sábado, 30 de julho de 2011

Orgulho e preconceito.


Já teve a sensação de que tinha alguém te seguindo? No meu caso, tinha mesmo. Ainda na fase do concurso, eles foram ao meu trabalho anterior e entrevistaram meu chefe sem explicar o motivo de tantas perguntas. Esse meu chefe antigo disse que respondeu tudo bonitinho, mas sem entender nada. As vizinhas da mamãe também contaram pra ela sobre umas perguntas que eles fizeram. E isso é tudo o que sei sob a investigação social feita a meu respeito. Mas imagino que jogaram meu nome em todos os sistemas de informação possíveis e foram aos lugares básicos e óbvios para se fazer algum levantamento sobre a vida de uma pessoa. E como não encontraram nada negativo, se deram por satisfeitos. Minha mãe ainda conta essa história com muito orgulho.

Não vou negar que foi meio constrangedor à época em que soube dessas visitas. Ninguém se sente à vontade com o Estado revirando sua vida particular, mas faz parte do concurso policial, então muita calma nessa hora. Inclusive defendo a investigação social com unhas vermelhas e dentes cerrados. É que para entender a polícia você precisa perceber que nada aqui é assim, tão cartesianamente simples. Há quem jure que o crime organizado tem seus tentáculos em lugares que a gente nem imagina. Portanto, a contra-inteligência da polícia trabalha para mim. Só acho que deveriam fazer o mesmo no Congresso, por exemplo.

Por outro lado, há também muita lenda sobre o tema. É claro que não vão derrubar um candidato por conta de um cheque que voltou... Não obstante, observe que, num planeta muito distante, um agente que passou no concurso para o cargo de delegado teve uma triste surpresa ao constatar que a seu lado havia um outro aluno, ex-presidiário condenado por tráfico de drogas, sub júdice, que havia sido preso por ele mesmo (o aluno conseguira se matricular na academia graças a uma decisão judicial liminar).  Gozado, não é? Eu não acho. Sei lá como terminou essa história, mas sei que se o ex-bandido entrou em exercício, é um delegado que dispensa informantes.

Já este outro caso, parece coisa do FBI ou da Gestapo... mas não, é uma outra lenda da famosa polícia de Marte. Um já aluno da academia que se chamava mais ou menos Mohamed Ali, ou Mohamed Laden, uma coisa assim, chamou a atenção por ser um estrangeiro naturalizado marciano. Como a lei daquele planeta não preconizava que o candidato deveria ser marciano nato para ser policial, não havia motivo legal para desligá-lo do certame. Contudo, é claro que deram um pente fino no rapaz e vendo que ele não tinha piolho e nem uma lendeazinha sequer, este ser de outro planeta presta serviço até hoje num setor onde ele é especialista nato.


196 comentários:

  1. amiga, eu nao tenho culpa!!!

    cadê o Tutu?

    ResponderExcluir
  2. Fantástico o "unhas vermelhas e dentes cerrados", tudo de bom, suuuper feminino!!!!

    A pessoa que anda na linha não tem com o que se preocupar com essa etapa do certame

    Temos que ser nós mesmo em qualquer situação, dentro ou fora da polícia, agir naturalmente

    ResponderExcluir
  3. Oi menina! Tudo bem? Dei uma sumida, mas estou por aqui novamente... Mulher, você ingressou na polícia em 2009? Qual material você utilizou em seus estudos? Estudou aficamente por quanto tempo mais ou menos? Fez muitos concursos até passar?

    ResponderExcluir
  4. certa vez li um jornal desse planeta distante, nele era narrado que o tal delegado, em que pese ter sido condenado pelo tráfico, teria sido definitivamente empossado, após o cumprimento da pena e da reabilitação. é direito do cara e faz parte da ressocialização, né não?!
    lembro, também, que o tal delegado havia afirmado que decidiu ser pf pq ficou maravilhado com a atuação da polícia que o prendeu! é, também é direito do cara, né não?!
    valeu pelo post. forte abraço.
    p.s.: avisou a regina?!? :D

    ResponderExcluir
  5. ah, se neguim for atrás dos meus cheques que voltaram, por favor, paga logo que depois eu acerto!!
    partiu...

    ResponderExcluir
  6. Madrinha,
    enquanto lia outra vez o post, fiquei imaginando os homens de preto realizando a investigação social da minha vida. Sabe quando parece que ta passando um filme na tua cabeça? Você falou da sua mãe e eu imaginei a cara da minha, pensei tb em que lugares eles poderiam ir..
    sao por essas e outras que eu amo esse cantinho, pq o sonho e a vontade de entrar para a policia é sempre alimentado aqui
    obrigada por tudo
    bjo

    ResponderExcluir
  7. Haja bisbilhotice na vida alheia... rssssssssss. Ossos do ofício. Bjos.

    ResponderExcluir
  8. Lázaro - Interessante o texto querida. Isso me fez lembrar um concurso que eu passei na area policial para exercer o cargo de auxiliar administrativo no periodo de 1 ano. Tive que responder um questionário enorme, inclusive fazendo perguntas como se eu já tinha usado drogas, dizer quais foram, o que eu fazia no fim de semana, a quantidade de pessoas que moravam em casa... Na verdade eles consultam o nome no SPC/SERASA, e até vão no colégio saber se a pessoa se formou realmente lá, sem contar sobre a consulta aos boletins de ocorrência registrados.

    O que achei engraçado foi ter que desenhar o local onde moro, exibindo assim meus dotes nada aflorados de desenhista. Num determinado dia eu cheguei a ver os agentes estacionando a viatura na frente da minha casa sem motivo algum. Interpretei que se tratava da investigação social, mas nao fiquei com medo, afinal sou bom menino e respeito muito a vizinhança e a policia!

    Sinceramente minha querida não creio que aquele questionário leve a algum lugar, pois eu posso indicar pessoas de minha confiança, e mentir sobre o uso de drogas por exemplo. Um caso interessante la no escritorio, foi quando os agentes perguntaram sobre o cliente para seu vizinho INIMIGO...ai o vizinho falou mal e o cliente foi reprovado.Tivemos que entrar com mandado de segurança contestando a subjetividade da investigação social.

    Gosto muito do seu site e de vc também, independente de como seja! Como disse a REGINA seu blog é mesmo viciante e apaixonante. Mil bjos pra ti querida

    =)

    ResponderExcluir
  9. achou que foi o primeiro, tut?

    rsrs

    ResponderExcluir
  10. acho duro um cara ser reprovado por causa de um único vizinho inimigo. Ou essa investigação foi muito da mal feita ou o cara tinha outras cositas más.

    Será que não Senhor Lázaro?

    ResponderExcluir
  11. Paloma :
    Hei, Novinha !

    "A pessoa que anda na linha não tem com o que se preocupar com essa etapa" , faço das palavras da Regina as minhas.

    Será que tem gente que é barrada quando os homens sacodem a peneira ? '-'

    ResponderExcluir
  12. Isso não é impedimento para depois que a pessoa tomar posse se desviar do caminho. Mas uma coisa é muito boa, eu acho: quem vai trabalhar com a segurança municipal, estadual, federal e sideral, não pode ter rabo preso com nada (exceto no caso de coisas que digam respeito estritamente à vida particular).
    Meu irmão (que perdi no mes passado), quando passou num concurso de banco, foi barrado por causa de cheques. Também teve que ser nomeado através de liminar, quase precisou de habeas corpus. rsrs.
    Abração, Novinha. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  13. marapá, desisto pra esse alarme!!!
    kkk

    ResponderExcluir
  14. Isso é sempre muito intrigante né! Gente investigando você....Acredito que minha reputação seja ilibada o suficiente para entrar na PF ou qualquer outra policia desse mundo.

    Mas devo dizer que fico feliz por não querer fazer concurso pro banco do brasil. Acho que o meu banco já não pode dizer o mesmo...rsrsrsrs Ó vida!

    ResponderExcluir
  15. ocê tá tirano onda comigo, né, regina!!??
    deixa quieto!!!
    :/

    ResponderExcluir
  16. Tut,
    vc me chega 4H atrasado e ainda quer sentar na janela?!?!?
    Assim não dà, não tem como admitir
    rsrs

    ResponderExcluir
  17. Lázaro - Minha querida Regina, a manifestação do vizinho inimigo é natural, sempre existem pessoas que não gostam das outras. O fato de eu ter inimizade com todas as pessoas não significa que eu seja MAU.

    Alem disso, a investigação social tem carater eliminatorio então qualquer coisinha contra o candidato é motivo de reprovação. Teve outro caso la no escritorio, do PM que passou pra agente da civil, mas tinha matado um criminoso em serviço, alegando legitima defesa. Entramos com mandado de segurança pois ele foi reprovado por isso.

    Eu posso ter reputação ilibada antes de entrar na polícia, e depois com o poder e autoridade me tornar um monstro!

    Como explicar hoje em dia, tantos policiais envolvidos com bandidos? De que adiantou a investigação social? Será os baixos salários e a desvalorização do Governo que o levaram a essa conduta criminosa? Cabe importante reflexão.

    ResponderExcluir
  18. mas, agora pronto mesmo!! vc tá cada vez mais abusadinha!! oq são 4 horas?!?! nada!! nada!!
    como diria o cap. nascimento: quem manda nessa p* é.. é vc, tá, é vc!! não tem jeito mês!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  19. o "grande irmão" sempre a nos olhar! medo! rs

    ResponderExcluir
  20. Seu blog é padrão,sempre acompanho quando tenho tempo.
    Investigação social e exame toxicológico são fundamentais.
    .
    #Sangue Azul#

    ResponderExcluir
  21. Lazaro,
    penso que a I.S. seja para punir atitudes nao aceitàveis para um futuro policial.
    Agora, achar que ela irà prever q o sujeito não vai cometer ilìcito futuramente é humanamente impossivel. A I.S. é sò uma prévia ou serà que eu tô falando besteira?

    ResponderExcluir
  22. Tut,
    obrigada pelo seu reconhecimento, mas preciso discordar do senhor, minha moral ta baixa, aliàs o que é isso?!

    ResponderExcluir
  23. "O fato de eu ter inimizade com todas as pessoas não significa que eu seja MAU" mas significa que alguma coisa de errado existe aí, né não?

    Acredito que não seja seu caso né senhor Lazaro?! Você parece ser uma pessoa agradável

    :D

    ResponderExcluir
  24. CADÊ TODO MUNDO DA TRIBO?
    ALÔ ALÔ MARCIANO

    ResponderExcluir
  25. As condutas apuradas pela Comissão de Investigação Social do concurso devem se mostrar justificáveis e razoáveis, evidenciando serem incompatíveis com o que se espera do ocupante do cargo público, onde se destacam a preservação da ordem pública e manutenção da paz social.
    Gostaria muito que esta questão fosse "o algo" para colocar pessoas decentes na policia em geral. Mais com o decorrer do tempo a investigação social antes de ser funcionário publico e exemplar, mais quando se torna efetivo do cargo a um desvio de conduta.
    Sinceramente, acho que esta apuração social deveria ser feita todo ano. Com está atitude evitaremos que muitos policiais caiam na tentação do dinheiro fácil evitando que o crime organizado se estabeleça em sua face mais perversa.

    ResponderExcluir
  26. Lázaro - Querida Regina, entendo sua postura e a respeito por isso. Porém eu discordo de alguns pontos. Juridicamente falando o fato de ter meu nome no SPC/SERASA ou ter boletins de ocorrência sem sentença que não cabe mais recurso não é motivo suficiente de reprovação do candidato.

    Quanto a personalidade da pessoa, o individuo pode ser falastrão demais, ou seja, fala sem pensar ou então ser muito estressado por coisas simples e acaba gerando uma má interpretação dos vizinhos por conta disso. Mas ser assim não significa ser MAU.

    Eu conheço um amigo policial problemático que fica indo de delegacia pra delegacia por problemas de relacionamento, mas não é MAU (aquele que comete crimes). A investigação social na minha opiniao nao deveria reprovar alguem por seu comportamento que não configura crime. è o subjetivo de cada um.

    Ah, eu não sou MAU não, sou um anjinho. =)Procuro respeitar as leis e ser um bom cidadão. Muitas pessoas podem manter um bom contato com todo mundo mas por dentro está arquitetando o MAU. Bjoess querida Regina. Daqui a pouco a Novinha vai querer me investigar srsrrs.

    ResponderExcluir
  27. sou a favor da investigação social, tanto pra entrar quanto pra permanecer... principalmente quanto a esta última hipótese. o problema, como tudo mais que envolve acatamento e interpretações legais, é a aplicação da norma pelo homens. discriminações, subjetivismos e preconceitos são, ainda, inafastáveis. felizmente, a jurisprudência dos tribunais superiores já tem se orientado no sentido de corrigir distorções, como, por exemplo, já se admite aprovação de candidatos com dívidas, com inquéritos policiais e ações criminais; tudo a depender, claro, da situação material particularizada.
    regina, como assim sem moral?? se vc não tiver respaldo aqui, ninguém mais tem!! se vc estiver sem 'prestígio', não esquenta: vou ali na padaria comprar um pra vc, tá?! :D

    ResponderExcluir
  28. TODOS PODEMOS CAMBIAR....

    BESOS

    NINA(MANZANAS, CREZAS....)

    ResponderExcluir
  29. Tut,

    prefiro diamante negro ou chokito

    :D

    ResponderExcluir
  30. Tinha uma certa dúvida quanto a investigação social, achava que era tudo via "sistema" mas o negócio é sério mesmo! sou a favor temos que saber quem é digno de ser polícia ou qualquer outra coisa que diz respeito a servir ao Estado.

    Guerreira estou morrendo de saudades fica com nosso querido papai que nunca é surpreendido com nossos segredos.

    ResponderExcluir
  31. Essa sensação de ter a vida bisbilhotada não deve ser nada boa. rs
    :)

    ResponderExcluir
  32. Uai, não sabia que a polícia fazia 'investigação social' dos futuros empregados, lol.

    Miacabei de rir com o Mohamed Ali ou Mohamed Laden... Kkkkkkkkkkkkkk!

    Beijos ;***

    ResponderExcluir
  33. A investigação social sempre me gerou essa dúvida que o senhor Lázaro acabou por levantar: para que serviu a investigação social quando o sujeito se torna como o criminoso ao entrar para a polícia? Não digo que há erro por qualquer parte (salvo o policial criminoso em si, mas ele é outro dedo de prosa), mas sempre foi algo que me deixou filosofando a respeito.

    De resto, faço das palavras da Regina as minhas: quem anda na linha não tem o que temer.
    Mas que bate um friozinho na barriga, ah, isso bate... E minha multa de trânsito, como fica? rs

    ResponderExcluir
  34. Vim aqui apenas pra dizer que adooooro teu blog! Sou uma futura aluna sd e aluna of... Super me identifico com o que escreves; me faz querer aproveitar ainda mais quando tiver a oportunidade dos meus cursos... Obrigada!!!! :*

    ResponderExcluir
  35. Humm que horrível, eu sei que é necessário, mas ainda assim é horrível, fizeram a mesma coisa comigo e olha que só fiz concurso para temporário... não tinha nada de errado comigo, mesmo assim..gostei não rsrsrs...

    bjinhos pra vc

    ResponderExcluir
  36. Acho natural esta investigação. Deve haver injustiças; mas, não há como não ter uma informação do cidadão.

    Verdade:
    1) Poderia ser feita todo ano, com todos os policiais.
    2) Poderia ser feita com politicos.

    ResponderExcluir
  37. é... tenho de confessar: eu sou mesmo um palhaço (mesmo que tenha cara de sério!!). eu, lá, primeiro dia de aula no cursinho, sala com 16 alunos, à exceção de um, todos desconhecidos, eu no fundo, a professora de civil explicando sobre começo e fim da personalidade jurídica, disse: - existem dois tipos de 'morte'. quais são? eu, de pronto, no átimo de segundo seguinte, sem perceber, respondi em voz alta: - a morte morrida e a morte matada! kkkkkkkkkkkkk
    pareceu piada do 'joazinho' kkk
    pode um trem desse!! e a postura, como fica?!
    p.s: será que me prejudica na investigação social?!?! ih, fu*....

    ResponderExcluir
  38. O que será que aconteceu com a novinha? será que tomou chá de sumiço? Vai ver foi fazer uma investigação social...
    =)

    ResponderExcluir
  39. de vez em quando ela some mesmo, vocês tb já perceberam né?

    :P

    ResponderExcluir
  40. cuidado, anônimo! ela pode estar exatamente do seu lado agora!
    kkkk

    ResponderExcluir
  41. É mesmo onde andara nossa Guerreira?


    Artorius se a postura contar uns 10% somos 2 que contara apenas com os outros 90% para entrar na policia kkkkkk

    Bjs Isis

    ResponderExcluir
  42. Alguém aí falou meu nome em vão???

    : )

    ResponderExcluir
  43. hhaaaaa! peguei no 'fragrante'!!!
    :D

    ResponderExcluir
  44. Bem-vindos todos vcs que chegaram agora pela primeira vez!

    Muito obrigada pelos comentários!

    ResponderExcluir
  45. Sumi não, gente...

    Só deixei vocês debaterem à vontade e pelo que percebi: Há posições divergentes entre os leitores. Um debate bastante salutar, né? Posso jogar um pouquinho de lenha na fogueira???
    : )

    Para aqueles que bateram na tecla de que a investigação social tem que ser constante, concordo plenamente. E é. O problema é que umas são mais ou menos eficientes que as outras. Aqui quando cai alguém de dentro a gente sempre usa o que já virou um jargão: "é necessário cortar na própria carne".

    Mas acredito que essa vigilância, esse cuidado, não é um trabalho só da polícia sobre os seus, né verdade? É um dever da sociedade toda. Se não houvesse corruptores não haveria corrupto em lugar algum, penso eu.

    Portanto, se até o câncer evolui, também a gente tem que se superar sempre até alcançar o nível que esperamos da polícia que este país merece.
    ; )

    6 concordam ou não?

    Beijo gente!

    ResponderExcluir
  46. tb, tô otimaa!!!
    Ja passei a entrevista pra mari, é so esperar ela publicar
    ;)
    Quais as news?

    ResponderExcluir
  47. Caraca!

    Adorei o vídeo que vc postou, amiga!

    Vou linkar lá no cantinho da Confraria!

    ResponderExcluir
  48. Tutu,

    Data venia, não há dúvidas de que vc tá falando como um legítimo advogado.
    : )

    ResponderExcluir
  49. Amiga!

    Que foi? Dormiu?
    : )

    Um beijo de boa noite pra vc!

    ResponderExcluir
  50. E vc acha que eu iria sem te dar tchau?

    ResponderExcluir
  51. Pensei que você estivesse numa missão super trabalhosa e meio que teve que "abandonar" o blog... Ainda bem que está de volta. Abraço.

    ResponderExcluir
  52. Rê..num recebi a entrevista não parceira...manda again!

    Lindona assino em baixo, passou da hora da PF cortar na própria carne. O problema é ter contingente pra fazer investigação social ad eternum né.

    Acho que conjecturar em torno do corrupto e do corruptor é igual falar de ovo e galinha. Rende discussão com direito a tese e dissertação. O que importa é que se o trabalho for reconhecido devidamente (financeiramente ou não)o interesse pelo suborno diminui significativamente.

    E sejamos francos, Caráter não se compra,vende ou ensina. É como uma pinta, nasce com vc. Depois de grande, ou vc tem, ou não tem!

    Bjuu!

    ResponderExcluir
  53. Bom dia madrinha!!!
    que bom que gostou do video, vou la conferir na confraria.
    to trab hj
    bjo

    ResponderExcluir
  54. Hola!

    solo pase a dejarte saludos


    Que tengas un bonito día

    Besos!

    ResponderExcluir
  55. Lázaro - É complicado ter que "cortar na própria carne". Enquanto os governantes não valorizarem a Polícia como se merece, através de uma melhor remuneração e condições de trabalho, a corrupção de alguns agentes da lei continuará a acontecer.

    Será que é justo um policial ter que fazer "bicos" após sua atividade policial estafante? O Policial não quer morrer por tão pouco e acaba muita vezes fazendo negócio sujo com o bandido.

    Dependendo desses governantes rídiculos para aprovar a PEC 300, o policial vai sofrer muito. Tenho raiva dos políticos que menosprezam a polícia, ela é uma instituição que salva vidas e tira criminosos da sociedade. Afinal desvalorizar a policia é uma forma da mesma não investigar os crimes de colarinho branco.

    A corregedoria faz um belo serviço, embora seja interpretada como "do contra" pelos outros agentes. Haja honestidade da corregedoria que ganha pouco e investiga seus próprios parceiros de instituição.

    Pela forma que a novinha abordou o assunto, vejo que és uma mulher honesta assim como tantos outros nessa honrosa instituição. VOU DÁ UMA SUGESTÃO NOVINHA PARA VC LEVAR PRO SINDICATO: PORQUE VCS NÃO ELEGEM UM GOVERNADOR QUE TRABALHE OU CONHEÇA A FUNDO O TRABALHO POLICIAL? POLICIA TEM EM TODO O ESTADO, SUAS FAMILIAS E AMIGOS PODEM AJUDAR NA ELEIÇÃO. SÓ ASSIM VCS SERÃO PLENAMENTE RESPEITADOS.

    BJÃO NOVINHA TAVA MORRENDO DE SAUDADES DE TU.

    ResponderExcluir
  56. É por escreveres textos assim como este que eu gosto de ti, além de dizeres coisas muito atinadinhas, ainda me fazes rir no fim.

    Qual é a mãe que não fica...

    beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  57. como assim falando como um autêntico advogado? agora vc 'enfraqueceu a amizade'! kkk
    não entro mais em um fórum como advogado nunca mais na vida (espero que não :D)!! peguei asco mesmo!
    concordo aí com seu ponto-de-vista; principalmente quanto ao lance 'corruptor-corrupto', que pode muito bem ser aplicado ao 'usuário-traficante', 'eleitor-político', 'doce-de-leite quente-dor de barriga', entre outras importantes coisas rsrsrs

    isis, será que a gente tá tão sujo assim!?!? kkk é melhor não procurar, né?! kkk

    abraço nos homi, bêjo nas muié. fui...

    ResponderExcluir
  58. Hei, Cop!!
    Quanto tempo, hein???
    Vejo que ainda mantem as coisas em ordem por aqui, ao contrario do meu cafofo abandonado!
    A verdade é que tenho estado sem tempo nenhum, e o pior, sem inspiração também...
    Mas então, espero poder arranjar um tempínho pra continuar visitando aki...
    Té Mais!

    ResponderExcluir
  59. Mari,
    qdo eu chegar em casa te mando de novo.
    eu enviei pro maci...

    ResponderExcluir
  60. Lázaro - Novinha estava lendo o post do salmo calibre 91 do seu blog. Gostei muito, porém sinto um vazio perante a sua conclusão de que tudo acontece com a permissão de DEUS. Respeito e obedeço o Criador, mas meus desejos humanos permeiam a mente, pois o que quero é tão pouco pelo muito que Deus pode oferecer.

    Confesso que no momento passo por uma fase de indefinição sobre meu futuro, pois sempre quero o melhor. Minhas frustrações anteriores me fizeram querer ser perfeccionista em tudo, e quando a derrota surge mais interessado em vencer eu fico.

    A história de Davi e Golias colocada por seu blog reforçou o meu mais audacioso projeto: Conciliar os desejos de Deus com os meus. Sou um estudioso da Bíblia e procuro interpretá-la. Não quero ficar para trás, só assim me sentirei realizado.

    O Davi da Bíblia nunca foi valorizado por seus conterrâneos. Me sinto um pouco Davi. O Golias que enfrento me desafia todos os dias. O Golias da injustiça, da inferioridade, da intolerância. Golias sempre existem e existirão em nossas vidas. O que falta sabermos é se o Davi da perseverança está presente em nós ou cansou dos constantes desafios.

    ResponderExcluir
  61. madrinha!!!

    temporário da PF?? vai ter arma? vamos ganhar uma glock? acho que não né?

    ai ai ai só de pensar me dá um troço

    ResponderExcluir
  62. Não, né amiga...

    Administrativo não é policial.
    Vai ter que fazer outro concurso, bonithennha...
    : )

    ResponderExcluir
  63. eu sei né, Madrinha!!

    mas eu só quis dizer...kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    positcheeeeevo

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    saudades abiguinha!!

    ResponderExcluir
  64. Caraca, amiga...

    Não acredito que vou dormir às 21h09 minutos...
    É cansaço...

    Tô morta!

    ResponderExcluir
  65. entao vai amiga!!!

    vai descansar , refazer as forças

    uma pena né, mas tá bom!!!

    ResponderExcluir
  66. zzzzzzzzzzzzz

    Hein???

    Annhhh???

    Anhammm...

    zzzzzzzzzzz
    :*

    ResponderExcluir
  67. Lázaro - Sabe doutora novinha, fico pensando algo acerca da carreira policial. O intuito de ser policial é de defender a sociedade ou de ser uma autoridade, usar armas, dá voz de prisão em prol da defesa da sociedade?? Veja que são duas opções diferentes: a primeira tem objetivo de prestatividade ao interesse coletivo; a segunda é uma realização pessoal
    Qual dos dois vc se encaixaria? Bjoess

    ResponderExcluir
  68. pô, cheguei tarde. perdi a bagaça! kkk
    agora meus horários estão mais apertados, não dá pra acompanhar ocês não, uai!!! rsrs
    bão, basnoite procês, intão!!!

    ResponderExcluir
  69. Oi Tipão!

    Vc já leu este texto aqui?

    http://mulhernapolicia.blogspot.com/2010/09/confissoes-de-uma-concurseira.html

    Aqui eu falo sobre minha saga de concurseira.
    : )

    ResponderExcluir
  70. Eder...

    Ossos do ofício, prerrogativas do cargo.

    : )

    ResponderExcluir
  71. Oi Lázaro!

    Bom dia!

    Eu acho que as duas coisas se completam.
    : )

    E você o que acha?

    ResponderExcluir
  72. Tutu...

    Obrigada pela visita.
    Sei que agora tá mais complicado, por isso valorizo ainda mais qdo vc vem aqui.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  73. Lázaro - Eu acho que a maioria dos policiais pensa em ter o poder. A profissão de policial é a unica que permite essa liberdade dentro da legalidade. A defesa da sociedade é mera consequência da realização pessoal do policial.
    Porém, eu valorizo muito vcs policiais. Quem sabe vc se candidata governadora e muda a historia da segurança publica em seu Estado?

    Por trás desse importante passo na sua vida como governadora eu enfim saberei quem é a novinha. Agora sou eu que uso o interesse publico para conseguir essa realização pessoal.

    =)

    Sobre o blog, algo que me faz tremer é a questão do concurso publico. É tão complicado ser aprovado mas eu sei que DEUS é conosco e não desampara ninguém. Quem sabe depois de ser aprovado eu consiga casar com uma mulher maravilhosa?
    Bjoess fica na paz, oro por ti. Seu blog é um misto de utilidade pública, relatos policiais e poemas reflexivos. Que o Deus todo poderoso o proteja sempre!

    ResponderExcluir
  74. Mulher... Confesso que já tinha lido sim, mas não lembrava mais. Relendo aqui deu pra responder algumas das perguntas que fiz a você, tipo se você (Estudou aficamente por quanto tempo mais ou menos? - pelo visto nem deu pra contabilizar... e se Fez muitos concursos até passar? - pelo visto sim...). Mas mesmo você não respondendo as outras, penso que você ingressou na polícia em 2009 em virtude do início das postagens. Já em relação ao material, queria apenas fazer um comparativo dos mais diversos disponíveis. Cada um adota determinados livros e estou fazendo uma certa "seleção" antes de adiquiri-los. Artorius e Regina já deram uns "pitacos" e comparei os mesmo com o post referente à livros do Eduardo no blog dele. Queria evitar o fato de comprar livro caro e nem sequer usá-lo como aconteceu com você - aceito doação até dos usados, rsrs... Fiz uma listinha pra comprar esses livros que abordam a jurisprudência cobrada no concurso além dos outros temas abordados - agora tenho que me programa para comprá-los aos poucos. Era isso. Obrigado pelas informações e segue a saga. Beijo menina.

    ResponderExcluir
  75. oi, tá lá no blog da 'saga' a notícia sobre o concurso pra agente administrativo que vc anunciou ontem! tá melhor que o datena: notícia em primeira mão!! kkkk
    é, tá um tiquim apertadim sim, mas não deixo de passar pra ver a bagunça não. vou participando na medida que for possível. abração pra todos!! fui...

    ResponderExcluir
  76. Gente que coisa boa estar aqui com vcs!
    Nunca consigo pegar essas conversas mas tudo bem né fazer oq.
    Guerreira não me esqueci de vc m minhas orações não hein bjs minha linda,

    Que Papai nos abençoe!

    ResponderExcluir
  77. ou!! beleza aí?!? cadê a moçada?!

    ResponderExcluir
  78. amiga?

    tá tudo bem por aí?

    cadê você????

    publica aí pra gente saber que está tudo bem contigo

    aguardando...

    ResponderExcluir
  79. Bom dia pessoal!!!

    alguém viu minha maadrinha pela blogosfera?

    ResponderExcluir
  80. Lázaro - De repente gerou-se um vazio virtual aqui no blog!!!
    =)

    Queria saber de vcs, se seria válido ou não um ex presidiário virar policial? Para mim, ou ele seria um excelente policial por ter conhecido o lado adversário ou uma grande ameaça a instituição policial.

    E vcs o que acham???

    ResponderExcluir
  81. Colegas kd a dona do blog
    Será que está ocupada com instruções rs rs
    Estou por aqui

    Guarda

    ResponderExcluir
  82. Oiê, gente!!!

    Que saudade de vocês!!!
    Tô super aqui!
    : )

    Humm... tá na hora de postar algo novo, né?
    : )

    ResponderExcluir
  83. Lázaro...

    O que eu queria mesmo saber era: se ser um ex traficante não é um impeditivo da assunção do cargo de delegado de polícia, pra que serve essa investigação social?

    : )

    Beijo pra vc!

    ResponderExcluir
  84. madrinha!!!!!

    QUE BOM QUE APARECEU!!!


    saudades

    ResponderExcluir
  85. Abiguinha!!!!!!

    Aiiiii, que saudade!!!

    : )

    Estudando muito?

    ResponderExcluir
  86. Oiii
    então, deixei o periodo da tarde reservado pro concurso, ja que tenho aula de manha e à noite
    E vc, ta boa?

    ResponderExcluir
  87. Tô bem, amiga!

    Um pouco cansada.

    : )

    Que bom, amiga... desanima não.
    : )

    ResponderExcluir
  88. Lazaro - Novinha...

    Na minha opinião, se o ex traficante pagou a sua pena e se arrependeu sinceramente, eu creio que ele deve ter uma segunda chance. Na minha humilde opiniao a investigação social só serviria se a policia encontrasse alguem que deve a Justiça.

    Novinha eu estou fazendo um artigo relacionado a area penal. Vc postaria em seu bog depois de uma analise pessoal? Abraços

    ResponderExcluir
  89. Abiguinhaaaaaaa!!!
    O que vc conta de bom?

    ResponderExcluir
  90. Oi Lázaro!

    Quando é que vc vai criar o teu blog?
    : )

    É facinho!
    : )

    Eu sou a favor da reintegração do preso à sociedade, sabe? Acho que devemos sim colaborar e não discriminar, mas isso tem que ser feito com bom senso. A polícia não é o lugar mais indicado pra isso. Se é que vc me entende.
    : )

    Beijo!

    ResponderExcluir
  91. Regininha, minha flor!

    Tava aqui arrumando umas coisas... nada de novo...
    : (

    Tá conseguindo estudar como gostaria?
    : )

    ResponderExcluir
  92. Ah, nao como antes, tenho que dividir meu tempo do concurso com a facul, mas ainda sobraram matérias afins
    ;D

    ResponderExcluir
  93. Amiga...

    Se joga nessas matérias então e tira 10 em tudo. A prof de criminologia vai ficar impressionada contigo.

    : )

    ResponderExcluir
  94. Isis, guerreirinha!!!

    Obrigada por sua participação aqui, amiga... sei que tá puxado aí, mas por isso mesmo valorizo quando vc faz um esforço de vir assim mesmo.

    Beijo, lindinha.

    ResponderExcluir
  95. Seu Guarda!!!

    Tava sumidinho, né???
    : )

    Já sei... tava em missão.
    : )

    ResponderExcluir
  96. FINALMENTE CONSEGUIR POSTAR COLOCANDO MEU PERFIL PARA FICAR VÍSIVEL! ABRAÇOS FICA NA PAZ NOVINHA. BJOESS

    ResponderExcluir
  97. Oi Lázaro!

    Bem melhor assim!
    : )

    Um beijo de boa noite pra você!

    ResponderExcluir
  98. amiga,
    bom dia!!!
    ta tudo certo por aí?

    ResponderExcluir
  99. POSTEI O MEU PRIMEIRO ARTIGO. GOSTARIA QUE OLHASSE! BJOESS NOVINHA.

    NUNCA MAIS VI A REGINA POR ONDE ELA ANDA?
    BJOESS

    ResponderExcluir
  100. Acabeid e passar pela minha investigação de conduta ehehhehe Muito legal seu texto! Virei fã do Blog!!
    bjinhosss

    ResponderExcluir
  101. "rs rs rs
    Ai, ai...
    Bom, obrigada pelo elogio!

    Você é muito especial, sim. Por isso fico incomodada às vezes por não ter condições de retribuir à altura.
    : ("


    Há certos detalhes e gestos que valem muito mais que certos outros detalhes. Simples assim.

    :)


    Spartanski

    ResponderExcluir
  102. Não é possível!!!

    Eu sempre falo isso pra minha amiga!
    Eu digo pra ela que ela tem tanto crédito comigo que se um dia ela pisar feio na bola é possível que o saldo ainda seja positivo.
    kkk

    ResponderExcluir
  103. O peso está no valor dos detalhes - um detalhe positivo tem o mesmo peso "proporcional" de um detalhe negativo.
    Por isso, é preciso prezar e manter o saldo positivo - always. Meu pensamento.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  104. Não tem ninguém com fome essa hora? (Maninha?)

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  105. Não.
    : )
    A essa hora eu já tinha almoçado.

    Então, mas a minha amiga diz que não é bem assim não. E que é melhor eu andar na linha com ela.
    rs rs rs

    : )

    ResponderExcluir
  106. Perfeito.

    :)



    Pois é.

    Aliás, uma correção na minha frase - notei agora: "um detalhe positivo nem sempre tem o mesmo peso "proporcional" de um detalhe negativo." O perigo do detalhe negativo é o efeito neutralizador.

    Parece "duro/insensível" mas, concordo ela - confesso. (risos)

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  107. Sim!!
    Eu vi na Globo News - Jornal das 10.
    : )

    Aquela saída da policial de RO ficou parecendo coisa ensaidada! Linda!
    : )

    ResponderExcluir
  108. *゚✿*゚ Um excelente dia pra você maninha! *゚✿ฺ*゚

    Spartanski

    ResponderExcluir
  109. Olá!

    Tudo ótimo, linda.

    :)

    Imagino (!).

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  110. Êêêêêêêêêêê!!!

    Você chegou!!!

    : D

    ResponderExcluir
  111. Fofa(!).

    :D


    Estava já escrevendo:

    "Quero desejar uma excelente noite, um ótimo descanso (...)".


    Você deve estar muito(!) cansada.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  112. Status: Quanta energia ainda - olha isso!

    :)

    Contagiante.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  113. Tinha uma coisa seríssima pra te contar...

    Mas acho que não vai ser possível.

    Que triste.

    ResponderExcluir
  114. "Serríssima"

    Torço então para que seja possível resolver - se for o caso (assim espero).

    Entendo.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  115. Obs.: Não sei se fez sentido o que acabei de dizer.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  116. Na verdade, tá resolvido.

    Faz... faz sentido, sim!

    : )

    Você recebeu os resultados da tua última prova?

    ResponderExcluir
  117. Ao menos.

    :)


    Sim, recebi (!).

    Spartanski

    ResponderExcluir
  118. Sim! Muito bom!

    Essa variaçãozinha é normal.

    Metas ajustadas para o próximo?

    ResponderExcluir
  119. Conseguiu a revista de que te falei?
    : )

    A variação do seu recorde para a última nota (essa variação é normal).

    Mas eu quero ver você passar pra casa dos 40, logo! E acho que tá perto.

    : )

    ResponderExcluir
  120. É assim, mesmo!

    A cada simulado você vai adquirindo experiências, e isso parece pouco a cada prova, mas o progresso juntando tudo é bem maior do que você nota. Pode confiar!

    : )

    ResponderExcluir
  121. Revista: Não, não - ainda.¹

    Obs.: estava estudando pelo "O GLOBO", "Correio Braziliense" e blogs voltados para prova de Atualidades.


    Vou agilizar isso.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  122. subsetimada no sentido da dificuldade da matéria. Você pensava ser mais fácil?

    ResponderExcluir
  123. Sobre o atraso, tudo bem.
    : )

    O concurso também atrasou, né?

    Sobre deixar Português por último, é como se a interpretação (gramatical e textual) das outras questões funcionassem como um aquecimento pra você, não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, não. Sobre o atraso: tentarei tirar no tempo.
      Fácil não vai ser, mas, não desisti. Não mesmo.

      Spartanski

      Excluir
  124. Isso - na verdade, também é isso.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  125. Sei.

    O seu Português é mais natural, né?

    Bom, nas outras matérias o CESPE provoca muita eliminação nesse ponto. Explora o que o aluno responderia normalmente e usa isso mesmo como uma armadilha (valorizando as exceções, por exemplo)...

    ResponderExcluir
  126. É, mas essas "naturais" eu sei identificar e não respondo - se não sei: não respondo. CESPE adora isso mesmo.


    Mas, são outras naturais - surgem de um conhecimento muito antigo, talvez.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  127. Pois é... você acha que esse conhecimento antigo, quase intuitivo te ajuda na interpretação te textos ou não?

    ResponderExcluir
  128. Nossa...

    Soninho aqui, maninha...

    Vou nessa...zzzz

    ResponderExcluir
  129. Interpretação é diferente de gramática - o "conhecimento" mais antigo é de matérias de gramática (algumas¹).

    Obs.:¹ mas que dominava muito bem.



    Outros conteúdos, mais "remotos", preciso realocar as "regrinhas" novamente, logo. Não tem pra onde correr.

    :)


    Independetemente de "saber" ou não, preciso fazer uma "varredura" completa novamente. Citei apenas isso por achar um tanto quanto curioso. (risos)

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  130. Obs.: Se bem que, muitas vezes, interpretação envolve gramática. Nesse caso, além de "concentração", preciso da "regrinha".

    Spartanski

    ResponderExcluir
  131. Bons sonhos! Descansa direitinho.

    Agradeço a companhia e apoio de sempre.

    Bjs pra você!

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  132. Bom...

    Eu continuo aqui torcerdo sempre por você.

    E acreditando que é por aí.
    Ou seja, vai dar certo.

    : )

    Um beijo e um bom dia!

    ResponderExcluir
  133. Obrigada por isso(!).



    Você dormiu bem?

    Um ótimo dia pra você, linda.

    Bjs!

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  134. Oi!!!

    Eu que agradeço, é tão bom poder participar dessa sua trajetória.
    : )

    Não dormi bem. Perdi o sono de madrugada...

    Mas hoje fechamos tudo aqui e o resultado foi positivo.

    Foi uma semana e tanto.
    : )

    E seu dia? Como foi?

    ResponderExcluir
  135. Olá!

    E é muito bom poder dividir.

    :)

    Sério? Que chato!

    Hoje você descansará melhor.

    :)

    Excelente! Ótimo isso.¹

    Obs.:¹ é bom ler.

    :D


    Status/dia: Produtivo.

    :D

    Spartanski

    ResponderExcluir
  136. ઇઉ Oℓá!.•°°•.

    "Pαรรєi αqui ραяα тє dєรєjσ мuiтα αlєgяiα... мuiтσ cαяiинσ... є мuiтα єиєяgiα!

    Bσм diα! Bσм diα! ๑ƸӜƷ๑"

    Bjs!

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  137. Olá...

    Dia tranquilinho hoje, estou me preparando para um evento especial amanhã!

    : D

    ResponderExcluir
  138. Status: Aproveita bastante! Hehe

    Spartanski

    ResponderExcluir
  139. Nossa!!!

    Você tá aí?
    : D

    Quase assustei!
    : )

    ResponderExcluir
  140. Como está o seu sábado?

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  141. Tá bem bom!
    : )

    Descansei!
    : )

    Estou curtindo.

    ResponderExcluir
  142. É bom vê-la feliz/alegre/contente.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  143. : )

    É, estou sim...
    Deu pra notar, né?

    Pausa de um dia? Ou só de algumas horinhas?

    ResponderExcluir
  144. Pois é - o ritmo é esse!

    Spartanski

    ResponderExcluir
  145. Ok...

    Vai dar!
    E vamos comemorar muito, ok?

    ResponderExcluir
  146. Tá vendo como, além de aprender a matéria a gente também precisa aprender a aprender, mais do que qualquer outra coisa?

    : )

    ResponderExcluir
  147. Aprender a aprender: É exatamente isso.

    :)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  148. E ver a sua evolução a cada etapa me dá um orgulho...

    : )

    ResponderExcluir
  149. Ué... não sabia que essa técnica tinha nome.

    Eu faço isso pra revisar e fixar as informações. Nessas horas tem que ter concentração e essa técnica é 100% eficiente no meu caso.

    Tô comendo bolo, quer?
    : )

    ResponderExcluir
  150. Serei eternamente grata por esse apoio tão especial.

    Spartanski

    ResponderExcluir
  151. Detalhe... pra mim é 15 minutinhos, só.
    : )

    Ahh, e eu tenho deficit de atenção, também...

    ResponderExcluir
  152. É mesmo muito eficiente¹! E eu não sabia o quanto!

    Obs.:¹ especialmente os 15mim (mais de 20 fica diferente mesmo...)

    Spartanski

    ResponderExcluir
  153. Não, linda, obrigada! :D

    Spartanski

    ResponderExcluir
  154. É. Um bolo "indiano"... (bom demais!) com chocolate pra beber.

    ResponderExcluir
  155. "Indiano"? Nunca experimentei.

    Com chocolate pra beber? Caramba... Está um caso sério isso aí... Hehe

    Spartanski

    ResponderExcluir
  156. É um bolo que tem canela, mas parece de chocolate. Tem um recheio bom... de... parece um doce de leite.
    : )

    ResponderExcluir
  157. É, estava vendo aqui...

    Ao que parece, faz mesmo juz ao "bom demais!".

    :)



    Obs.: Adorei a descrição. (risos!)

    Spartanski

    ResponderExcluir

Confissões