem garante que eu nunca fui sua aluna?! A professora aqui é você, bonita!

      (eu morro de rir aqui!)

      Beijos!

      Excluir
    4. "A dor ensina, trabalha o caráter, gera energia, força, sabedoria"... it's true, novinha.

      Agora fui eu quem ri imaginando a cena da sala de aula kkkkkk

      Olha, não bate um desespero não, gosto da ideia de já ter estado perto de você, ou vá estar um dia.

      Na verdade, eu não te vejo em todas as mulheres policiais do meu caminho, só nas mais especiais.
      ;)

      Mesmo que você não tenha sido de fato minha professora, aprendo tanto aqui que você nem imagina o quanto. E tento extrair o máximo das linhas e entrelinhas.

      Beijos!

      Fernandinha

      Excluir
    5. Fernandjenha, Fernandjenhaaaaa!

      Deixa a sua mãe saber que você fica de dando conversa pra pessoas estranhas da Internet...
      ; )

      Você é muito florzinha linda, mesmo, olha que meiga!

      Espero, de verdade, nunca decepcionar você, viu? (pense assim, numa responsabilidade monstra a minha...)

      A sua amizade, mesmo que virtual, é muito importante pra mim. Mas vai que, né, um dia... a gente vira amiga, mesmo, já pensou? Sem você saber que eu sou eu, entendeu? (será que já não somos?)

      ; )

      Um ótimo final de semana pra ti.

      Excluir
  4. Olá, tenho o timing perfeito para lhe dar toda preparação física e técnica para agir em segurança com autocontrole, por vezes basta um olhar para intimidar, isto é, se a senhora agente aceitar a minha colaboração.
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk

      Antônio, primeiramente, bom dia.

      Em segundo lugar, mas não menos importante... eu acho que você é melhor com poesias, sabe?

      Obrigada pela generosidade.

      Excluir
  5. Olá
    Fico confusa, é você mesmo que está passando por estas situações usando pseudônimos? Ou é só ficção.
    Bjs


    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Simone!

      A ideia é deixar isso no ar, mesmo. Pode ser que sim, pode ser que não.
      : D

      hihihi

      #políticadoblog

      Excluir
  6. Sinceramente, eu acho a explicação para a saída da "Kiddo" um tanto esdrúxula. Está mais para o caso de "achismo". Não dá para entender que uma pessoa altamente preparada seja dispensada de uma missão simplesmente por vaidade, a menos que tal chegasse ao ponto de prejudicar a sua atuação ou a de terceiros. Talvez o termo vaidade tenha sido confundido com excesso de autoconfiança/autossuficiência, o que poderia, talvez, trazer alguns transtornos ao bom desempenho de uma missão. Dizem que pessoas assim são mal vistas no âmbito profissional.
    Penso que você tem razão ao considerar que não é de bom senso enquadrar a vaidade dentro de um contexto de "preparo", "sabedoria" e "segurança".
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vera,

      Querida! Entendi.

      Mas eu acho que dá na mesma, porque "excesso de confiança/autossuficiência" também não combina com preparo, sabedoria e segurança.

      Ou seja, eu acho que tem caroço nesse angu, amiga... pronto, falei.
      : )

      Um beijo pra ti!

      Excluir
  7. Olá, querida!
    Nem tudo que é perfeito é admirável, é bom!
    A vaidade as vezes atrapalha principalmente para quem não tem segurança e sabedoria.

    Beijinhos, sucessos sempre ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Andréa...

      Ou tem uma coisa ou outra. As duas... complica o meio de campo!

      Embaça...

      Beijos, flor!


      Excluir
  8. Oi querida,
    Eu jamais seria uma policial, não por medo e sim por ser muito vaidosa, Adoro batom vermelho, esmaltes, etc... os quais que as policiais não podem usar.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi lua linda...

      E quem disse a você que as mulheres da polícia não gostam de batom, esmaltes, etc.?

      E quem disse que as policiais não podem usar essas coisinhas?

      Não é dessa "vaidade" aí que estamos falando não, florzinha. É aquela vaidade também conhecida como orgulho próprio, ostentação, presunção, futilidade, soberba.

      Entendeu, lindona?

      Beijos, Lua Singular!

      Excluir
    2. Oi Linda,
      E olha que estudei 8 anos karatê, saía à noite numa perto de uma grande cidade e sabia enfrentar até os cachorros sem medo, mas saía armada, pois fiz treinamento e tinha permissão.( fiz tudo isso, pois meu marido ficou doente). Tudo que fiz foi em vão, pois devo ter um anjo protetor e nunca precisei usar nada.kkk
      São tantas coisas que vou devagar.
      Vou fazer em agosto 70 anos, não tenho uma ruga, pernas bonitas e vaidosa. Meu marido morreu, casei com um outro lindo mas jovem que eu.
      Não me deixa sair sozinha.
      Tenho um filho adotivo de 34 anos(contador), tem uma educação ímpar, não puxou a mãe e nem podia, eu falo e não tenho enfrento na cara.
      Beijos no coração
      Lua Singular

      Excluir
    3. Nossa! Você é faixa preta de karaté?

      Que bom que nunca precisou usar nada disso. kkkk

      Você não parece ser brava?

      Parabéns pelo filhão!

      Excluir
  9. Nunca ouvi falar dessa pessoa, entretanto, se ela era tão boa será que não foi outra coisa que a afastou? (Teorias conspiratórios haha) acho que a vaidade é sempre ruim, acabamos nos iludindo com uma falso poder
    Beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Tay!

      Falamos normalmente de heróis anônimos aqui no blog. Gente que faz bem feito mesmo que não tenha recompensa alguma.

      Heróis anônimos não são vaidosos. Vaidosos são aqueles que necessitam "aparecer".

      Obrigada por ter vindo.

      Um beijinho!



      Excluir
    2. "Heróis anônimos não são vaidosos. Vaidosos são aqueles que necessitam 'aparecer'."

      Frase maravilhosa, devidamente anotada.

      Fernandinha (me intrometendo na conversa alheia rs).

      Excluir
    3. Você é sempre bem-vinda em todas as conversas, Fernandjenha!

      Essa é a Tayane sem H.
      : )

      Ela escreve um blog que sempre tem umas dicas bem legais, passa lá depois pra você conhecer!

      Tay, essa é a Fernanda, uma amiga minha muito especial!
      : )


      Excluir
    4. Obrigada, Nova.

      Vou dar uma passada por lá.
      =)

      Beijinhos!
      Fernandinha

      Excluir
  10. Boa tarde, querida

    Acredito que a simplicidade é muito importante no ambiente de trabalho, muitos que ostentam, acabam por perder o emprego. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucinalva, querida!

      Boa noite, agora...

      Concordo com você, não foi à toa que Jesus disse aos seus discípulos:

      "Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto, prudentes como as serpentes e símplices como as pombas".

      ; )

      Ótimo final de semana pra você, Lu.

      Excluir
  11. Confesso minha admiração pela maneira como coloca, estende e conclui seus temas e acrescento concordância com sua linha de raciocínio tão sincera quanto pertinente.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Cadinho!

      Penso em vocês quando escrevo. Vocês me fazem bem.

      : )

      Excluir
  12. Caramba! Fiquei tão empolgado em comentar sua publicação que esqueci de te convidar para ida à nossa www.hellowebradio.com ... vontade de te receber e, se possível, acolher recado seu.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, Cadinho!

      Fui lá sim! E registrei presença.

      Obrigada, amigão!

      Excluir
  13. Apesar de tudo creio que ainda há certa discriminação com a mulher em destaque, principalmente na polícia e isto pode explicar o tapete se arrastando.
    Bom voltar por aqui.
    Um abração e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Toninho!

      Discriminação? Será?

      Obrigada por sua participação, querido!

      Excluir
  14. Olá
    Eu penso que a Simone das plantinhas matou a charada. Ou não.
    Pensem ou repensem, há quedas para todo mundo. Difícil é manter-se no topo sempre.
    É melhor sempre sermos nós mesmos. ( viajei)
    Qualquer vacilo, sempre tem alguém pra derrubar.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zi!

      A Simone está é levantando a polêmica, não matou charada nenhuma...
      kkkk

      Éhhhh... qual charada mesmo?
      : )

      Excluir
    2. Passou tanto tempo, que não recordo qual era a charada, rs
      Mas entendo que publicamente, temos que escrever indiretamente, sem muitas revelações.

      Excluir
  15. Já vivi o "filme" há meio século. Não aceitei permanecer num "meio" onde a competência era medida pela bitola inversa. Há que ter capacidade de ser vertical e justo.
    A humildade não é confundível com subserviência (aí no Brasil e aqui em Portugal).
    Vai em frente, Menina. Segue o instinto.

    Beijo
    SOL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antigão, SOL!!!

      Se eu seguir meu instinto vou sair mordendo umas pessoas e não vai ficar bom.

      Melhor não, viu?
      : )

      Excluir
  16. continua com seus excelentes e intrigantes textos, novinha ...
    hahaha

    bjs

    jhulay

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha só, quem está aqui!

      Sumidinha...

      Que saudade das suas visitinhas, Jhulay!

      Conta aí!

      Excluir
    2. tudo certo,novis? ;) eu to bem, graças a Deus! estudando mto e trabalhando kkkk

      to advogando há uns meses, mas sempre estudando pros concursos da vida! KKKK

      espero que com vc esteja tudo otimo e melhorando cada vez mais!

      bjo enorme pra vc

      Excluir
    3. Nossa!

      Tá a mil por hora!?

      Que bom, Jhulay!

      Eu tava meio assim, preocupada, sem saber o que houve com você, queridinha... mas agora estou feliz por saber que está tudo ótimo.

      Você está estudando para qual concurso?



      Excluir
    4. desculpa a demora, novinha! :) to estudando pro QT da Marinha, em Direito. to focada nele, acho q me encontrei kkkkk

      graças a Deus as coisas estão se encaixando, espero que vc esteja bem tbm!

      prometo dar as caras mais vezes kkkk
      vamos nos falando!

      bjs ;*

      Excluir
    5. Nossa!!! Que máximooooo!

      Vou torcer tanto pra você passar!!!

      Sim. Tamo indo devagar...

      Quando é a prova???

      Beijo, lindinha, que Deus te abençoe aí.

      Excluir
    6. então, ainda não tem data certa, embora já tenha saído o edital, mas está marcado para o dia 19 agora a divulgação da data da primeira prova, então estamos perto hahahah

      vlw pela torcidaaa hahah pode deixar que te mantenho informada ;)

      beijos, meu bem, Deus abençoe sua vida grandemente... s2

      Excluir
    7. Aproveite bem esse tempinho para estudar Jhuly! Dá um sprint aí, pra chegar rasgando com tudo. kkk

      Força, força, força!!!

      Vai dar certo, se Deus quiser!

      E seus pais gostaram da ideia?

      Excluir
    8. kkkk tem dias que a correria e o cansaço são pesados e eu me dou um descanso, mas procuro estudar pelo menos uma matéria por dia. pra não ficar zerada, né ..

      Gostam sim! todos aqui apoiaram! fico feliz demais, pq isso nos dá força pra estudar!

      pode deixar que te mantenho informada!

      beijos mil pra vc, novinha!

      jhuly (gostei desse) kkkk

      Excluir
    9. Afff....!!!

      kkkkk

      É que o "y" tem som de "ai"... kkkkkkkk

      Jhulay!!!!!!

      : )

      I'm sorry!

      ; )

      Excluir
  17. Todo setor de trabalho tem as suas manhas e artimanhas. Galgar o sucesso é tarefa árdua que requer discernimento para avançar e retroagir no momento preciso
    Uma semana de paz e bênçãos. Beijos! ¸.`★•¸.`★•¸.♥♥♥♥♥

    ResponderExcluir
  18. Haja sabedoria, não é Gracita!

    Obrigada, querida!

    Uma ótima semana pra você.

    ResponderExcluir
  19. E aeee Nova, blz!!??

    Nova pelo que percebi, essa policial Kiddo tinha como nome Profissionalismo e sobrenome Competência, cheias de qualidade, sabe sair e sabe chegar (isso faz lembrar uma característica q as vezes nos homens somos obrigados a ter para chegar numa garota kkk, as vezes saber chegar e saber sair faz toda a diferença nessas hrs), ela tinha timing perfeito, essa mulher é o suprassumo da profissão policial, com certeza ela devia ter um excelente tirocínio tbm. Nova acho q não vale apena construir um conceito da saída dela apenas pelas histórias que outros contam, se tem uma coisa q ha algum tempo não faço mais e construir conceitos ou seguir cegamente o opinião dos outros ao meu redor, ainda mais se for sobre outras pessoas, mesmo se for uma pessoa q confio cem por cento até minha vida, eu dou uma atenção especial na opinião, mas ainda assim prefiro tirar minhas conclusões, a opinião dos colegas serve somente como base. Eu daria o direito da dúvida pra Kiddo, pode ter acontecidos várias possibilidades, inclusive e principalmente nos bastidores, já que ela era chefe ai no setor, talvez é uma histórias q até hj teja em off.


    Nova, mudando de assunto, me diz uma coisa, antigamente, eu percebia um padrão nas suas postagens, e com essa sua última, percebi novamente. Vc costuma seguir algum padrão consciente nas postagens?

    Outra coisa, eu tenho um negócio pra ti contar, tenho uma novidade pra ti falar, mas só posso falar daqui ha umas duas semanas, e vou precisar da sua opinião.

    Bejjjãããããooo..

    ; )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita... me mata de curiosidade, F3llype!

      kkkk

      Claro que darei minha opinião. Ainda mais sabendo que você prefere tirar as suas próprias conclusões, em vez de deixar-se influenciar pela opinião alheia, o que é muito bom.

      "Padrão"? Como assim? Não sei de padrão nenhum, não... Agora fiquei curiosa.
      : )

      Pois é F3llype... esta mulher é uma verdadeira incógnita. E a saída dela é um grande mistério.

      Mas a gente fica tentando decifrar essas coisas do passado com a finalidade de entender o futuro.

      Não sei se é por aí não, mas é o que temos pra analisar hoje.

      Beijoooo!

      Excluir
  20. Não quero ti matar de curiosidade não kkk..
    É q prefiro contar no tempo mais apropriado.

    Só fico com pé atras apenas quando a opinião dos outros é sobre outras pessoas, no mais sou bem receptivo das opiniões alheias.

    Sua visão e opinião sempre me ajuda, então depois vou precisar consultar vc Nova.

    Se vc não segui nenhum padrão, então é loucura minha, deixa quieto kkk..

    ; )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok... eu espero. Só não garanto que estarei viva e não morta de curiosidade até lá.

      (Já sei... passou num concurso de várias fases, mas espera a confirmação pra eu te ajudar entre tantas opções... Acertei?)

      Exatamente... eu também fico com pé atrás, quando as pessoas falam de terceiros, fico tentando entender o jogo de interesse que rege essas relações.

      Pois é... conscientemente falando eu acho que não sigo nenhum padrão, não...

      : )

      Excluir
    2. Êêêêeee... Garota esperta, Nova vc é fofa em kk

      Então. Fiz o último concurso da PMSP, fui pra SP capital hj fazer a segunda etapa do psicológico, acredito q fui mt bem, o resultado do psicodoido sai dia 9 agora, vamos esperar e ver no q vai dar, depois desse resultado, é só preencher a ficha de IS e aguardar o resultado final nos próximos meses.

      : *

      ; )

      Excluir
    3. kkkkkkkkkkkkkk

      Me lembrei da música da Pitty, que eu curto muitooooooo!

      https://www.youtube.com/watch?v=BFTNLk6l-qM

      Fofo é você, garoto! Detonando nas provas todas!!! Muito obrigada por ter me contado, fiquei muito feliz por saber.

      Por favor, me mantenha informada?

      Mais uma formatura! u-huuuuu!!!
      kkkkkk

      Excluir
    4. E aeee Nova, deu ruim, mission failed...

      Reprovei no psico, mas gostei mt de tudo, nunca tinha feito TAF, médico detalhado e exame psicológico, acho q tirei grande experiência desse concurso, deu pra sentir um gostinho kk

      ; )

      Excluir
    5. Na trave, né F3llype!

      Bem vindo ao clube... Me reprovaram uma vez numa entrevista com psicólogo... (que ódjhio).
      : (

      Mas é sinal de que você está chegando perto, hein.
      : )

      Você tem mais informações sobre o que deu errado nesse teste?

      Excluir
    6. Então, tem como pegar a devolutiva da sua reprovação, mas tem que ligar e agendar, o chato é que vc tem que ir buscar pessoalmente, eles não enviam no seu endereço : /

      A cidade que moro é pouco mais de 200km da capital e vou gastar uns 120 temes pra ir buscar....

      Acho que não compensa, economicamente inviável...

      Nova, uma dúvida, na sua polícia o exame médico tem que ficar pelado tbm, acho que isso foi a única coisa estranha desse concurso que fiz kkk

      ; )

      Excluir
    7. Mas era bom, né? Dar uma olhada no que "pegou". Vai visitar os parentes, e aproveita e pega lá.
      kkk

      Não é estranho não... kkkk É bem comum.

      Sobre exames médicos para concursos em geral, tem uma galera esclarecendo bastante coisa aqui:
      http://blogmissaofederal.blogspot.com.br/2014/01/exames-medicos-para-concursos.html

      ; )

      Mas é assim, mesmo, viu? Para o próximo você já terá uma bagagem bem mais significativa que muitos outros candidatos. Mantenha o foco, vire essa folha e "vambora"!

      : )

      Excluir
  21. Awnnn, como assim teve post novo e não recebi notificação?! #xatiada
    Deu saudades, resolvo dar uma passadinha despretensiosa e voilá! Post novoooo, yupii! :))
    Sobre essa pauta...eu sou muito de energia e identificação, prefiro acreditar no que sinto do que no que ouço de outrem..."Quando Pedro me fala sobre Paulo, sei mais de Pedro que de Paulo - tio Freud". Semi-nova (prefiro antiga, massss vc naum gostcha, hehe), acredito que ainda eh muito difícil uma mulher irrepreensivelmente competente se manter no topo. Quando um homem é "preparado demais, sabido demais, seguro demais" ele cai? Na minha humilde experiência não, muito pelo contrário, ele é considerado foda, pica, e se for tão habilidoso quanto a descrição da BK, será elevado vertiginosamente ao topo. Quantas mulheres policiais são superintendentes? Na PRF, a 01 caiu logo depois no impeachment de uma presidente mulher - pura coincidência ou ela perdeu a competência pro cargo subitamente? Alguma delas já foi diretora-geral na co-irmã? A macharada pira, não se conforma em dividir e, principalmente, respeitar esse espaço que estamos ocupando com unhas, dentes e saltos 15. #aceitemquedoerámenos Também é bem possível que haja algumas máscaras sobre a aura de heroica perfeição, mas eu daria o benefício da dúvida a minha própria intuição sobre a BK. Adoro seus personagens, os vilões, os mocinhos, e os duvidosos, hahaha. Bjux

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas que poxa!

      O que tá aconteceiiiinnnndo, meu? Teve mais gente dizendo que não tá recebendo minhas atualizações. Mas que falta de respeito!
      : )

      Oi Log! Também tava com saudades de você.

      Tô achando que você matou a charada, viu... Sim, você está coberta de razão, Log. Mundo cão, merrrmo, esse!

      Né fácil, não, amiga. Vou te falar, viu...

      Você sente esse preconceito aí também? Como você pensou nisso, logo, assim, de cara, hein?

      : )




      Excluir
    2. Semi- antiga (hahaha, não resisti), na iniciativa privada, em minha experiência e no nicho mercado em que atuava, predominantemente masculino, foi preciso me comportar como tal para ser notada, respeitada e ascender. Veja bem, não foi nenhum sacrifício pra mim agir de tal forma, mas estou certa de que não teria tido uma carreira na área se não me comportasse de forma firme (na minha visão, uma característica predominantemente masculina), falando a língua deles, numa espécie de rapport permanente, independente de todas as demais credenciais técnicas que eu apresentasse. Nenhuma das minhas companheiras de trabalho chegou tão longe, ou teve o mesmo respaldo. Esse é o parâmetro que corrobora minha tese. Não sei se em outras áreas o machismo patriarcal é tão arraigado, mas fato é que eu sempre tive que provar 3x mais habilidades que um homem médio pra poder chegar no mesmo nível deles em termos de oportunidades. E cheguei, em termos hierárquicos, porém ganhando 30% a menos só pelo fato de ser mulher (esse dado não é estatística, é a dura realidade). Por essas e muitas outras razões o concurso virou minha meta profissional. A diferenciação sempre existirá enquanto o status quo não mudar, eu não tenho dúvidas de que também as enfrentarei na minha futura casa na condição de servidora pública, só vão mudar as formas. Só que essa desigualdade entre os gêneros (profissional, social, política e economicamente falando) sempre me será profundamente indigesta, e é um paradigma que eu, na medida do que me for possível, sempre combaterei com fervor. Só preciso tomar umas aulas com a BK para aprender a fazê-lo com a mesma altivez e glamour, hahaha. Mesmo tendo "caído", justa ou injustamente, espero que ao menos ela esteja em condições de ter seu potencial devidamente aproveitado pela casa para o bem-servir da sociedade, que no final das contas, deveria ser o ponto mais importante dessa destituição. Mudar o comando pode até ser bem salutar em alguns casos, mas deixar de aproveitar um potencial desse quilate seria um crime contra a própria Adm., neh não?!

      Excluir
    3. "Semi-antiga", né? óquei... Você também vai chegar lá... Aguardemos! kkkk

      Entendi o que você está falando. Eu acho que só não tinha ainda lido isso em palavras. Mas analisando algumas mulheres aqui na polícia eu acho que você tem razão, Log...

      Nesse setor em que estou aqui, tenho visto essa seriedade nas meninas. E parece que isso é sim, um diferencial.

      E, cara, isso de ter que provar 3 x mais que é competente... em relação a eles... nossa! Como isso tem sido verdade. Fico triste lendo você falar com tanta clareza dessa realidade da mulher.

      Pois é... se ela gosta mesmo disso daqui como eu gosto. Tenho certeza de que sentiu muito. Apesar de que ela já estava aqui há bastante tempo, sabe. Eu penso muito nisso, em ter que sair um dia, mas quero sair bem. Eu não sei se ela pensava assim, mas eu quero sair bem como entrei.

      Putz... é muito bom quando você aparece aqui, Log. Você deve ser uma mulher incrível, também, com quem eu certamente tenho muito a aprender. Você é muito 10!

      Obrigada por essa sua análise tão pertinente!

      Um beijo, Log!

      Excluir
  22. Bom diaaaa, minha mentora querida!!
    Amém, tomara que Deus abençoe todo esse trabalho e dedicação e que nossos planos possam coincidir :))
    Pois é, nossa luta é tão silenciosa e habitual, que muitas vezes nem nós mesmas nos damos conta do quanto é dureza...
    Quando li esse post lembrei também imediatamente, além dos meus próprios "causos", daquela antigona que conheci há anos...não lembrei exatamente do que aconteceu naquela época (tava tentado aqui mas "faiou", o meu HD tá lotado com as matérias do meu edital, haha)... fato é que ela chegou chegando no metiê dos machinhos, fazendo barulho mesmo (acho que mais pelo espanto deles de ter uma mulher de chefe naquela posição do que por ela mesma, embora ela também não fosse do temperamento típico de quem passa despercebida).
    Também te falei, não sei o quão operacional ela era, mas ela tinha uma postura altiva e firme, principalmente com eles (comigo sempre foi um doce, uma simpatia só). O "reinado" durou bem pouco para os padrões masculinos, como sempre...e lembro claramente que surgiram várias teorias conspiratórias, sempre dando a entender que ela "caiu" por algum comportamento ligado ao gênero, que jamais seria questionado se fosse um homem naquela posição.
    No caso dela, foi reaproveitada na mesma área, mesmo cargo, só que em um posto diferente - não sei se melhor ou pior, mas longe daquele ambiente que trazia tanta visibilidade e "moral".
    Saiu como se tivesse se queimado, embora nada tenha sido dito sobre sua conduta profissional. Fico P*** só de lembrar.
    Homem quando sai, quase sempre é pra algo melhor, "fulano foi convidado pra assumir tal posto", "fulano vai expatriar"... não lembro de casos onde um cara tenha "caído", a menos que ele tenha sido taxado como "frouxo" (o que a meu ver é quase como se o cara se comportasse como uma mulher na visão deles, e então mereceria sair como tal...).
    E mesmo quando eles saem, a tolerância é tãaaao maior...já vi caras que não entregavam nenhum resultado, acochados e etc., durarem anos no mesmo cargo. E no caso de mulheres, não vi uma que durasse mais de 6 meses sem que correspondesse ao que era esperado - a menos que, claro, fosse casinho do chefe - outro estereótipo beeeem comum pra diminuir a nossa classe.
    E na contratação então? Cansei de ver desempate de candidatas, onde a chefia decidia pela "mais gostosa". Surreal, não? Devo falar dos assédios também?! Acho que não, deixarei pra uma próxima, tô bem brava já, hahaha. E nota 10 é vc, sua maravilhosa!!! Beijuxxxx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, minha querida!

      Eu sei bem o que você tá dizendo. E todo esse quadro confere com o que já havíamos constatado. Lembrando que estamos falando de mulheres competentes, porque tem também muita gente (homem e mulher) que não entendeu ainda o que está fazendo aqui.

      Essa aspereza no tratamento com as mulheres não vem só dos colegas não. Vem também da população.

      Lembra desse??
      http://mulhernapolicia.blogspot.com.br/2011/06/qual-e-o-musculo-mais-forte-do-corpo.html

      E esse???
      http://mulhernapolicia.blogspot.com.br/2009/12/ja-comecei-bem.html

      Por que que eu nunca vi esse tipo de pergunta sendo feita para os meninos?

      Mas é assim e eu já aprendi a lidar com isso. Mas o mais legal é quando eles precisam assumir que você é melhor que eles em alguma coisa: às vezes a gente corre mais, nada mais, atira mais, tem mais coragem... E é isso.
      ; )

      Olha só a minha cara de preocupação:

      https://mulhernapolicia.blogspot.com.br/2011/10/minha-cara-de-preocupacao.html

      kkkkkk

      Querida, é legal porque além de você ter um discernimento espetacular você consegue colocar isso tão bem no papel... ou melhor, no teclado.

      Será que deu pra perceber que gosto de conversar com você e de ouvir suas opiniões?

      Um beijuuu!

      Excluir
  23. Awwwnnn, eu que adoro + :)) #amo/soumulhernapolicia
    Recordar é viverrr!! Quando lia esses posts antigos ainda tinha vergonha de comentar, então aí vai:
    http://mulhernapolicia.blogspot.com.br/2011/06/qual-e-o-musculo-mais-forte-do-corpo.html - curto e cirúrgico...
    Não sei se hj em dia me daria ao trabalho de responder pq já fiz muito isso e ando meio sem saco pra bossais, mas ainda vibro por dentro, hahaha.
    Me fez lembrar agora de uma tripulante que entrevistei para uma posição em que a mulher é descaradamente mais discriminada que o "normal", em função dessa questão de força física, e fiz mesmo uma pergunta perspicaz para ver como ela se sairia sob pressão com os superiores a bordo caso viesse a ser contratada....ela era apenas uma menina, e me deu uma resposta limpa e brilhante sobre como substituir a força por técnica, sem se abalar minimamente com a acidez do meu tom. Me lembro até da minha sensação de surpresa contida e um sorrisinho de canto de boca do tipo: ela me ganhou.
    A empresa não queria de jeito nenhum mulheres pra essa função. Peitei, e ela ficou com a vaga. Happy ending. Se chegará a chefia algum dia?! Duvido muito disso (nunca vi uma mulher chefiando essa posição no Brasil), mas só o fato de poder ter proporcionado a ela uma oportunidade legítima de não ser discriminada logo de cara por puro preconceito do meio já considero uma enorme vitória.
    http://mulhernapolicia.blogspot.com.br/2009/12/ja-comecei-bem.html - hahaha, não me lembrava desse, acho que o antigão ficou #xatiado com a ousadia da novinha, e depois começou a pensar 2x antes de ser escroto contigo...pei!
    https://mulhernapolicia.blogspot.com.br/2011/10/minha-cara-de-preocupacao.html - senti na pele de todas as formas possíveis e imagináveis, mas vi que a discussão sobre esse post foi bem rica, então deixarei minha singela contribuição:
    https://papodehomem.com.br/cavalheirismo/
    Depois que descobri esse blog fiquei com um pouco de "vergonha alheia" de mim (será possível?! rs) e do quanto ele me fez perceber que tb sou parte do status quo. Nos primeiros parágrafos rechacei a ideia do artigo logo de cara (negação), mas a indignação foi tanta que continuei lendo (raiva)...depois os argumentos começaram indiscutivelmente a fazer sentido (diálogo/negociação) e no final estava chocada (tristeza/aceitação): eu também sou "machista"!!
    Esse texto me tocou profundamente, e não me acho capaz de abrir taaaanto a mente quanto propõe o autor, mas acho super válido pela minha autocrítica e o fato de me fazer refletir, e evoluir, e quem sabe, me tornar aos poucos uma pessoa melhor pra que com a minha singela mudança eu possa deixar uma contribuição para uma sociedade mais justa e equânime. Espero que goste e te provoque boas reflexões :) Bjuxxx
    PS: Uma curiosidade, se souber e puder responder -> Sei que já tivemos mulher (es?!) admitidas no COT (se conhecesse uma pediria até autógrafo, hahaha - será que já passaste por lá?! hummmm), mas alguma de nós já foi 01 no CFP?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, soube de um CFP onde os três primeiros lugares foram mulheres.

      Teve uma mulher no COT e ela é ótima!

      Vou ler a matéria e já volto.

      Excluir
  24. Respostas
    1. Eu já tinha lido aquele texto!
      kkkk

      Há muito tempo atrás eu acho. Que coincidência, né?

      Olha, eu acho que a intenção dele foi ótima, sem sombra de dúvida, mas não concordo com tudo o que ele disse não.

      Acho que ele faz muita confusão com os termos "cavalheirismo", "gentileza" e "cafajestagem"...
      kkkk

      Excluir
  25. Muita coincidência mesmo!! 😊 Bom, eu fiquei chocada com os termos e a linha de raciocínio, mas não defendo teses radicais em geral...aproveitei o paradigma pra ficar alerta mesmo e ir melhorando a minha própria conduta aos poucos, afinal não adianta ter discurso de igualdade e desejar a desigualdade quando ela nos seja conveniente, rs 😇. Me serviu pra dar aquela chacoalhada nos costumes e ver a questão por um prisma mais "erudito", por assim dizer... beijos e super obrigado pelo bom papo de sempre, mentora 🙏🏽💚😘

    ResponderExcluir
  26. Eu acho que o cavalheirismo em si não é o problema, o problema é a intenção do cara que quer ser cavalheiro... Quando eu saio com a minha mãe eu a trato com respeito, eu a ajudo com suas bolsas e bagagens e nada disso quer dizer que eu seja superior a ela. E eu ajudo o "bombadão" não porque eu o respeito, mas porque não custa, gente...

    Eu leio muita coisa do "Papo de Homem". Gosto desse site. Algumas postagens deles já me fizeram mudar de opinião. Ele levantou uma polêmica interessante, sem dúvida!

    O que dizer da aposentadoria da mulher policial aos 25 anos?

    O que dizer do serviço militar obrigatório apenas para homens?

    O que dizer das marcas diferentes entre sexos do TAF da PF?

    Tem muita coisa a ser discutida...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade amore, a long long way to go!! :)) Ótimo fim de semana e bom descanso pra ti, mentora querida!! :-*

      Excluir
    2. Vem cá...

      "eu fiquei chocada com os termos e a linha de raciocínio, mas não defendo teses radicais em geral..."

      Você não defende porque não concorda com nenhuma tese radical, ou você não discute porque não curte a discussão em si?

      : )

      (fiquei pensando)

      Excluir
  27. Eita que esse seu faro tá apurado hein...hehe
    Pelos dois motivos mentora, já fui muito radical e impulsiva nas minhas posições, e porque tenho buscado um caminho de aprender com os diferentes pontos de vista, na condição mais de espectadora que de argumentadora...acho que me enriqueço mais aprendendo assim, encontrei mais paz no equilíbrio que nos extremos. Como diria Saramago: "É preciso sair da ilha para ver a ilha." É um exercício bem pessoal, isso não flui com naturalidade da minha personalidade, mas achei que seria benéfico para uma versão mais madura de mim mesma. Gosto da discussão sim, mas também tenho ressalvas quanto a palavra fria na internet e de ser mal interpretada, então evito muito, mas no "ao vivo" ainda flui bem a beça, rs... Em resumo: acho que tô ficando velha.... :-/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você diz que já foi "muito radical e impulsiva"... então há esperanças para mim. hehehe

      O que me ajuda muito é o judô, sabia?

      Você tem razão quanto ao cuidado que devemos ter com esse recurso da internet. Depois que escrevemos, já foi e o texto passa a ser aquilo que interpretaram...

      Inveja dos seus amigos que participam dessas conversas que "fluem bem a beça"... ao vivo.

      : (

      Excluir
  28. Ownnn, mas um dia vamos filosofar a beça juntas, eu sinto que sim...vai ser meio injusto pelo fato de vc saber quem eu sou e eu não, mas tá valendo mesmo assim, S2 :)) Pelos seus textos e nas resenhas com seus leitores não me parece em nada radical, muito pelo contrário, sempre muito ponderada e sensata!! Mas de verdade, esse exercício de ser comedida realmente é um desafio pra mim, pode acreditar! Tem seu lado bom sim, admito, afinal nesse jogo da vida temos que passar de fase, acho eu...então vou persistindo até internalizar e sair sem esforço, hehe
    Eu fiz judô quando era muito pirralha (então nem conta, hahaha), mas se pudesse financeiramente agora, estaria fazendo novamente com toda certeza. A academia ajuda um pouco a descarregar as tensões desse dia-a-dia bandido de concursos, mas musculação, por mais que eu treine sério, não dá a mesma onda mental que um esporte. Mas é o que eu tenho para o momento, então vou caminhando como posso...a ioga me ajuda muito, tem um canal no YT de uma professora maravilhosa que faz um trabalho lindo e gratuito, então equilibro a mente com a ioga. Pra vc ter ideia, uma vez me sugeriram fazer ioga pra "ficar mais calma" - com um jeitinho beeem irônico e pejorativo do interlocutor - e eu fiquei revoltada com a sugestão. Hoje se ouvisse uma dessas manteria o carão, morrendo por dentro - é verdade, mas tiraria proveito da ironia pra ver até que ponto ela me beneficiaria ou não. E voilá, anos depois cá estou eu fazendo ioga e achando a prática in-crí-vel!! Ou seja, hj em dia tento ao máximo não deixar a negatividade alheia me atingir, e tiro proveito do que é bom pra mim apenas (acho que a sra. também já escreveu isso por aqui algumas vezes, né?!). Juro que não é fácil pra mim, mas já evolui bastante treinando a consciência mental. Quando a barra pesa muito também medito. O ideal pra ter resultados melhores seria praticar diariamente, mas ainda não cheguei nesse nirvana, e tento me dedicar ao máximo aos treinos do TAF e aos estudos. Então vou fazendo o melhor que posso, me orgulhando cada dia das minhas pequenas vitórias e superação. Será que vc vai gostar da minha amizade ao vivo?! Tomaaaara que sim, amém!! Bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é uma monja! kkkkk

      Eu não consigo fazer ioga. Meditação ainda vai... mas bem rapidinho... e bem objetivamente. Sou assim, amiga. 220V.

      Eu gosto da filosofia do judô. Usar a força do inimigo a seu favor. É como um galho que vai ficando pesado pelo peso da neve. Se ele se enrijecer, vai acabar se quebrando, mas se ele ceder ao peso da neve a neve passa direto e o galho retorna à sua posição inicial.

      Eu encaro minhas posturas radicais como firmeza de caráter, outras vezes percebo que fui teimosa mesmo, confesso... Mas já me chamaram de "xiita", inclusive. kkkk

      : )

      "nirvana" kkkk - morri de rir!

      Eu sou muito tímida "ao vivo", acredita? Sério! Tímida de ficar vermelha. De olhar pra baixo. Sou dessas. Depois... (bem depois) eu vou me soltando.
      : D

      Excluir
  29. kkkk, eu dizia o mesmo e a plenos pulmões, lindona! "Eu não consigo fazer ioga. Meditação é coisa de maluco. Se eu fizer ficarei mais estressada ainda! Pura perda de tempo! Tenho mais o que fazer da vida, bla bla bla" rsrs - O segredo é achar o estilo ideal e o professor ideal pra vc e pro seu temperamento, pode acreditar! Se quiser tentar assistir um dia, quem sabe, o canal do YT que falei é esse aqui: https://www.youtube.com/channel/UCehH0gfC-ivKz_htoMHxHtA . Vc não sabe da missa o terço, como diria minha vovó, hahaha Eu era terrível. Agora sou semi-terrível, acho eu....rs Precisei apanhar muito da vida pra tomar a coragem de evoluir. Mudar dói a beça. E por também acreditar que a minha firmeza fazia parte do meu caráter, da minha personalidade, de quem eu era/sou/serei, não admitia nem avaliar essa ideia. "No way in hell", eu pensava comigo mesma diante da assustadora possibilidade de estar errada diante de algumas críticas antes consideradas absurdas, hoje aceitas como pertinentes. Mas ninguém bate tão forte quanto essa danada dessa vida, e eu admito que fui muito resistente, estilo oss. Até que um belo dia, quebrei. Na sua metáfora, eu fui o galho - rígido, firme, sem admitir (leia-se enxergar) minhas próprias fraquezas :( Agora eu tô fazendo vibes bambu e tô curtindo, mas eventualmente rolam recaídas pq né, ainda não atingi o bendito nirvana, hahaha. Acho que somos muito parecidas mesmo, mas no meu caso tem o agravante de que eu jamais dava meu bracito a torcer. Uma fortaleza por fora, e uma alma sangrando. Fiz terapia uns anos, isso me ajudou muito a passar de fase, confesso. Eu não sou tímida não (leia-se, nem um pouco), mas com os anos e muitos percalços me tornei bastante reservada. Socialmente pode até não parecer, mas um olhar mais atento e cuidadoso percebe fácil a superficialidade dessa desenvoltura. A menos que a energia seja boa e a pessoa já me ganhe de cara, sou cautelosa em deixar forasteiros adentrarem o meu infinito particular, na intimidade e profundidade que só reservo aos Amigos (assim mesmo com A maiúsculo, poucos e bons). Resquícios da alma sangrante, talvez.... As cicatrizes ainda doem. :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas você consegue ficar sem pensar em nada durante a meditação ou você tem que pensar em algo específico?

      Hummm... acho que tem vários tipos de meditação então, né?

      O que é "estilo oss"?

      "Vibes bambu"... você está falando ioguês, amiga? kkkk

      "somos muito parecidas mesmo," é... em muita coisa! Exceto no(a) ioga... (eu disse que sou teimosa...).

      "Uma fortaleza por fora, e uma alma sangrando." - Nossa... isso doeu aqui. Deu uma vontade de te emprestar uns band aids, amiga.

      Realmente, não parece. Você passa a impressão de estar sempre 12/8 (pressão controlada).

      Você fez terapia de verdade? Tá aí outra coisa que não funciona comigo... Triste.
      : (

      Nossa, Log. É bom demais você conversar tudo isso comigo. Obrigada, mesmo.

      Você ainda sofre quando fala das cicatrizes?








      Excluir
  30. PS: Vc sabia que os Sunitas são mais radicais que os Xiitas?! :0
    Eu também não sabia, aprendi estudando Atualidades, kkkkk
    Da próxima vez que alguém tiver essa ousadia, já tem um excelente contra-argumento pro/a interlocutor/a sabichão/ona, kkkk....Olha aí meu antigo eu se manifestando sorrateiramente nessa noite de sexta-feira....hehehehe :))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkk

      Ótimo, saber.

      Você é uma figura, Log!

      : *

      Excluir
  31. hahahaha, paguei de louca das metáforas agora, sorry!! Vamos lá:

    Sim, tem várias formas de meditação. A que mais me identifiquei é a livre (não sei ainda todos os nomes técnicos, muita coisa pra estudar, hahaha), onde você apenas observa seus pensamentos, sem julgamentos de valor, um processo mais passivo. Quando tô mais sem paciência, também faço uma com mantra simples chamada Ho'oponopono, repetindo mentalmente: "Sinto Muito. Me Perdoe. Eu te Amo. Sou Grata". (achei uma explicação breve aqui: https://www.terra.com.br/vida-e-estilo/horoscopo/esoterico/aprenda-a-oracao-que-apaga-as-mas-recordacoes-da-vida,10d24ae7bae27310VgnCLD100000bbcceb0aRCRD.html)

    O que é "estilo oss"? É aquele cumprimento que a galera do jiu-jitsu sempre usa, que em tese significa perseverança sob pressão. Aqui também uma descrição legal: http://tatameonline.com/o-que-significa-oss-no-jiu-jitsu/

    "Vibes bambu"... você está falando ioguês, amiga? kkkk - (rindo alto!) É que o bambu enverga mas não quebra, amiga. Deixei de ser galho e tô tentando arduamente me tornar bambu, hahahahaha

    "somos muito parecidas mesmo," é... em muita coisa! Exceto no(a) ioga... (eu disse que sou teimosa...).
    óquei! kkk Levei quase 10 anos pra mudar de ideia, então você ainda tem bastante tempo pela frente, no worries! hihihi

    "Uma fortaleza por fora, e uma alma sangrando." - Nossa... isso doeu aqui. Deu uma vontade de te emprestar uns band aids, amiga.
    E tem band-aid pra emocionais despedaçados agora, é?! Me fala que vou na fábrica comprar logo de atacado, tô precisanuuuu!!

    Realmente, não parece. Você passa a impressão de estar sempre 12/8 (pressão controlada).
    Na verdade, a minha pressão é sempre 9/6! Mas toda panela de pressão precisa ferver antes de apitar, e nunca avisa quando vai estourar, né não? Eu era uma força da natureza. Hj sou um fenômeno mais controlado, tipo ondas de calor tropicais (se isso não existe, acabei de inventar - rs)

    Você fez terapia de verdade? Tá aí outra coisa que não funciona comigo... Triste.
    : (
    Fiz sim, verdade verdadeira. Só parei pq decidi virar concursanda, e isso implica em muitas escolhas e decisões financeiras difíceis. Pretendo voltar assim que puder. E isso eu também dizia muito, e ainda dizia coisas bem piores. Até o dia que se tornou minha última alternativa...a vida é phoda, tem sinuca de bico que te leva aonde você tenha que estar. Acredito no livre-arbitrio, mas também acredito nas consequências das nossas escolhas (ou da falta delas). E na hora que eu precisei, Deus, o universo, ou qualquer força maior, me colocou no lugar certo, na hora certa, com a pessoa certa pra guiar esse processo. É a mesma coisa com a ioga, você precisa achar o terapeuta ideal pra você, a linha terapeutica mais adequada (também são várias), mas antes de tudo, precisa aceitar, querer e se entregar minimamente ao processo que seja. Se acredita que não funciona pra você, então não funcionará. Palavras de quem tinha as mesmas crenças (ou piores até)! Tem uma frase que ela me disse algumas vezes, em algumas situações: Não se pode ajudar quem não quer ser ajudado. Não entendia o que ela queria dizer (ainda não tinha saído da ilha), hoje tudo é mais claro, quase evidente. Pra que eu mudasse, eu precisava querer e acreditar nessa possibilidade. E antes desse e outros insights começarem a fazer algum sentido pra mim, ela penou bastante comigo também, coitada! hahaha

    Nossa, Log. É bom demais você conversar tudo isso comigo. Obrigada, mesmo.
    Eu é que sou grata, sua linda!. :))

    Você ainda sofre quando fala das cicatrizes?
    Muito, muito, muito.... Menos do que ontem, mais do que amanhã. Um dia de cada vez, e lá se vão 4 anos. Respondendo a pergunta que você não fez, desse jeito, só que muito pior: https://mulhernapolicia.blogspot.com.br/search?q=cot
    O maior de todos os meus desafios até aqui nessa vida, sem dúvida. Mas não cheguei até aqui pra desistir...OSS! :-)

    ResponderExcluir
  32. Desculpa, amiga... eu achei que voltaria pra responder, mas não me deixaram voltar. Aí eu acabei dormindo.

    E eu paguei de sonsa, né? E qual a novidade, Brasil... kkkkk

    A meditação que eu gosto de fazer é conversando com Deus. Falando com ele sobre as minhas coisas e sobre o quando eu gosto de estar "mais" perto dele. Porque nessas horas eu sinto que Deus está bem perto. Não, flor... não ouço vozes ~ainda~ não...
    kkkk
    Mas eu leio trechos bíblicos e fico tentando me aprofundar nas palavras ali escritas, pra ler nas entrelinhas de como aquilo se aplica nas minhas questõezinhas. É legal!

    Bom, eu acho que é um tipo de meditação, né?

    "oss" imaginei que pudesse ser isso, mas eu só entendia "oss" como um cumprimento do karatê. Fiz um pouquinho nos primórdios da minha carreira. Não sabia do significado. Obrigada pela paciência amiga, linda!

    "Vibe bambu" eu achei que tivesse alguma ligação com a esteira que alguns usam pra meditar sobre.
    kkkk
    Por isso falei ioguês...

    Péra ai que já volto.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oss, reverencial pra você também, querida.

      "desse jeito, só que muito pior: https://mulhernapolicia.blogspot.com.br/search?q=cot"

      Puxa vida! Essa linguagem eu entendo bem. Se eu estivesse aí o primeiro band aid que eu te ofereceria seria um abraço bem longo de uma amiga que quer te ajudar a levar esse "fardo"... Porque nesse episódio que não gosto nem de lembrar... era isso o que eu precisava de imediato. E colo! Eu só queria chorar com alguém que estivesse de verdade do meu lado. Não queria que ninguém encostasse no meu machucado, porque isso faria doer mais e de uma forma que não tem como explicar.
      : (

      Sinta-se abraçada fortemente, meu anjinho. Apesar dos 4 anos já passados, acredite que essa dor vai passar. A minha passou. Hoje é só uma cicatriz horrorosa pra me lembrar que não sou uma mulher de titânio, não somos à prova de balas, não é?

      Mas eu sinto bem fortemente que você está no caminho certo, minha flor. Porque se foi isso, ou se foi em parte, por isso que hoje você é essa pessoa tão linda e especial, é sinal de que você está utilizando corretamente essas pedras que atiraram em você. Pelo menos o castelo que vejo daqui é muito lindo.

      Eu tô sempre aqui, amiga. Sempre que quiser um ombro pra desabafar, um colinho pra se aninhar, um banquinho de corner de ring pra dar uma respirada e se recompor para o próximo round.

      Para o que você precisar. Pode falar o que quiser, e se não quiser deixar público é só pedir pra eu não publicar. Já tenho alguma experiência nessa prática e nunca desapontei meus leitores quando o assunto é discrição.

      Eu SEMPRE fico feliz e honrada quando você vem conversar comigo. Então não precisa se preocupar com absolutamente nada.

      E se nada disso for suficiente, tudo bem, eu vou entender perfeitamente e vamos fazer do seu jeito, no seu tempo, da forma como você achar melhor.

      A única coisa importante pra mim é te deixar bem à vontade pra fazer uso da minha amizade, que apesar da distância é ilimitada.

      A gente vai se encontrar de qualquer jeito mesmo, mais cedo ou mais tarde... kkkk

      Mesmo que você não saiba que eu sou eu...
      ; )

      Um beijo graaaaaaaaaaaaannnnnnde no seu coração.

      Excluir
  33. Oie, mentora! Booooa noite, saudações, salve, salve!! Mil desculpas pelo chá de sumiço, mas errei rude e esqueci de pagar a NET. Restabeleceram ontem e eu nem sei como sobrevivi sem seu blog e o QC esses dias. Mas cá estou novamente online, amém!! 🙌🏾
    Juro que não sabia que a sra. comia "sonsitos", kkk - então paguei de inocente and a louca das metáforas 🤣 Tudo bem....tô de 👀 em vc agora, mocinha. rsrs
    Verdade, como pude deixar de citar a melhor de todas as meditações ever?! Estar em contato com Ele é sempre o caminho mais próximo e verdadeiro para o seu próprio eu. Não há nada mais yogi que isso. 🙏🏾
    hahaha, quanto as suas vozes, eu não acredito que seu ego seja mudo. Abre o jogo, mentorinha!! 🤐 😇
    Rindo alto sobre a sua interpretação de vibes bambu, muito boa e pertinente!! Mas ainda não tenho um mat para praticar, eh meio carinho aqui no nosso Braseeelll, então virou mais um item pra minha wishlist de pós-nomeada 🎁
    Eu fiquei muito emocionada com suas palavras. Esse link sobre as suas cicatrizes me tocou tão profundamente que por mais que eu tenha muito interesse sobre os seus textos policiais, foi esse testemunho pessoal que me tornou assídua por aqui, mesmo que antes eu não me manifestasse. Saber que apesar de triste coincidência, existe alguém no mundo que entende e conseguiu expressar ainda que em parte um pouco da minha dor foi muito especial e reconfortante, como uma verdadeira conversa com Deus. Eu te amo, me perdoe, sinto muito, sou grata! O Deus que habita no meu coração, saúda o Deus que habita no seu coração. Namastê, amiga. É uma honra e uma grande felicidade poder te chamar assim. 🙏🏾😘

    ResponderExcluir
  34. Oi, queridaaaaa!!!

    Céus... o que seria "QC", "sonsitos", "yogi". kkkk

    Matt é a esteirazinha... né?
    kkkkk

    Eu gosto de pensar que quando as pessoas ficam algum tempo sem vir é porque estão estudando pesado... espero que, sem net, você tenha estudado mooooito!

    Mas que bom que voltou, querida.

    É muito bom saber que algo que escrevi tenha tocado você de alguma forma. Faz valer a pena escrever. Dá um sentido maior ao blog.

    Aposto que vou pensar bastante nisso quando estiver escrevendo o próximo post.
    : )

    Que Deus te abençoe, querida, e te dê paz.



    ResponderExcluir
  35. hahahahahahahaha 🤣 🤣 🤣
    QC - QConcursos (site de questoes -coisas de concurseiros 🤓)
    "Sonsitos" é o biscoito que as pessoas "sonsas" comem - os engraçadinhos comem "Palhacitos", os sem-graça comem "Semgracitos", e por aí vai (coisas que aprendo com um amigo gay, hahahahaha)
    Yogi (ou yogini - no feminino) é o praticante de Yoga 🙏🏾 Mat é a esteira, bingoooo!! 😇
    Eu estudo muito via QC e faço meus controle todos online, então me atrapalhou bastante, mas dei meu jeito com as apostilas mesmo e sobrevivi. Dei mole, fico imersa em estudos e estou bastante relapsa com as burocracias diversas do dia-a-dia.
    Já te disse e nunca será demais repetir: vc escreve maravilhosamente bem, seus textos me encantam. A novidade é que na verdade os seus textos pessoais me encantam e interessam muito mais que os da polícia, até porque quando você fala como policial é sob anonimato, e quando fala de si mesma, não. Ainda que não assine, vc traz nas suas palavras uma verdade e autenticidade visceral, e eu admiro muito esses predicados, tão em falta no mundo de hj em dia. A sua farda é muito bonita, mas a sua alma é um diamante raro. Sorte a nossa ter você por aqui!! 😍😘

    ResponderExcluir
  36. QC - o "Questões de Concurso"... kkkk - tão óbvio!!!

    "Sonsitos" - Quanta criatividade! kkkkk

    Yogi... Parece Yoda... kkkkk.

    Monta uns planos de emergência aí, amiga. Assim, se acontecer de novo. Vc já tem o que fazer. Mas de todo jeito foi o que você fez, né amigo. Tá certo!

    "maravilhosamente bem" - exageraaaaaaada!
    : )

    Mas agradeço o incentivo da sua bondade. Você é muito fofa. E delicada! Sua linda.

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  37. kkkk, figura!
    Ainda viverei pra ver você escrevendo um post sobre como a Yoga mudou sua vida, kkkk ☮️ 💟 ☯️ 🕉
    Minha yogini-to-be preferida!! Namastê 🙏🏾😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, eu vou é levar todos os yodas pra saltar de para-quedas!
      kkkk

      Bora?!

      Excluir
    2. Bora, tamo juntas!!! O meu lado radical e o zen estão em perfeita harmonia, 😆
      Engraçado que quando vejo as fotos do meu vôo (asa delta) penso: onde eu estava com a minha cabeça?! 😱
      Para logo em seguida concluir: eu PRECISO daquela adrenalina pra me sentir viva again.
      E assim vamos aprontando as peripécias nessa vida.... o bom é que eu acredito que ninguém morre de véspera, e que meu anjo da guarda é digno de promoção por bravura, hehehe
      😘 😘

      Excluir
    3. Você foi saltar de Asa Delta???

      Tipo da Pedra da Gávea???

      8 O

      No waaaaayyyyy!

      Be serious!

      : )

      Excluir
    4. Yeah, baby!! Adrenalina mode on, visu incrivel, ventos favoráveis e 15 min nos ares... incrível, recomendo muito!! Tá convidada!! Missão dada é missão cumprida, right?! 💀😎🤙🏽

      Excluir
    5. Nooooooooosssaaaa!

      Vai ser de Operações Especiais.
      Você vai curtir muito a polícia, amiga.

      Você tem sangue nos zoy.
      kkk

      Que bom saber que não sou a única maluca que gosta dessas fortes emoções.
      : )

      Hoje é dia de folga do papiro?

      Excluir
    6. Amém!! 🙏🏽 Mal posso esperar para transformar esse sonho em realidade 💚 🍀 💀 ⚓️ 🚤 Não tenho folga fixa, deixo pra dar pausas quando a mente cansa ou quando acontece algum imprevisto, então domingo aqui tb eh dia 📝 🤓 😘

      Excluir
    7. Sim, querida, essa pausa para descanso é muito importante. Relaxar.

      : )

      Espero que tenha tido um ótimo domingo e que esteja animada para uma nova semana.
      : )

      Excluir
  38. Percebi que a gente pode dançar sim, por pura competência.
    Me explico: várias vezes fui preterido em empregos mais humildes por apresentar um curriculum 'abastado'. Estudei em boas escolas, tenho vários cursos técnicos (completados ou não), converso bem, percebo as coisas... E o que acontece? Sou educadamente dispensado.
    Então, ela pode sim ter caído por 'vaidade'; entre aspas, pois na verdade o pecado dela foi ter plena consciência de sua própria capacidade e deixar claro isso para a platéia. Claro demais...
    Como vc disse, citando aquele escritor, silêncio é sabedoria, no sentido de sabermos também 'ouvir', recuar em certas ocasiões deixando que outros pensem que têm em suas mãos o comando e a sensação de que estão corretos. Acho que é por aí, vc não acha?
    Essa percepção é algo que o Papai do Céu te deu...
    Sem dúvida, nessas alturas dos acontecimentos, Beatrix já sacou essa parada.

    Um beijo, minha Simone de Beauvoir!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, também já fui reprovada em entrevista... segundo a psicóloga foi por esse motivo.

      Eu acho que foi por isso mesmo, Sylvão. É loucura, mas é...

      Espero que ela tenha encontrado alguma função na polícia mais coerente com sua capacidade.

      : )

      Você tem umas sacadas bacanas. Gostei, Sylvão.

      Excluir
  39. Esqueci-me de lhe dizer: tem uma série que comecei a assistir que, tenho a impressão, irá cativá-la; se chama Fargo.
    Experimente.

    ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem um filme também, né?

      É a mesma história com atores diferentes?

      Excluir
    2. Assisti o filme faz um tempinho, não me lembro dos atores. Nesta série, o que posso lhe dizer, é que os atores são demais!!!! Todos!! a violência existe, mas vem junto com uma dose extremamente saudável de humor, que aliás permeia a série toda, o que me cativou muito (adoro o humor, as bos sacadas de roteiro). Os personagens são bem desenvolvidos e humanos em suas ações e reações, o roteiro é criativo, fluido...
      Quando vi que a polícia tem um papel destacado na trama, na hora eu pensei em você!! Pode assistir de boas, vc vai gostar.
      Tenho outros filmes que irei lhe indicar, visse? aliás, já que estou aqui, vou te indicar um que é curto, foi feito para divulgar um jogo de ação, ele está aqui:
      https://www.youtube.com/watch?v=lIKKdxxx1f4

      Abraço carinhoso.

      Excluir
    3. Pode indicar que vou ver. Pode indicar livros também.

      Eu vi "Mulher Maravilha"... kkkkk

      Não é muito bom, não... Só assisti pra saber como ela iria usar aquela cordinha.
      : (

      Excluir
    4. Ok. Para vc babar:

      INIMIGO DO ESTADO - http://www.adorocinema.com/filmes/filme-16026/

      NUMBERS - CÓDIGOS DE DEFESA
      http://www.adorocinema.com/filmes/filme-180586/

      OS HOMENS QUE NÃO AMAVAM AS MULHERES
      http://www.adorocinema.com/filmes/filme-140296/

      Para baixar, coisa que faço à anos, a gente põe o nome do filme no google - 'baixar (nome do filme) torrent e/ou mega, legendado. Através de torrent é mais fácil, é só baixar o bit-torrent ou u-torrent, programas de compartilhamentos.

      Aconselho-a a ver primeiro o segundo que coloquei, depois o primeiro, depois o terceiro.

      Beijo.

      Tente baixá-los ou pegar na locadora, vc vai gostar.

      Excluir
    5. O filme OS HOMENS... foi retirado de uma série de três livros, Millennium, escritos por Stieg Larsson, já falecido. Fizeram um sucesso da gota! Estou lendo o último.

      Excluir
    6. coloque cada título no Google, separe com um traço e escreva, - crítica.
      Aparecerá um monte de blogs e sites que se dedicam a críticas de filmes. Gosto das críticas do:
      www.planocritico.com/critica
      www.cineplayers.com/critica/
      Entre outros...
      No caso deste filme em particular, os americanos fizeram uma versão que eu não gostei. Normalmente os filmes feitos em seus países originais são melhores, como NIKITA (http://www.planocritico.com/critica-nikita-criada-para-matar/), por exemplo que é uma produção entre França/Itália, dirigida por LUC BESSON (esse cara é demais!!), e que foi refilmada pelos americanos (inferior).

      Mas aí vc quer assistir à um filme muito louco, permeado pelo incrível humor inglês..., aí então eu recomendo SNATCH - PORCOS E DIAMANTES (http://www.adorocinema.com/filmes/filme-26251/), e Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes (http://www.adorocinema.com/filmes/filme-19298/), dirigidos por Guy Ritchie, ex marido da Madonna, e um diretor de mão cheia!!!!!!

      Com esses filmes no colo vc irá passar bons momentos.
      E sempre se que se lembrar do tio o fará com saudades e sincera nostalgia. Rêrêrê!!!

      Besitos per te, vários!

      Excluir
    7. Eu tenho o livro "Os Homens que Não Amavam as Mulheres"... Não sei qual dos três.
      : )

      Inimigo do Estado eu já vi. Muito bom, mesmo!

      E Numbers... esse parece ser demais!
      8 O

      kkk

      Vou ver!

      Excluir
    8. Eita!!!

      Indicação de bons filmes já temos. Agora só falta a pipoca.
      : )

      Talvez não consiga ver todos esses filmes antes das férias... kkk

      Mas tá anotadinho aqui.

      E você não tem um blog sobre críticas de filmes porque?
      #ficaadica

      : )

      Excluir
    9. Não tenho pois o conhecimento necessário para criticar um filme tem que ser específico, normalmente esse pessoal são formados em cinema ou jornalismo, é um pessoal fera. Isso não quer dizer que eu possa lhe passar um texto sobre determinado filme; mas para que né?, tem tanta gente fazendo isso tão bem!

      Sobre Numbers, algo muito interessante, que é o que serve de pano de fundo para o filme, veja aqui:
      http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2014/12/141216_estacoes_radio_numeros_osd_cc

      Excluir
    10. Caramba! Nunca tinha ouvido falar nisso.

      Muito interessante, mesmo.

      Excluir
  40. Será ela a que "dança com lobos"!?

    Sorriso....

    Se não é, com certeza é da mesma linhagem.

    Spartanski

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim... tudo mulher da mesma raça: "competentias competentus".

      kkkkk

      Excluir
    2. Estou mesmo vendo!

      Risos risos

      Spartanski

      Excluir
    3. /Ops!Tinha esquecido de especificar/

      *ela - Kiddo.

      Spartanski

      Excluir
    4. "Sim... tudo mulher da mesma raça: "competentias competentus"."

      ...Mas isso é bom. Muito bom.

      Spartanski

      Excluir
    5. Entendi que você estava falando da Kiddo. De mim é que não era...
      kkkkkkkk

      Mas tenho medo dessa matança generalizada. Acho que essa espécie está em extinção.

      : (

      Excluir
    6. Imagina. Até parece que não é um tanto quanto óbvio que você seja uma dessa espécie, Sra policial.

      Sorriso

      /Mas só agora que notei: Frisei a Kiddo porque pensei que tinha confundido o nome dela com o de uma outra personagem./

      ;)

      Spartanski

      Excluir
    7. São seus olhos...
      : )

      Cercei? Paulina? Ou seria a Cigana?

      Excluir
    8. Cercei.

      /mas foi/ Só uma troca rápida de nomes mesmo. Ao que se nota, as duas são bem diferentes.

      Spartanski

      Excluir
    9. São.

      Nem se compara.

      : (

      Azar o meu que não entrei aqui na época da Kiddo...
      : (

      Excluir
  41. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Confissões